Baú de Lembranças

  Não se pode ser jovem para sempre. Mas é possível conservar a imaturidade pelo resto da vida.
"Jane Seabrook"

Eta! Que o adulto é mesmo muito bobo. As coisas simples e boas da vida acabamos perdendo, principalmente nós, mulheres... É isto mesmo. Você já reparou em uma rodinha de homens conversando? Eles riem, contam piadas, criam brincadeiras para se divertir, jogam um ao outro na piscina... são mesmo umas crianças.Que coisa linda que é isto! E nós, mulheres, o nosso grupinho quando está reunido! O que fazemos? Ficamos ali conversando, centradas, preocupadas com a imagem, com a postura, com a elegância, mas será que somos assim? Não, não. Creio foi esta maldita cultura que nos estereotipou e, perdemos o nosso lado lúdico. Que tolas somos! Às vezes tenho vontade de perder a classe, de voltar a ser criança. Neste momento lembro-me dos dias de chuva, das tardes quentes de verão...Que vontade de tirar os sapatos e sair pisando nas poças d'água que aqueles finais de tarde ensolarados formavam após cair um temporal e refrescar a tarde .
Não quero pensar nos transtornos que hoje estas chuvas trazem, quero pensar em ser criança, só quero lembrar-me das brincadeiras quando a chuva cessava.
Tudo começava com o céu escurecendo e uns riscos brilhantes no alto. Aí vinha o vento, "as folhas formando redemoinho no chão", a escuridão invadia a tarde e, no céu apenas uma faixa clara, na altura do horizonte indicava que ainda era dia... Então a água desce, pesada e sonora... Por fim, ela vai embora formando no céu um lindo arco-íris.
Aí era a nossa vez... Como os pássaros que haviam se escondido e saíam começando a cantar, nós saíamos de onde estávamos protegidos e corríamos descalços para a rua brincar nas poças d'água. Eram só risos, brincadeiras. 
"A chuva faz brotar as plantas e quando a gente se permite, ela é garantia de diversão. Caetano Veloso diz em Chuva Suor e Cerveja: "...e quando a chuva começa eu acabo perdendo a cabeça". Um dia destes vou perder a cabeça, da próxima vez em que a chuva começar a cair, vou correr para a rua, tirar meus sapatos, vou deixar a roupa molhar, vou pisar na água, ...."vou sentir o gostinho de ser criança outra vez".

Autora: Selma Barreto do Canto.(ilove.terra)
Imagem: Rob Hefferan

Pessoal agradeço a todos pelo carinho e pela amizade. Desculpa a demora em atualizar, só cheguei em casa da viagem esse fim de semana. Ótima semana!
Beijo Grande!

Smareis

181 comentários:

  1. Smareis, temos mais é que nos desprender de crenças, dogmas, cultura e extravasarmos sem dar crédito para o que os outros pensam ou falam, pois o importante é a nossa catarse, nossa felicidade.

    Bom texto e ótima escolha!

    Abraços!

    Abraços!

    ResponderExcluir
  2. Viver sem apegos e sem frescuras, isso faz da gente um ser mais completo.

    Boa semana para você.

    Bjos.

    ResponderExcluir
  3. Estimada e Brilhante Amiga:
    Um texto fabuloso sobre o relacionamento interpessoal entre homens e mulheres.
    Franco. Aberto. Sensível. Aberto ao diálogo.
    Escreve com magia de pureza imensa.
    Todos nós desejaríamos regressar à infância, mesmo aqueles ou aquelas que nunca sairam dela.
    Parabéns. Adorei.
    Bem-Haja, pela amizade e pela vista lindas.
    Abraço amigo de respeito, estima e consideração gigantescas e enormes.
    Sempre a admirar o que escreve com um notável sentir de perfeição.

    pena

    É notável, amiga.
    Bem-Haja, pela amizade pura.
    Adorei.
    É fantástica.

    ResponderExcluir
  4. Que texto lindo...

    Às Vezes acho que as recordações são como as estrelas, piscam só para enfeitar a escuridão da memória.

    Uma piscada d'olhos para você!

    ResponderExcluir
  5. Excelente a tua reflexão. E partilho. Já eu...imaturidade é comigo. Faço questão:)

    ResponderExcluir
  6. Oii,
    Vim lhe desejar uma semana maravilhosa e de muitas vitórias...
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Quantas verdades neste lúcido texto. Tem pessoas que conseguem a graça e a beleza da infância, outras só fazem ser imaturas o resto da vida. Ótima postagem. Beijos!

    ResponderExcluir
  8. Minha querida e nova amiga,temos que fazer isto, voltar a ser criança,temos que ter tempo para os bons momentos,pois a vida é passageira e o tempo não espera por ninguem.Adorei este texto,como tambem seu blog.Agradeço sua gentil visita,seu comentário e por seguir meu cantinho.As portas estão abertas sempre para novos amigos,novos relacionamentos e o mais importante é o laço de amizade.
    Vim te agradecer e te seguir,mas não consegui mesmo recarregando a página. Farei o seguinte vou para o IE e ver se consigo.
    Tenha uma linda semana.
    Bjos.

    ResponderExcluir
  9. UM belíssimo texto Smareis com sabor de felicidade...tudo que criança sabe demaisssss....e eu gosto mesmo de ser criança..... amoooooo brincar e sorrir muito até a barriga doer ou então, quem sabe, já aconteceu....fazer xixi na calcinha....kkkkkkkkkkkkkkkk... de rir...kkkkk
    Beijos pérola!
    Carla

    ResponderExcluir
  10. É bem verdade, perdemos mutito tempo com preocupações que nós próprias criamos e esquecemo-nos de aproveitar os pequenos bons momentos! Bjs

    ResponderExcluir
  11. UFFFFF, EXCELENTE TEXTO. MUCHAS GRACIAS POR COMPARTIR.
    BESOS

    ResponderExcluir
  12. que texto maravilhoso!!!

    Flor, enviei por carta registrada 30/08
    C.R. nº rm887196319br

    ResponderExcluir
  13. Oi querida, como esta?
    Este texto esta nos pegando pelas mãos e nos levando ao começo, a infancia feliz...
    Muito obrigado pela viagem...meus pés ainda estão molhados..rsrssr
    Um abraço e uma feliz semana.

    ResponderExcluir
  14. Olá queridíssima !!!

    Maravilhoso texto que nos trouxe !!! Concordo totalmente, a vida é tão breve que devemos sim nos deixar levar e aproveitar certos momentos, não ter vergonha de ser criança, de se divertir !! Se levarmos a vida muito a sério, ela pode se tornar insuportável !

    Um beijãooo e que sua semana seja ótima !

    ResponderExcluir
  15. É isso aí,Smareis!Eu já tomei banho de chuva quando pequena,é bom demais!Depois tomava banho no banheiro,trocava de roupa e ia me encolher em algum cantinho,geralmente com algo quente pra comer nas mãos.Porque não ser criança de novo?Bjocas!

    ResponderExcluir
  16. Smareis querida,magnífico texto e muito verdadeiro,precisamos voltar a ser crianças para saborear a vida em toda sua plenitude.
    bjssssss,
    leninha

    ResponderExcluir
  17. Olá, Smareis!
    Passei aqui para agradecer a visita no clube dos Autores e convidá-la para conhecer o blog: http://melissaliebe.blogspot.com

    Sobre o seu blog, foi o mais bonito e organizado que encontrei até agora. Lindo! Voltarei sempre!
    A vida é simples, nós é que complicamos.

    Bjos.

    ResponderExcluir
  18. Eu chamaria a isso ter ideias fresquinhas, caminhar e chapinhar descalço nas poças da água da chuva, há lá coisa melhor do que isso.
    Eu às vezes vou com a minha família, e tenho por hábito fazer brincadeiras de moços, mas a minha mulher ou a minha filha, chamam-mo logo a atenção

    ResponderExcluir
  19. Olà Smareis,
    que prazer passar por seu blog e ler um tão lindo texto, acho esta frase adequada.....

    "Não existe idade. A gente é que cria. Se você não acredita na idade, não envelhece até o dia da morte."
    (Márcia Haydée)

    Abraços.Celeste

    ResponderExcluir
  20. Texto muito legal!
    Seu blog sempre com tudo de extremo bom gosto, parabéns!
    Uma ótima semana pra vc amiga!

    ResponderExcluir
  21. olá amiga boa noite
    lindo texto, uma bela semana com muitas alegrias,

    ResponderExcluir
  22. Smareis,

    Como nos faz bem quando conseguimos nos desnudar. Perder a pose ensinada e fazer do jeito que o coração manda, que a alma quer. A gente fica leve, iluminada, esvoaçante! Como é bom!
    Obrigada pelo bom texto!

    Girassóis nos seus dias.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  23. Concordo totalmente com você! soltemonos cabelo e dançar na chuva. A vida está esperando por nós ...
    Linda semana!

    ResponderExcluir
  24. Essa infeliz cultura que cultua o corpo fazendo dele o centro das atrações tem deixado as mulheres cada vez mais fúteis, ocas. Já não se dá importância alguma à pequenos detalhes da vida que são capazes de nos deixar felizes de forma tão fácil. Tomara que ainda tenhamos tempo para encontrarmos de novo a alegria de um jeito mais simples.

    Beijos

    ResponderExcluir
  25. Você me fez lembrar dos tempos de escola, quando gostava de andar na chuva e molhava todo o uniforme. Minha mãe ficava furiosa, mas era delicioso. Noso lado criança costuma icar adormecido, mas nada nos impede de trazê-lo a nossa realidade.

    Bjs.

    ResponderExcluir
  26. hola smareis, buenas vacaciones??; los hombres tenemos tambien muchos corsets, no lo olvides, todo lo referente a la expresion de emociones tiernas, delicadas, oprime una necesidad que es esencialmente humana.saludos

    ResponderExcluir
  27. Concordo, Smareis.

    Se divertir não é sinal de imaturidade, é sim, um sinal que a pessoa leva a vida muito a sério...

    Beijos

    ResponderExcluir
  28. Smareis,que bela sua msg!Não quero nunca deixar de ser criança em meu coraçao!Muito linda lembrança de infancia quando a chuva parava!Era mesmo a hora da festa!...rss...bjs e boa semana,amiga!

    ResponderExcluir
  29. OLÁ SMAREIS!!!
    NUNCA DIXES MORRER A CRIANÇA UE HÁ DENTRO DE TI.
    BEIJOS, DESTE LADO DO MAR...

    ResponderExcluir
  30. Se me ha borrado el comentario amigo mío,Nuestra cultura aún no ha avanzado lo suficiente, aún la mujer es considerada Tonta, pero poco a poco se va adelantando para que sea considerada un igual al hombre no en todos loa trabajos , pero si en la inmensa mayoría-
    Con ternura
    Sor. Cecilia

    ResponderExcluir
  31. Oi, Smareis

    Passei para agradecer seu comentário, sempre que posso ando na chuva, não existe nada mais reconfortante.

    Um abraço, paz e bem

    ResponderExcluir
  32. Ei psiu! Vou contar-lhe um segredo: eu faço isso de vez em quando, troco a bolsa por uma mais velha, coloco sandalias e uma blusa escura,deixo a sobrinha em casa, pois sei que por esses dias, chega a chuva e como quem nao tem outra opção, tenho que ir pra casa debaixo de chuva...ah, como é bom! Aproveito e ops! pisei sem querer numa poça d'agua...rsrsrsr...Muito bom, tomo sorvete e sapateio debaixo das goteiras, ja na minha rua, onde todos me conhecem...Tente, é muito bom! Acho que tenho sindrome de Peter Pan, pois nao sinto que cresci...bjin

    ResponderExcluir
  33. Smareis
    Gostei demais do seu texto.Acho que eu ainda não deixei de ser criança.Gosto das coisas simples.De ir à festa onde tudo é informal.De vez em quando andar no Shopping e depois tomar um lanche no Mac'Donald e no Frozen Yogurt comer uma salada de frutas. Ir à praia e me molhar na chuva de
    verão.
    Um lindo dia para você.
    beijussss.

    ResponderExcluir
  34. Eu digo pra ter alma de criança sempre. Sem medo de ser ridículo aos olhos dos outros. E rir alto, se divertir e fazer o que tiver vontade. Não tem preço que pague isso.
    Sabe, olhando as mulheres por aí, não todas, eu sempre me entendi melhor com os homens. Realmente as algumas mulheres são cheias de não-me-toques.
    Eu prefiro ser feliz do que seguir essas regras.

    Beijos....

    ResponderExcluir
  35. Muito bom o texto, as vezes é muito bom voltar a ser criança, e confesso a você que sempre volto a ser criança com meus bonecos de contação!
    Beijos, bom final de semana a vc!

    ResponderExcluir
  36. As vezes meu filho diz ma ver se a senhora crescer,ssrsrsr, pois muitas vezes me comporto como com uma criança gosto de cantar alto, rir e intimar, ai eu diga não filho quero continuar assim.

    Te desejo uma bela semana

    ResponderExcluir
  37. voltar a ser criança...
    bom seria..
    acordar todas as manhãs com um sorriso no rosto..
    e viver cada momento, sem pensar no amanhã.

    bjs.Sol

    ResponderExcluir
  38. Voltar a ser criança.
    Eis a solução! Quem nos dera...


    Bjsss

    ResponderExcluir
  39. Smareis, tudo bem?
    Belo texto!
    Se extravasar e ser feliz, como pudermos ser, não vai interferir na felicidade de ninguém, não tem porque não sê-lo.
    Beijinhos e ótimos dias!

    ResponderExcluir
  40. Olá amiga ,tudo bem ? Senti saudades suas. Obrigada pela visita , da uma olhadinha no teu email tem um mimo pra você lá ,não sei fazer igual as seus mais tentei é de coraçaõ kkkk . Lindo texto, te desejo uma semana de muitas bençãos .Beijus no coraçaõ

    ResponderExcluir
  41. Querida Smareis, obrigada por todo o carinho que você me deixou lá no mosaicos :)

    Eu sou uma avó tão "moleca", que minha netinha gosta demais de brincar comigo (e eu com ela, claro!...rs). A vida passa tão rápido, que temos mais é que nos divertir!

    Aqui na minha cidade, já completou 3 meses sem chuva...Ontem à noite, saindo para passear com o marido, verifiquei que estava ventando forte, e ainda comentei com ele: Tomara que este vento esteja trazendo chuva, já estou sentindo falta!
    Mas, que nada!...Não caiu nem uma gota!
    Quando ela chegar, acho até que vou sair sem sombrinha, só pra matar as saudades :)

    Super beijo pra você, garota, seja muito bem-vinda.

    Cid@

    ResponderExcluir
  42. Minha querida, estamos caminhando, sem tempo para continuar com o blog, é uma pena, porém o mesmo está repousando e quem sabe mais adiante possamos voltar.

    Beijo querida, muita saúde a vc e aos teus.

    ResponderExcluir
  43. Oi amiga, muito bom texto... sempre é bom bricar, voltar a ser criança. ADorei!!
    Bjinhoss e uma ótima semana ;)

    ResponderExcluir
  44. Olá Smareis,
    Tua postagem me faz lembrar, também, dos meus tempos de criança quando, eu e meus irmãos íamos brincar e aproveitar a delícia da água para tomar banho de chuva. Era uma festa só. Que coisa gostosa. Como eram bons os tempos da infância. Que saudades!!
    Gostei de teu texto, pois me trouxe a lembrança dos tempos idos.
    Um super beijo,
    Maria Paraguassu.

    ResponderExcluir
  45. Querida amiga,

    Um texto delicioso! Há muito resgatei este meu lado simples de ser feliz!


    Beijos com carinho e linda semana Smareis.

    ResponderExcluir
  46. Olá Smareis ...

    Amei teu texto, é verdade, a nossa cultura "freia" as atitudes mais extrovertidas das mulheres... mas conservar esta criança dentro da gente é importante para muitos momentos de descontração.
    Grande bj e linda semana!
    Lecy'ns

    ResponderExcluir
  47. Qué lindo texto Smareis! Me llenó de recuerdos de mi infancia!
    Hay que darse permiso para disfrutar de cada día y divertirnos como mejor nos parezca, sin importar lo que opinen los demás.
    Después de todo, no sabemos si este viaje que es la Vida volverá a repetirse...

    Besos
    Maribe

    ResponderExcluir
  48. Soberbias las palabras de Jane Seabrook.

    ResponderExcluir
  49. Hola Smareis, bello texto que leo y reflexiono en el. Un palcer leerte amiga. Besos, cuidate.

    ResponderExcluir
  50. Olà Smareis, Seu blog tem muitas belas imagens. Todos eles provocam sentimentos acolhedora e pacíficos. E seu texto é lindo.
    Obrigado por seguir o meu blog. É uma honra. Vou ser regularmente para visitar e desfrutar de seu blog. Abraços meu amiga.

    .

    ResponderExcluir
  51. De fraco, assim é...mas a beleza da velhice está precisamente na maturidade e na serenidade que nos oferece.


    Bem haja!

    ResponderExcluir
  52. Amiga não fica triste, pois nós mulheres valemos mais do que os homens, olha isto me foi mandado por email e eu resolvi te alegrar.
    POR QUE AS MULHERES VALEM MAIS QUE OS HOMENS?
    Em termos econômicos se deve a estas simples razões:
    Valor econômico da Mulher:
    Tem 2 glandulas mamárias que produzem 2 litros de leite: (R$ 2,00 o litro, são R$ 4,00)
    Tem 2 presuntos de parma por pernas (R$ 150,00 cada, são R$ 300,00)
    Tem peito: (R$ 20,00)
    Total: R$ 322,00
    Valor econômico do homem:
    Tem 1 banana (R$ 0.20)
    Tem 2 ovos (R$ 0.15 cada= R$ 0.30)
    Tem 2 glandulas mamárias que não produzem nada (R$ 0.00)
    Total: R$ 0.50
    Alem disso o homem produz perdas, porque seus ovos não se comem e seu passarinho não canta.
    PS: E com o tempo a banana se estraga
    Espero que goste e não fique chateada comigo, beijinhos de luz e muita paz querida...

    ResponderExcluir
  53. Smareis, lindíssimo seu blog!
    Esse texto é maravilhoso!
    Saia mesmo descalça na chuva e deixe a Vida vibrar!
    Eu estou incentivada e assim que eu tiver a oportunidade farei isso, correndo e rindo!!!
    Abraços e beijos em seu lindo coração!
    Ivone poemas
    henristo.blogspot.com

    ResponderExcluir
  54. O bom da vida, que passa muito rápido, é podermos conservar a essencia jovem do espirito que mora dentro da gente,,,e nele fazer morada dos sonhos....beijos de bom dia pra ti querida.

    ResponderExcluir
  55. Perder a inocência é empobrecer, creio.

    Um beijo.

    ResponderExcluir
  56. Texto lindo Smareis! Gostoso de ler e, arrisco-me a dizer, muito realista... Ele mostra principalmente que é fácil ser feliz, basta querer.

    Obrigado pela visita lá no blog de histórias, espero vê-la mais vezes também no outro.

    Grande abraço!
    Adriano Berger

    ResponderExcluir
  57. Obrigada pela visita, pelo carinho e sigo nessa busca e jamais me desapego da criança linda q trago no peito...Bjs querida...Passarei por aqui p te ver.

    ResponderExcluir
  58. Oi Smareis!
    É verdade! Perdemos muito com as preocupações, sejam elas de ordem material ou não. Precisamos não levar a vida tão a sério. Que belas recordações, sempre adorei brincar na chuva, hoje já não a vejo com o olhar mágico de antes.rsss
    Beijinhos!

    ResponderExcluir
  59. E como é gostoso a chuva molhando o corpo!

    ResponderExcluir
  60. Smareis,
    É gostoso cultivar nosso lado "criança". Conforme a psicologia da análise transacional, todos temos uma "criança do adulto" presente. São essas atitudes comentadas no artigo.
    Gostei do texto.
    Obrigada por sua visita.
    Um abraço da
    Celina

    ResponderExcluir
  61. Quem não vive a vida intensamente, desfrutando todos os momentos belos que a vida tem para nos oferecer... Não vive! Apenas existe!



    Beijos meus,
    AL

    ResponderExcluir
  62. Muchas gracias, bellísima "Smareis", por tu comentario, tan gentil.
    Tu blog es una delicia de delicadeza y sensibilidad. Felicidades!
    Un beso desde este lejano Madrid.

    ResponderExcluir
  63. Tem toda razão...inclusive estes dias escrevi algo sobre isso, sobre manter a criança que sempre fomos....

    Gostei!

    []s

    ResponderExcluir
  64. Smareis

    Tenho para mim que a idade está mais na mente. Só se será idoso, quando a mente deixar de funcionar bem.
    Aproveito a dizer que já revi provas de, POEMAS PARA UM SÓ. A presente foto da Lita fica muito bem na badana da capa, tela que ela própria criou. O Prefácio, também já revisto,é da autoria da Sarinha.
    Quer dizer este blog,por enquant está parado.
    DANIEL MILAGRE, é o principal.
    Beijos

    ResponderExcluir
  65. Concordo plenamente com o texto!
    A ludicidade de existir não acaba nunca...viver é lúdico! um presente único! - Claro que crescer é importante...mas, como já dizia Che..."Sem perder a ternura"...

    Sempre que chove (e o viver me permite)...vou p`ra lá, me molhar!!! =)

    Lindo texto,Smareis!

    ResponderExcluir
  66. Tão bom quando abrimos o baú das lembranças, fechamos os olhos e viajamos nas memórias...
    O espirito deve manter-se jovem e alegre, contrariando as amarguras da vida, só assim estaremos abertos a quem nos rodeia esboçando sorrisos.

    um abraço amiga
    oa.s

    ResponderExcluir
  67. Bom dia Smareis,

    Este post me fez rir, muito bom. Sabe que eu já reparei nisso. Muitos homens agem feito "criança" e as mulheres não, elas vivem recatadas e sem nenhuma expressão animadora. Quando eramos crianças agiamos feito crianças, quando crescemos perdemos esta essência doce. Tão bom extrapolar, sempre com bom senso, sem se preocupar com as etiquetas da vida.

    Parabéns pela postagem, adorei!
    Bjs, abençoada semana pra ti cheia de paz! =)

    ResponderExcluir
  68. eu sou criança, sempre serei em todos os momentos que posso e não me surpreendo ao olhar de quem se espanta.
    pinto, escrevo, faço as minhas manualidades descalço sentindo o chão, caminho!
    rio e choro feito criança por tudo o que me emociona, as alegrias e as angústias que edificam uma vida.
    como o sol que nos aquece a pele, que a chuva nos lave por dentro e por fora naquilo que alguém chamará de loucura ao me ver encharcado de braços abertos e olhar lá em cima para receber a natureza que me exalta... para mim é dar a mão à criança que me acompanha no amadurecimento de todos os dias.

    beijo e kandandos meus.
    Inté!

    ResponderExcluir
  69. Olá, Minha Flor de Lótus...
    Espero que tudo bem com você e esse Amor Pepe...
    O texto é lindíssimo e também ao ler recordei de minha infância, os redemoinhos..as folhas...a chuva tão necessária depois de uma tarde tão quente e abafada que nos castigava...enquanto chovia, em casa, ou em alguma tia...os bolinhos de chuva [ eu não comia...rss, sempre tive nojo de frituras...kkk, era uma criança chataaaaa...kkkkk, ficava feliz com algum biscoito, bolachinhas mesmo..rsss], depois de todos servidos e a chuva passava íamos brincar, exatamente nas poças...rs ou ainda na chuva rala...
    Muito bom ler esse texto.
    Saudade de você, sabia?
    P.S.: não escrevi antes, pois sou de Blumenau e aqui a chuva caiu demais, enchente das piores dos últimos 20 anos!, tudo ficou racionado, energia, tudo....nenhum mercado abriu...só comemos pão, bolo inglês, bolachas, e o que tinha na geladeira...rss. Assim é a vida...mas está tudo voltando à normalidade.
    Bjs, minha Flor de Lótus

    Sapatinhos da Dorothy

    ResponderExcluir
  70. Um texto muito belo, Smareis... sabe? Nunca deixer de ser um garotinho, apesar da minha idade cronológica. Esse garotinho conseguiu tudo, não o adulto que há em mim.
    Um beijo enorme.
    HD

    ResponderExcluir
  71. Muchas gracias por tu gentil comentario en mi blog.

    Hay personas que maduran muy pronto en la vida y otras jamás lo consiguen.

    Sin embargo, nunca debemos perder la esencia de nuestra niñez.

    Es maravilloso sentirse niño de vez en cuando.

    Mi más cordial saludo desde Madrid.

    ResponderExcluir
  72. Smareis, voltei só pra te dizer que sem o "S", ficou bem melhor! ;-)

    :)

    ResponderExcluir
  73. O desejo de ..?
    Que lindo texto!
    Abraço,Willy

    ResponderExcluir
  74. Lindo texto, lindo blog.
    Seja bem-vinda por lá.
    Quanto a mim, fico por aqui.
    Um grande bj

    ResponderExcluir
  75. ...querida linda,
    vc me fez voltar a um tempo de
    completa liberdade.

    poças d'agua, gritos infantis,
    sorrisos largos, roupas molhadas,
    e muita bronca...rsrs

    bjkas, amore!

    ResponderExcluir
  76. Lindo texto, querida!!A partir do momento em q a criança não morre dentro de nós somosmais felizes. Abreijos...estou te seguindo tb.

    ResponderExcluir
  77. è q sou meio lerdinha...rsrs...demorei descobrir comochegar até aqui...rsrs Sabe q já perdi seguidores por isso? bTb não consigo comentar qdo não seja por nome e url.
    Bkus

    ResponderExcluir
  78. Sejamos nós mesmas e é tudo!
    Um grande beijo com todo carinho

    ResponderExcluir
  79. Conservar a imaturidade é o segredo da juventude eterna... hehehehe! Valeu, dear! Bjz!

    ResponderExcluir
  80. Olá querida!

    Que bom seria se as pessoas não perdessem o brilho no olhar à medida que os dias passassem... mas infelizmente acontece o contrário. Porém acredito que ainda há tempo de se permitir sentir o água tocar o corpo e deixar que ela leve embora todas as tristezas ainda que por um breve momento.

    Então que venha a próxima chuva...rs

    Um grande abraço, amiga

    Deus seja contigo

    ResponderExcluir
  81. Olá, muito obrigada pela visita!
    Estou te seguindo também.
    Esse texto é a mais pura realidade.
    Bj

    ResponderExcluir
  82. Belissímo texto, sempre foi assim, desde tempos remotos, e assim será..pode ser que esta nova geração, que já esta mudando muitas coisa, mude isso tb, mas é assim que os vemos ainda, com excessões.
    Parabéns, amiga

    ResponderExcluir
  83. Hermoso texto y bello blog Smareis...Beijos com carinho e linda semana...Michelle..

    ResponderExcluir
  84. Il est bon parfois de se retrouver entre filles...
    Un blog plein d'intérêt... Je reviendrai volontiers pour une prochaine balade...
    Merci pour visite et votre gentil commentaire, à très bientôt...
    Gros bisous.

    ResponderExcluir
  85. Gracias por visitarme..Me gusta tu texto.Suerte que la sociedad a avanzado en esto de la mujer también..
    Buenas noites.

    ResponderExcluir
  86. Isso é muito bom,Smara. A gente tem que aproveitar e curtir o que estiver a fim, pois a vida é breve e não dá bis. Bora pra chuva? rsrs. ABração. paz e bem.

    ResponderExcluir
  87. Minha querida Smareis: Creo que perdemos el tiempo dentro de un corsé que nos impide ser naturales pero siempre se está a tiempo de rectificar.

    Brisas e beijos.

    Malena

    ResponderExcluir
  88. Smareis, minha querida
    Obrigada pelas boas vindas.

    Diz-se que todos temos, até ao fim da vida, uma criança dentro de nós.
    Pois então vamos libertá-la, e não deixar que a sociedade, que nos impõe as suas regras de elegência, de boas maneiras, de beleza, de tudo, enfim, a amordace e não a deixe manifestar-se.
    Gostei muito do texto, é muito bom.

    Obrigada por teu carinho.
    Desejo uma semana muito feliz. Beijinhos

    ResponderExcluir
  89. Não podia estar mais de acordo.
    Sempre fui acriançada, diziam os adultos... que bom, nunca me passou esse "mal".

    Beijinho

    ResponderExcluir
  90. Smareis, ya llevaba mucho tiempo sin leerte, entre unas cosas y otras jaja, un gusto siempre.
    Una entrada interesante, la juventud siempre me ha dado qué pensar jaja. Me encanta la frase con la que encabezas la entrada.
    Un abrazo !!

    ResponderExcluir
  91. Mas há uma coisa que eu não compreendo, porque não tirar os sapatos e dar azo à criança que existe em nós.
    Cara amiga, nós temos que saber manter essa magia que existe dentro de nós.

    ResponderExcluir
  92. A soluçaõ do conflito entre masculino e feminino não reside nas teorias nem nas disputas de poder,mas no afeto que implica respeito, superando paradoxos naturais, e lançando pontes entre contráriosàs vezes hostis.

    Um beijo

    ResponderExcluir
  93. Que legal Smareis remexer neste bau das lembranças. Eu sempre me lançava nesta chuva que ficou no tempo.Tempo de apenas chuva e medo de raios.Eu nao tinha o medo da chuva, que hoje tenho. È preciso nos permitir ser criança, liberar nossas energias represadas,permitir ser feliz.
    Gostei deste texto pela mensagem de felicidade em coisas simples.
    Um abração e vá aos poucos se engrenando.
    Mas sem stress.
    Um abração amiga.
    Bju.

    ResponderExcluir
  94. Smaris, Me recordaste una canción infantil con tu entrada...
    "...Señora lluvia dame un charquito, para que flote mi botecito! Señora lluvia ¿a dónde vas?, el Arco Iris viene detrás..."
    Besos...

    ResponderExcluir
  95. Olá Smareis,
    Diante de seu texto me vi na infância outra vez.
    Que delícia! Quantas coisas deixamos de viver por puro protocolo.
    Ainda bem que ainda temos tempo para acordar e deixar renascer a criança que existe em nós.
    Delícia de texto.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  96. Muy lindo tu blog te felicito y gracias por pasar por el blog d ejazmin, besos

    ResponderExcluir
  97. *** Je découvre votre blog. Il est beau et très intéressant ! MERCI ! Kisses from Paris ! :o)

    ResponderExcluir
  98. C'est très beau ce que tu écris et très sensé. Ton blog est romantique. J'apprécie beaucoup. Bravo!

    ResponderExcluir
  99. Smareis ,
    mas um adulto bem resolvido , é aquele que tem a sua criança bem viva .

    Um beijo ,
    Maria

    ResponderExcluir
  100. Oi amizade querida ,bom dia ,já enviei os mimos ,espero ter acertado dessa vez.Qualquer coisa avisa.Beijus no coraçaõ

    ResponderExcluir
  101. nunca debemos renunciar a ser en pos de la moda...
    saludos querida amiga

    ResponderExcluir
  102. Olá,Smareis!!

    é...crescemos e ficamos muito sérios...esquecemos de viver alegremente, de nos descontrair...
    A vida séria de mais é enfadonha!!Saibamos viver com equilíbrio!!
    Beijos pra ti querida!!

    ResponderExcluir
  103. "Que vontade de tirar os sapatos e sair pisando nas poças d'água que aqueles finais de tarde ensolarados formavam após cair um temporal e refrescar a tarde"

    Só de ler já posso imaginar como seria gostoso! Parabéns! Se puder, dá uma passadinha no blog que estou começando:
    http://psixani.blogspot.com/

    Beijos!

    ResponderExcluir
  104. Passando para deixar um beijinho no seu coração.
    Amei a delicadeza do seu blog, espero por você lá no Perseverança para conversarmos e trocar ideias...

    http://www.felicidadeamorpaixao.blogspot.com

    ResponderExcluir
  105. Há que retornar rapidamente à beleza da simplicidade e da espontaneidade.
    Isso é que realmente nos pode fazer felizes!

    ResponderExcluir
  106. vivir la vida con levedad, cada momento saborearlo con alegría como un niño, eso es vivir!

    excelente texto, querida amiga.

    un beso muy grande!

    ResponderExcluir
  107. Olá querida! Que blog abençoador! Obrigada por me seguir, também estou seguindo vc. Adorei seu blog. O teor das mensagens são bem edificantes. Bjos minha querida.

    ResponderExcluir
  108. Oi minha querida...que texto mais maravilhoso...inspirador, eu diria...como é bom quando somos nós mesmas, quando somos livres para fazer o que manda nosso coração, quando deixamos toda essa alegria, vivacidade de nossa criança interior se refletir em nós no agora...a vida fica tão mais leve e feliz...
    Beijinhos...
    Valéria

    ResponderExcluir
  109. gracias por tu visita¡¡Un blog para disfrutar con el corazón¡¡¡Saludos

    ResponderExcluir
  110. Olá querida, adorei o seu texto... Temos que guardar um pouquinho da criança que existe dentro de nós e soltá-lo sempre que possível para assim amenizar um pouco o lado cruel da maturidade.
    Estou te seguindo...Se puder venha conhecer o meu cantinho...perptua,blogspot.com
    Beijocas!!!

    ResponderExcluir
  111. Oi fiquei apaixonada pelo teu blog, adorei mesmo.
    seguindo
    bjs
    http://cosmeticosbelezasaude.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  112. ohh muito obrigada mesmo!
    tambem estou a seguir :)

    ResponderExcluir
  113. Belíssimo texto!
    Nunca devemos abandonar nossa parte de criança que há aqui dentro.
    As mulheres foram, certamente, moldadas pela sociedade da maneira que ela impôs. O mundo, infelizmente, ainda continua sendo machista. Mas podemos mudar isso, basta querer! :)


    Beijinhos, :*
    www.primeiro-livro.com

    ResponderExcluir
  114. Oiiii flor muito obrigada pela visita viu, já estou te seguindo tb. Gostei muito do seu blog.
    Sobre seu texto, concordo com vc vejo muitas pessoas agirem cheias de pose e tal. Eu graças a Deus não tenho esse problema rsrs nunca precisei esconder meu jeito e deixar de ser quem eu sou pra manter as aparências. E quando vejo que pra algumas pessoas eu preciso atuar e ñ ser quem sou, prefiro me afastar, pois sei que ñ vale apena. E sempre que vejo os outros preocupados com etiquetas, posturas e classe sinto pena. Vale apena sim
    Beijo grande adorei seu blog.

    ResponderExcluir
  115. Por vezes falhamos em não deixar que nossa criança interior reviva e nos leve a delicia de voltar ao tempo..

    Beijo imenso em seu coração Smareis!

    Verinha

    ResponderExcluir
  116. tantos seguidores :o
    e ainda vais ter mais um, sigo (:

    ResponderExcluir
  117. Oi, Smareis,passando para agradecer a visita e as palavras de carinho.
    Bons tempos, coisas simples, vida feliz! Ainda bem que ficam as lembranças para nos alimentar a alma.
    Tenha uma linda noite!
    Beijos

    ResponderExcluir
  118. É do E.S?
    Morei em Guarapari 17 anos!!!
    E ainda gosta de Pearl Jam, tem um bom gosto.
    Bjks linda.

    Grato!

    ResponderExcluir
  119. Concordo com tudo o que vc disse!
    Penso muito nisso, porque não sorrir, gargalhar, dançar, cantar, sonhar, como adolescente!!!
    A diferença dos homens para os meninos é o preço dos brinquedos - carro, moto, bike...
    E nós mulheres, quais os brinquedos que nos fazem voltar à infância?
    bjs Sandra
    http://projetandopessoas.blogspot.com//

    ResponderExcluir
  120. A vida é só uma e a felicidade não fica sempre à nossa espera...Aproveitemos o tempo que nos é dado viver para fazermos aquilo que o nosso coração dita! Um dia, vamos arrependermo-nos de não andarmos descalças na rua chapinhando os pés nos pequenos carcos de água... ou então de nos lambuzarmo-nos felizes com o maior sorvete da loja dos gelados... Preconceitos..não! Vamos arrumá-los de vez!
    Beijo amigo
    Graça

    ResponderExcluir
  121. Minha querida Smareis,novamente aqui prá te deixar um beijo e um carinho.
    Leninha

    ResponderExcluir
  122. Amada já fui buscar o mimo amei ,amei e amei .Obrigada Beijus na alma.

    ResponderExcluir
  123. Como eu gostaria de sentir o gostinho de ser criança outra vez, mas o tempo não volta e agora só nos restam belas recordações!
    bjs Vivi
    www.meublogdereceitasfavoritas.blogspot.com
    www.viviass.blogspot.com

    ResponderExcluir
  124. *** Dernier petit coucou avant mes vacances, GROS BISOUS et bon jeudi à toi ! :o) à bientôt ! ***

    ResponderExcluir
  125. Obrigada querida por teres gostado do meu blog .
    Eu só o criei ontem por isso é que não têm muita coisa . Também já sigo o teu . beijinhos :)

    ResponderExcluir
  126. Excelente texto. Deviamos conseguir ter sempre a magia de ver a vida com olhos de criança.
    Beijinhos
    MAria

    ResponderExcluir
  127. Risos...
    Moça esse texto está maravilhoso.
    Muito bem elaborado.
    Deixo a ti o meu carinho.

    Fernanda

    ResponderExcluir
  128. Lindo seu texto....

    Nada como semos autenticos..
    Mas muitas vezes ficamos presas a formalidades..

    Eu sou meio moleca..mas confesso que vivo me policiando!!

    bj

    ResponderExcluir
  129. É mesmo, Smareis! Eu procuro manter um lado criança, no meu sentido de humor, e vejo que muitas pessoas se surpreendem com isso! Afinal, tenho 38 anos ;)
    Beijinhos,
    Madalena

    ResponderExcluir
  130. Um dia repleto de carinho e paz pra ti minha amiga..beijos.

    ResponderExcluir
  131. Oi, Smareis!! ;)

    Vim agradecer por suas doces palavras e dizer que você também será sempre, sempre e sempre bem recebida no meu bloguinho!
    (http://psixani.blogspot.com)

    Beijo!!

    ResponderExcluir
  132. Parabéns,o texto está perfeito!! Eu vivo sem me apegar as coisas e sem mtas frescuras :)

    bjiimm e ótima 5ª feira

    http://meuamorpaquistanes.blogspot.com

    http://muslimahfashionn.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  133. Olá!!!
    Em 1º lugar quero agradecer o comentário e o carinho que deixou lá no meu cantinho:)))
    Gostei do que escreveste neste post...é bem verdade...eu acho até que os homens são mais unidos do que nós...é raro v~e-los um contra os outros...enqunato que um grupo de mulheres nota-se mais a inveja...a vontade de deitar a outra abaixo...
    Tb tenho imensas saudades de ser criança...muitas mesmo:)))
    beijinho grande

    ResponderExcluir
  134. Oi flor eu de novo para te dizer que tudo bem você não me seguir no twitter e no face pode participar assim mesmo do sorteio ta? Particia?
    http://tudoofake.blogspot.com/2011/09/1-sorteio-fragancia-thipos-em-1-ano-de.html#comments

    ResponderExcluir
  135. Muito obrigadaaa !
    Eu sigo tambem :D

    ResponderExcluir
  136. Lindo seu blogg!!! Já divulguei seu banner e estou seguindo também. divulga meu banne!!!!Bjusss

    ResponderExcluir
  137. Mi querida amiga, veo que el traductor dice coasa extrañas.
    Me agrada verla en mi espacio.
    Muchas gracias
    Le dejo mi ternura
    Sor.Cecilia

    ResponderExcluir
  138. Olá amiga, eu conheci seu blog de um blog de ​​um amigo em comum e eu realmente gostei de sua sensibilidade ao escrever seu texto. Sou Espanhol eu vou colocar o comentário traduzido com o Google para compreendê-lo melhor. Cumprimentos.

    ResponderExcluir
  139. Un placer leerte por Mi Nube!
    Muy sabia reflexión!!!

    Volveré con traductor otro día ;D

    Un abrazo!

    ResponderExcluir
  140. Hermosas palabras y bellísimo espacio! Felicidades por esa sensibilidad.

    Gracias por dedicarme tan preciosos adjetivos en mi blog y por quedarte.

    Un abrazo enorme!

    ResponderExcluir
  141. Hola, me ha gustado mucho tu entrada, pero a decir verdad los hombres también nos perdemos muchas cosas, no todos nos reunimos con amigos y nos divertimos, tenemos también que aprender muchas cosas de las mujeres.
    Un beso.

    ResponderExcluir
  142. Un magnífico texto, que lleva mucha razón. Muy bello y real. Un abrazo.

    ResponderExcluir
  143. Olá!
    Ser feliz, desprendido e desapegado nos faz continuar jovens, com lembranças boas.
    Beijos e tudo de bom!

    ResponderExcluir
  144. Kiidinha saudades de vc kiidinha...voltou nê kkkkkk que bom ...mas amiga que texto em kkkkk serei uma eterna criança...tem
    hora que penso que sou mais nova que minha Drikinha kk ela tem hora que é séria eu estou sempre rindo mesmo estando com essa dor lombar kkkkkkkiida vim convidar vc para a festinha em homenagem aos meus 35 anos de casada..tá simples a homenagem mas com muito amor..vai lá..tem bolinho e comes e bebes kkkkk beijus e feliz fds !!!Ando enrolada ..com pinturas aqui em casa.,.mas nunca esqueço vc amiguinha beijus !!!

    ResponderExcluir
  145. Boa noite querida Smareis!!

    É lindo o que escrevestes. Sim, os homens são eternas crianças e não escondem isso !!
    É uma benção !! Nós mulheres fomos realmente "moldadas" p/sermos seres 100% adultos.

    Mas podemos fugir às regras também !!
    Eu amiga, sempre dei minhas "fugidas" russs, que aos olhos dos outros eram chamadas de "bolas fora". Mas eu nunca liguei p/ isso. Convivi sozinha, minha meninice. Meus irmãos, mais velhos que eu, pouco se interessavam por mim.
    Meu pai via em mim um menino, e nunca reclamou de minha infância "moleca". Pulei poças , brincava de futebol c/os meninos de minha rua...

    Eu tinha um mundo limitado é facto, mas dentro dele sempre deixei livre minha "criança interior". Até hoje, depois de casada e com filho, continuo assim russss. Nós mulheres podemos, então vamos brincar também !! Merecemos !!

    Adorei teu texto e qdo gosto faço assim, desculpa. Eu desço a ladeira mesmo russs...
    Smareis um FDS Abençaodo para ti !!

    Aromas de flores do campo,
    Lilly Rose :)

    ResponderExcluir
  146. maravihoso seu blog!!! parabens!!
    ah, muito obrigado pelo elogio, fico feliz :D
    abraçãoo

    ResponderExcluir
  147. ¡Un placer, Smareis, haber llegado hasta aquí y conocer tu espacio y tus letras! Profundos textos acompañados por bellas imágenes. Me quedaré por aquí para seguir de cerca tus pasos... Un fuerte abrazo desde Argentina!!!

    ¡Muchas gracias por tu visita!!!

    ResponderExcluir
  148. Olá querida! Brigada pela visita e pela gentileza! Já estou seguindo o seu bloginho!!=^.^= Muito lindo e interessante!!Ofereço com mt carinho award, mascote e selinho de seguidor pro seu cantinho! !
    Espero sua visita mais vezes:)
    bjinhos e bom findi, Joana Neves
    http://joana-neves.blogspot.com

    ResponderExcluir
  149. Tudo se me evapora. A minha vida inteira, as minhas recordações, a minha imaginação e o que contém, a minha personalidade, tudo se me evapora. Continuamente sinto que fui outro, que senti outro, que pensei outro. Aquilo a que assisto é um espectáculo com outro cenário. E aquilo a que assisto sou eu.
    Obrigada por sua visita!
    Continue conosco, e visite nossas obras: http://drisph.blogspot.com/p/resenhas-divinas.html

    Adriana
    Clube dos novos autores

    ResponderExcluir
  150. Olá minha flor amada,

    O seu texto ficou lindo. Ser criança é uma dádiva, eu nunca vou deixar o meu lado infantil e moleca de ser. Mas existe tempo pra tudo, agora eu preciso segurar as pontas, você sabe. Estava com saudade da nossa amizade. Desejo um dia maravilhoso. Beijos e mais Beijos!

    http://umblogsemfrescura.blogspot.com

    Enigma.

    ResponderExcluir
  151. Un placer recorrer tu blog.
    Nos estamos leyendo!

    Un abrazo.

    ResponderExcluir
  152. Olá! Estou completamente de acordo! Ultimamente também acordo com vontade de voltar a ser criança! De voltar à pureza da infãncia!


    Bjs

    ResponderExcluir
  153. Nao tem que agradecer :D

    Sim , é muito simpatica mesmoo , e a outra que entrou tambem !

    ResponderExcluir
  154. Deixar fluir a criança que exite em nós. Dar liberdade para que brinque de forma pura com a vida é muito salutar.
    Beijos.
    Bom fim de semana.

    ResponderExcluir
  155. Oi, minha Flor de Lótus...
    Estou correndo com esse ENEM...indo em muitos colégios fazer aulões para os terceirões...que nem deu tempo de eu ver os vídeos...
    Quero ver suas indicações com tempo, pois devem ser especiais.
    Os aulões já estavam agendados, hoje mesmo voltei de um...
    Bjs, você é muito especial...
    Amassinhos no Pepe...pecadinho...rs

    Sapatinhos da Dorothy

    ResponderExcluir
  156. Lindo querida! As vezes esquecemos a criança que existe em nós e nos perdemos para sempre no mundo complicado de adulto.Tenha um fim de semana ensolarado e uma alma florida.Bjs Eloah

    ResponderExcluir
  157. Menina, estou gostando muito desse seu jeito de escrever. Uma grata surpresa tê-la encontrado.

    Parabéns.

    Voltaremos sempre para te ler mais e mais.

    Abraços sempre afetuosos.

    ResponderExcluir
  158. Muito obrigada mesmo, gostei imenso do teu blog e estou a seguir (:
    Beijinho*

    ResponderExcluir
  159. ♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥

    ResponderExcluir
  160. OLá querida Smareis! Estava sem net,meu PC estava no técnico.Lindo post amiga.Bom a vida tem estas facetas, que mts vezes não a percebemos,e sempre a preocupação se estamos com a roupa adequada,ou com o cabelo bem arrumado etc...Tem dias que saio de chinelo,bermuda,mas por incrivel que pareça eu não deixo de passar batom.pareçe vício.

    ♥ Sinta o que você diz... com carinho!
    Diz o que você pensa... com esperança! ♥
     ♥ Pense no que você faz...com fé!
    Faça o que você deve fazer... ♥

    Deixo aqui meu carinho e amizade, um maravilhoso
    final de semana para você.Beijokas

    ResponderExcluir
  161. Oi Smareis, paso a dejarle un beso y desearle que tenga un lindo fin de semana!

    ResponderExcluir
  162. Un placer encontrar tu rincón, y te tomo la palabra, con la próxima tormenta saldremos a saltar en los charcos y sentir el agua empapando la ropa, olvidando el peinado de peluquería y el maquillaje, dejando que la lluvia arrastre tanta "pose".

    Un saludo

    ResponderExcluir
  163. Aproveitar todos os momentos da vida, para nos sentirmos bem, recordando passagens felizes, indo buscar à infância aquele quê de inocência, de singeleza que nos coloria os dias...
    Isto e tudo o que o texto nos transmite é simplesmente maravilhoso, querida Smareis.

    Beijos
    Olinda

    ResponderExcluir
  164. Obrigado por visitar "somos las voces del tiempo", mas esse blog não é só meu... ous outros dois são ^^
    alalala beijos :)

    ResponderExcluir
  165. Adorei o post.
    Adorei o blog, ja to seguindo.


    Passa la no meu, segue de preferencia!!!

    Http://isatkmvskarku.blogspot.com

    Bjs......

    ResponderExcluir
  166. Yo tengo casi 30 años y muchos de mis conocidos se sorprenden de mi forma de ser, en que siempre estoy inventando juegos y monerias para hacer y eso realmente les sorprende y les alegra que sea asi (menos mal! jeje)y creo que de eso se trata pasarla bien ¿no?
    En cueanto a lo de las mujeres lo que dices es pura verdad, suele suceder seguido, pero en realidad siempre es todo una cuestion de actitud.

    beijos!

    ResponderExcluir
  167. Banho de chuva. Que maravilhosa lembrança seu texto me trouxe Smareis.

    Bom domingo! beijos

    ResponderExcluir
  168. Oi minha amada vim te desejar um início de semana de muita paz,realizações,amor tudo de bom que a vida possa te oferecer.Fica na paz do Senhor Jesus.Beijus na alma.

    ResponderExcluir
  169. Me encanto el texto. Lo traduci, lo leí y lo disfrute. Las imagenes que veo aquí son preciosas.
    Tienes un blog con mucho encanto; al llegar me he sentido muy bien.
    Gracias por tu visita y comentario, lo agradezco mucho.
    Te sigo.
    Un abrazo.

    ResponderExcluir
  170. obrigada por gostares tanto e me seguires, espero que gostes sempre *

    Irei segui também até porque também gosto muito *

    Um grande abraço,
    Pensando com arte.

    ResponderExcluir
  171. Olá Smareis!
    Adorei conhecer seu espaço e agradeço muito sua visita.
    Eu concordo com o que diz no texto, em gênero e grau. E é por isso, justamente, que me identifico mais com os meninos. Sempre que saímos, eu e meu marido, eu gosto mais de conversar com os amigos e poucas são as amigas com quem mantenho uma conversa mais legal, com risos, livros, cultura. Não tolero assuntos fúteis, como moda e casa. Claro que gosto de moda e de coisas de casa, sou feminina, mas prefiro exercer este gosto por mim mesma e quando entre amigos, falar de música, cinema e coisas assim. Relaxar um pouco é sempre bom! Gostei demais do texto! Um beijo!

    ResponderExcluir
  172. Olá Smareis!!
    Uma semana de paz que Deus abençoe
    poderosamente sua vida.
    Agradeço seu carinho e sua amizade.
    Que eu possa deixar somente
    amor por onde passar.
    beijos feliz semaa.
    Evanir

    ResponderExcluir
  173. Olá! Eu estava contente por ter vindo ao meu blog. Concordo com tudo que você diz.

    ResponderExcluir
  174. He venido a agradecerte que hayas pasado por mi blog,y que me sigas. Retribuyo tu gesto, quedándome como compañia...tienes un hermoso sitio. Un abrazo desde Argentina.

    ResponderExcluir
  175. Unas reflexiones muy acertadas que demuestran gran sensibilidad.Saludos

    ResponderExcluir
  176. Olá.
    É incrível como a chuva nos remete aos tempos de criança... tempos mais simples e mais felizes.
    Também queria voltar à aquele tempo bom... um dia desses, voltei pra casa do trabalho de bicicleta... o maior chuvão e eu cantando, pedalando devagar e passando pelas poças d'agua... me divertindo pra valer!
    Trago estas chuvas dos tempos de infância dentro de mim e as liberto em algumas Poesias... e de vez em quando, olho pela janela a chuva cair, cheio de saudades do tempo em que eu podia estar lá fora sem me preocupar com as dores do mundo.

    Parabéns pela postagem e uma boa tarde.

    ;D

    ResponderExcluir
  177. Mientras mas te leo. mas me gusta tu blog. Un inmenso placer haberte encontrado.

    ResponderExcluir
:) :( ;) :D :-/ :P :-O X( :7 B-) :-S :(( :)) :| :-B ~X( L-) (:| =D7 @-) :-w 7:P \m/ :-q :-bd



Nunca existiu uma pessoa como você antes, não existe ninguém neste mundo como você agora e nem nunca existirá. Veja só o respeito que a vida tem por você.
Você é uma obra de arte — impossível de repetir,
incomparável, absolutamente única. (Osho)

Links de propagandas e comentários anônimos, serão excluídos automaticamente, a não ser que se identifique com seu nome e endereço do blog/site.

Obrigada pelo seu comentário!
Thanks for the comment!
Gracias por tu comentario!
Merci pour le commentaire!