Três Dias Para Ver

Recebi esse texto e gostaria de dividir com vocês essa história real... O texto é um exemplo de vida, mesmo grande vale a pena ler. Depois que li esse texto, comecei a enxergar com os olhos da alma, ver tudo mais bonito, e de uma forma diferente que antes nem percebia os detalhes.  Helen Keller, cega e surda desde bebê, deu a sua resposta neste belo ensaio, publicado no Reader's Digest (Seleções)
                                                                               

O que você olharia se tivesse apenas três dias de visão?

Várias vezes pensei que seria uma benção se todo ser humano, de repente, ficasse cego e surdo por alguns dias no princípio da vida adulta. As trevas o fariam apreciar mais a visão e o silêncio lhe ensinaria as alegrias do som.
De vez em quando testo meus amigos que enxergam para descobrir o que eles vêem. Há pouco tempo perguntei a uma amiga que voltava de um longo passeio pelo bosque o que ela observara. "Nada de especial", foi à resposta.
Como é possível, pensei caminhar durante uma hora pelos bosques e não ver nada digno de nota? Eu, que não posso ver, apenas pelo tacto encontro centenas de objetos que me interessam. Sinto a delicada simetria de uma folha. Passo as mãos pela casca lisa de uma bétula ou pelo tronco áspero de um pinheiro.
Na primavera, toco os galhos das árvores na esperança de encontrar um botão, o primeiro sinal da natureza despertando após o sono do inverno. Por vezes, quando tenho muita sorte, pouso suavemente a mão numa arvorezinha e sinto o palpitar feliz de um pássaro cantando.

Às vezes meu coração anseia por ver tudo isso. Se eu consigo ter tanto prazer com um simples toque, quanta beleza poderia ser revelada pela visão! E imaginei o que mais gostaria de ver se pudesse enxergar, digamos por apenas três dias.
Eu dividiria esse período em três partes. No primeiro dia gostaria de ver as pessoas cuja bondade e companhias fizeram minha vida valer à pena. Não sei o que é olhar dentro do coração de um amigo pelas "janelas da alma", os olhos. Só consigo "ver" as linhas de um rosto por meio das pontas dos dedos. Posso perceber o riso, a tristeza e muitas outras emoções. Conheço meus amigos pelo que toco em seus rostos.
Como deve ser mais fácil e muito mais satisfatório para você, que pode ver perceber num instante as qualidades essenciais de outra pessoa ao observar às sutilezas de sua expressão, o tremor de um músculo, a agitação das mãos. Mas será que já lhe ocorreu usar a visão para perscrutar a natureza íntima de um amigo? Será que a maioria de vocês que enxergam não se limita a ver por alto as feições externas de uma fisionomia e se dar por satisfeita?

Por exemplo, você seria capaz de descrever com precisão o rosto de cinco bons amigos? Como experiência, perguntei a alguns maridos qual a exata cor dos olhos de suas mulheres e muitos deles confessaram encabulados, que não sabiam.
Ah, tudo que eu veria se tivesse o dom da visão por apenas três dias!
O primeiro dia seria muito ocupado. Eu reuniria todos os meus amigos queridos e olharia seus rostos por muito tempo, imprimindo em minha mente as provas exteriores da beleza que existe dentro deles. Também fixaria os olhos no rosto de um bebê, para poder ter a visão da beleza ansiosa e inocente que precede a consciência individual dos conflitos que a vida apresenta. Gostaria de ver os livros que já foram lidos para mim e que me revelaram os meandros mais profundos da vida humana. E gostaria de olhar nos olhos fiéis e confiantes de meus cães, o pequeno scottie terrier e o vigoroso dinamarquês.
À tarde daria um longo passeio pela floresta, intoxicando meus olhos com belezas da natureza. E rezaria pela glória de um pôr-do-sol colorido. Creio que nessa noite não conseguiria dormir.

No dia seguinte eu me levantaria ao amanhecer para assistir ao empolgante milagre da noite se transformando em dia. Contemplaria assombrado o magnífico panorama de luz com que o Sol desperta a Terra adormecida.
Esse dia eu dedicaria a uma breve visão do mundo, passado e presente. Como gostaria de ver o desfile do progresso do homem, visitaria os museus. Ali meus olhos veriam a história condensada da Terra -- os animais e as raças dos homens em seu ambiente natural; gigantescas carcaças de dinossauros e mastodontes que vagavam pelo planeta antes da chegada do homem, que, com sua baixa estatura e seu cérebro poderoso, dominaria o reino animal.
Minha parada seguinte seria o Museu de Artes. Conheço bem, pelas minhas mãos, os deuses e as deusas esculpidos da antiga terra do Nilo. Já senti pelo tacto as cópias dos frisos do Paternon e a beleza rítmica do ataque dos guerreiros atenienses. As feições nodosas e barbadas de Homero me são caras, pois também ele conheceu a cegueira.

Assim, nesse meu segundo dia, tentaria sondar a alma do homem por meio de sua arte. Veria então o que conheci pelo tacto. Mais maravilhoso ainda, todo o magnífico mundo da pintura me seria apresentado. Mas eu poderia ter apenas uma impressão superficial. Dizem os pintores que, para se apreciar a arte, real e profundamente, é preciso educar o olhar. É preciso, pela experiência, avaliar o mérito das linhas, da composição, da forma e da cor. Se eu tivesse a visão, ficaria muito feliz por me entregar a um estudo tão fascinante.

À noite de meu segundo dia seria passada no teatro ou no cinema. Como gostaria de ver a figura fascinante de Hamlet ou o tempestuoso Falstaff no colorido cenário elisabetano! Não posso desfrutar da beleza do movimento rítmico senão numa esfera restrita ao toque de minhas mãos. Só posso imaginar vagamente a graça de uma bailarina, como Pavlova, embora conheça algo do prazer do ritmo, pois muitas vezes sinto o compasso da música vibrando através do piso.
Imagino que o movimento cadenciado seja um dos espetáculos mais agradáveis do mundo. Entendi algo sobre isso, deslizando os dedos pelas linhas de um mármore esculpido; se essa graça estática pode ser tão encantadora, deve ser mesmo muito mais forte a emoção de ver a graça em movimento.

Na manhã seguinte, ávida por conhecer novos deleites, novas revelações de beleza, mais uma vez receberia a aurora. Hoje, o terceiro dia, passarei no mundo do trabalho, nos ambientes dos homens que tratam do negócio da vida. A cidade é o meu destino.
Primeiro, paro numa esquina movimentada, apenas olhando para as pessoas, tentando, por sua aparência, entender algo sobre seu dia-a-dia. Vejo sorrisos e fico feliz. Vejo uma séria determinação e me orgulho. Vejo o sofrimento e me compadeço.
Caminhando pela 5ª Avenida, em Nova York, deixo meu olhar vagar, sem se fixar em nenhum objeto em especial, vendo apenas um caleidoscópio fervilhando de cores.

Tenho certeza de que o colorido dos vestidos das mulheres movendo-se na multidão deve ser uma cena espetacular, da qual eu nunca me cansaria. Mas talvez, se pudesse enxergar, eu seria como a maioria das mulheres – interessadas demais na moda para dar atenção ao esplendor das cores em meio à massa.
Da 5ª Avenida dou um giro pela cidade – vou aos bairros pobres, às fábricas, aos parques onde as crianças brincam. Viajo pelo mundo visitando os bairros estrangeiros. E meus olhos estão sempre bem abertos tanto para as cenas de felicidade quanto para as de tristeza, de modo que eu possa descobrir como as pessoas vivem e trabalham, e compreendê-las melhor.

Meu terceiro dia de visão está chegando ao fim. Talvez haja muitas atividades a que devesse dedicar as poucas horas restantes, mas acho que na noite desse último dia vou voltar depressa a um teatro e ver uma peça cômica, para poder apreciar as implicações da comédia no espírito humano.
À meia-noite, uma escuridão permanente outra vez se cerraria sobre mim. Claro, nesses três curtos dias eu não teria visto tudo que queria ver. Só quando as trevas descessem de novo é que me daria conta do quanto eu deixei de apreciar.
Talvez este resumo não se adapte ao programa que você faria se soubesse que estava prestes a perder a visão. Mas sei que, se encarasse esse destino, usaria seus olhos como nunca usara antes. Tudo quanto visse lhe pareceria novo. Seus olhos tocariam e abraçariam cada objeto que surgisse em seu campo visual.
Então, finalmente, você veria de verdade, e um novo mundo de beleza se abriria para você.

Eu, que sou cega, posso dar uma sugestão àqueles que vêem: usem seus olhos como se amanhã fossem perder a visão. E o mesmo se aplica aos outros sentidos.
Ouça a música das vozes, o canto dos pássaros, os possantes acordes de uma orquestra, como se amanhã fossem ficar surdos. Toquem cada objeto como se amanhã perdessem o tacto. Sintam o perfume das flores, saboreiem cada bocado, como se amanhã não mais sentissem aromas nem gostos. Usem ao máximo todos os sentidos; goze de todas as facetas do prazer e da beleza que o mundo lhes revela pelos vários meios de contacto fornecidos pela natureza. Mas, de todos os sentidos, estou certa de que a visão deve ser o mais delicioso.

Helen Keller

Fonte: ler para ver  (Site na qual se trata da deficiência visual)

111 comentários:

  1. Sensível e emocionante.
    Lindo de fato.
    Obrigada por um presente tão belo neste início de semana.
    Um grande bj

    ResponderExcluir
  2. Que divino este texto querida...

    Até quando o ser humano só vai aprender a dar valor em algo ou alguém quando o perde?

    Quando vai aprender a se maravilhar com cada sutileza, cada pequeno milagre que nos cerca a cada dia e nem nos damos conta, porque não prestamos atenção ao que é realmente essencial?

    Belo exemplo de vida nos foi dado nestas palavras...grata por compartilhar conosco.

    Boa semana Smareis...beijinhos amiga...
    Valéria

    ResponderExcluir
  3. Tremenda lição em linhas carregadas de sensibilidade.Como nos toca esse relato tão verdadeiro e tão essencial.Quem tem olhos e não sabe ver, perde grandes espetáculos todos os dias.Enquanto eu atuei em sala de aula repetia constantemente aos meus alunos: olhem as coisas(fatos,etc)com olhos de quem vê, pois a superficialidade do olhar afasta a real essência.
    Maravilhosa partilha, Smareis. Obrigada!
    Bjos,
    Calu

    ResponderExcluir
  4. Lindíssima postagem!
    Eu já fiz algumas vezes a simulação de estar cega, eu ando no escuro em minha casa, pegando nos objetos bem devagar, sentindo tudo, percebendo tudo e é um ótimo exercicio de poder meditar sobre a vida e todas as suas benesses!!!
    Em meus blogs eu posto sempre algo que fala da vida e da natureza, da beleza do existir e do agradecer!!!
    Agradeço a cada momento, a cada momento, mesmo porque em minha idade isso é a maior benção!!!
    Estou na "adolescencia da envelhecenia" como costumo dizer em brincadeira, pois há muitas pessoas bem mais velhas do que eu e vivem muito bem, eu as tenho como modelo!!!
    Abraços e parabéns pela postagem linda e de uma lição de vida sem igual!!!
    Ivone Poemas
    henristo.blogspot.com

    Meus blogs: "poemas sem peias" e "levitar em brancas nunvens"

    ResponderExcluir
  5. Emotivo texto, amiga.

    Eu conheço a vida de Helen Keller, e isto è um ejemplo do seu pemsamento.

    Umabraço

    ResponderExcluir
  6. Nossa...que texto lindo!!! Que lição heim?
    Obrigada pelo presente!!!
    bjOo.

    ResponderExcluir
  7. Minha querida Esmareis: A veces no nos damos cuenta de la belleza que nos rodea teniendo los cinco sentidos para poder apreciarla y basta que nos falte uno de ellos para poder apreciar entonces lo que hemos perdido.

    Gracias por compartir el texto.

    Brisas e beijos.

    Malena

    ResponderExcluir
  8. Hola cielo. Paso a saludarte y decirte que tienes un premio en mi blog.Te dejo el link por si te apetece pasar a llevártelo.
    Un fuerte abrazo

    http://elbienestarylasaludestaenti.blogspot.com/2011/10/premio-de-lenn.html

    ResponderExcluir
  9. Muy linda entrada con mucha leccion, besos y buen comienzo de semana

    ResponderExcluir
  10. Smaries, a reflaxao de Lellen Keller é muito interessante. É un exemplo a seguir, con uma vida inteira de esforço. Nao há obstáculos que nao podemos vencer é apenas cuestión propô-lo para nós. Obgrigado por tu post.
    Abrazos

    ResponderExcluir
  11. Boa tarde Smareis,

    Que emocionante este relato, adorei, toca o coração!
    É, muitas vezes não sabemos usar aquilo que Deus nos dá. Tantas coisas ela faria que, acredito eu, muitos não fazem. Fico a imaginar como estava a pulsar o coração dela na hora de responder, mas um pulsar de emoção, de vida. É hora de despertamos pra vida! Ela finaliza com um ótimo conselho/ sugestão para todos, que devemos tomá-lo de muito bom grato.

    Parabéns pela postagem!
    Bjs, tenhas uma abençoada semana!

    ResponderExcluir
  12. Lindo de perder o fôlego!!! Já disse o poeta:

    " A vida é tão rara"

    COmo precisamos nós ter este olhar por sobre a raridade da vida...a luz que ilumina nossos caminhos foi mesmo tão detalhista! Um presente perfeito...

    Emocionante!!! =D

    ResponderExcluir
  13. ...Un texto que llega al corazón y hace reflexionar!!

    Un beso!

    ResponderExcluir
  14. Não damos valor ao que temos, somos mesmo uns chatos, reclamões.

    Lindo texto, bela lição de vida.

    Um beijo.

    ResponderExcluir
  15. Realmente o ser humano tem mania de dar valor quando perde. Se perdesse de repente a visão ou audição, creio que estariam mais atentos ao que se passa à volta.
    Vemos tantas belezas e não as enxergamos, ouvimos tantos sons e reclamamos do barulho... Nunca nos basta apenas sermos perfeitos, saudáveis e a abençoados, necessitamos também sermos reclamões e ingratos.
    Lindo texto, e maravilhosa reflexão sobre tudo que temos e nao notamos.
    Beijokas doces.

    ResponderExcluir
  16. Oi amiga, lindo demais este texto e muito emocionante. Nunca havia pensado na "visão" nesta forma que é relato no texto. Muito bonito e nos faz refletir muito. Parabéns e obrigada por compartilhar com a gente!!

    Muitos beijos e uma semana muito feliz e abencoada pra vc!!! XD

    ResponderExcluir
  17. Es un texto muy emotivo..Ala falta de un sentido se nos desarrolla otro paralelo,en este caso el tacto..¡No apreciamos lo que tenemos es verdad!.
    Bonita reflexión...
    .Gracias por visitarme

    Buenas noches..

    Un abrazo..

    ResponderExcluir
  18. Hola Smareis!!!...muchas gracias por visitar mi blog, es un gran honor para mi, y por darme la oportunidad de conocer tu impresionante trabajo...precioso blog!!!

    Un abrazo!!! ;)

    ResponderExcluir
  19. Eu olhava para o céu estrelado, lagos com cisnes e campos de rosas!
    Beijo enorme para você, querida Smareis. Seus textos são maravilhosos.

    ResponderExcluir
  20. Vc sempre pronta para nos presentiar com textos magnificos...me encantei e quase que não vou embora daqui,kkkkkkkk
    bjssssssssssssssss

    ResponderExcluir
  21. Smareis, o ser humano com sua visão, digamos, normal ainda não percebeu que não é com essa visão que se enxergará o seu semelhante. Os nossos irmãozinhos que não têm a faculdade da visão conseguem enxergar muito além de nós, pois desenvolveram a visão da alma, a mais verdadeira. Um beijo lindo no seu coração. Lindo e emocionante texto.

    ResponderExcluir
  22. Smareis, Helen Keller sempre tem muito a nos ensinar.
    Realmente não damos valor às nossas capacidades enquanto somos capazes nem o que temos enquanto possuímos.
    Temos o dom da visão, porém olhamos e não vemos tudo que somos capazes pela nossa desatenção com vida.
    Enquanto Helen Keller tem uma visão sinestésica, ver muito mais que nós com os olhos.

    Como bem diz essa maxíma: "O pior cego é aquele que não quer ver".

    Quando o texto é prazeroso, nunca é grande.

    Se tivesse apenas três de visão, no primeiro dia, eu contemplaria o Céu estrelado; no segundo, eu contemplaria o campo e no terceiro, contemplaria o mar.

    Parabéns pela ótima escolha!

    Abraços do amigo de sempre!

    ResponderExcluir
  23. Olá,Amiga Smareis! Tudo bem?
    Que texto magnífico! O deficiente visual enxerga mesmo com a alma,eu creio,né?!
    Vim ver as 9dades e convidar pra ver as tendências de Cabelos para a nova Estação,no "Natureza Feminina".
    Ótima Semaninha!
    Beijinhos,
    MARY.
    http://naturezafeminina.zip.net

    ResponderExcluir
  24. Minha querida

    Um texto muito tocante e cheio de emoção, adorei ler.

    Deixo um beijinho com carinho
    Sonhadora

    ResponderExcluir
  25. me gusta esta reflexión que nos has convidado hoy, es para apreciar mas y quejarnos menos.

    Y sobre todo para ser agradecido de lo que tenemos.

    Un abrazo y que tengas una linda semana.

    ResponderExcluir
  26. REALMENTE O TEXTO NOS TOCA.
    PARABÉNS
    QUE BOM QUE GOSTOU DO VISUAL E DO QUIZ LÁ DO BLOG RSRSRS
    FICO SUPER FELIZ QUANDO ALGO QUE FAÇO AGRADA ALGUEM.

    ABRAÇO

    ResponderExcluir
  27. Smareis,

    Grande lição de vida de quem, mesmo cega e surda, sabe ver e ouvir com a sensibilidade, com amor, com a alma. Obrigada por partilhar!

    Girassóis nos seus dias.
    Beijos

    ResponderExcluir
  28. Seu blogue faz jus ao título, refletindo com a Smareis. Este texto é de intensa reflexão e um soco no meio do nariz de quem fica com o que chamo de "síndrome do coitadinho", se vitimizando trancados nos quartos, dramatizando tudo e fazendo tempestade em conta-gotas.
    Um verdadeiro exemplo de vida e que nos traz uma nova visão, literalmente, da vida.
    Adorei seu blogue, sigo de volta.

    ResponderExcluir
  29. Olá Smareis, tudo bem com voce?

    Menina, amei muito esse texto, quanta verdade foi

    dita, é de arrepiar. Obrigada

    um beijo

    Regina Célia

    ResponderExcluir
  30. Muito bom... Suas reflexões sempre recheadas de doçuras e encantos. Bjos querida e excelente semana pra você.

    ResponderExcluir
  31. Olá Smareis

    Na realidade somos mais cegos e surdos do que imaginamos. Obrigado por comentar no meu blog

    Um abraço, paz e bem

    ResponderExcluir
  32. gracias por la huella
    hermoso texto reflexivo y super aleccionador
    ideal para los que buscan consejos o andan medios perdidos en sus horizontes

    Felicitaciones
    desde Chile un abrazo grande de paz

    ResponderExcluir
  33. Menina, adorei este texto! Uma lição de vida com uma sensibilidade incrivel... Parabéns e obrigada por compartilhar!
    Tenha uma linda semana querida! Beijocas!!!

    ResponderExcluir
  34. Oi Smareis! Lindo, verdadeiro, profundo e bastante pertinente este texto, principalmente nos dias atuais, quando o ser humano só valoriza as coisas quando as perde.

    Beijos e ótima semana pra ti e para os teus.

    Furtado.

    ResponderExcluir
  35. Olá amiga, e estou te seguindo, tem um blog legal, espero aproveitá-la com mais calma, como estou no escritório. Se você olhar para os seus fãs, eu estou lá com a bandeira do Panamá. Obrigado pelo seu interesse e saudações do Panamá

    ResponderExcluir
  36. Olá amigo, e estou te seguindo, tem um blog legal, espero aproveitá-la com mais calma, como estou no escritório. Se você olhar para os seus fãs, eu estou lá com a bandeira do Panamá. Obrigado pelo seu interesse e saudações do Panamá

    ResponderExcluir
  37. Hola Smari, bellisimo texto, que encierra una gran verdad, pocas veces le damos el debido valor a todo lo que nos rodea.

    Un fuerte abrazo.

    ResponderExcluir
  38. KIIDINHA tô feliz ..completei a marca de 100 mil visitas ...affy quantas visitinhas kkkk ...valeu amore espero que goste da festinha que preparei para vc!!!!
    Tem miminho para vc tb...e espero vc no pétalas e rosas ..homenagem para minha 5 poetisa..a Maryzinha do blogger cozinhando!!!! beijus queridinha amo vc... valeu fuiiii ..feliz semaninha e com bastante festinhaskkkkk
    http://petalaserosas.zip.net/
    ((MENINA QUE TEXTO BELO...A GENTE RECLAMA DE TUDO NÊ KKKK LIÇÃO DE VIDA !!!

    ResponderExcluir
  39. KIIDINHA tô feliz ..completei a marca de 100 mil visitas ...affy quantas visitinhas kkkk ...valeu amore espero que goste da festinha que preparei para vc!!!!
    Tem miminho para vc tb...e espero vc no pétalas e rosas ..homenagem para minha 5 poetisa..a Maryzinha do blogger cozinhando!!!! beijus queridinha amo vc... valeu fuiiii ..feliz semaninha e com bastante festinhaskkkkk
    http://petalaserosas.zip.net/
    III DOLADINHA MEU PC CADUCOU ..E AGORA QUE Ñ SEI SE O COMENTS FOI KKKKKK

    ResponderExcluir
  40. Il est triste de penser que certaines personnes soient aveugles et insensibles à la beauté qui nous entoure... Tout est merveille...
    Les odeurs aussi qui accompagnent les sons et les formes sont autant de plaisir.
    Faut-il prendre seulement le temps d'écouter, de regarder, de s'arrêter et d'aimer simplement.
    gros bisous

    ResponderExcluir
  41. Olá minha amada ,fiquei feliz com sua visita ,já estava com saudades .Tudo bem com você ? Amada fiz um blog só com os vídeos das músicas do Roberto , o endereço é esse

    http://robertoemocoes.blogspot.com/

    Quando puderes faz uma visitinha.Beijus na alma.amiga .

    ResponderExcluir
  42. Olá, tudo bom? Como chegou no Submundo?? Estou com pouco tempo agora, mas já deu pra começar o começo, e gostei do que li!!! Depois volto com mais calma!

    ResponderExcluir
  43. Bem!...

    A blogosfera, por vezes, entra em paranóia...

    como nós todos... aliás...

    Bjsss

    ResponderExcluir
  44. Já li várias referências a ela, que muito me encantaram. Mas você colocou um texto completo, excelente. E ainda há tantas pessoas que perdem a unha e se sentem incapacitadas para a vida!

    (Só consegui entrar, agora, porque você deixou o link e cliquei nele. Não entendo o que acontece, porque sempre cliquei em Smareis e entrou seu perfil. Loucuras do blogger)

    Bjs.

    ResponderExcluir
  45. Smareis,
    que texto, amiga! Nooosssa!
    Creio que se nos fosse permitido saber o fim, talvez prestigiássemos mais o durante...
    bela reflexão! ótima escolha!

    Smareis, eu nãoe estava conseguindo entrar em seu blog hoje, (ou melhor,ontem, dia 3), tentei entrar pelo teu perfil e dava inacessível, o que será que houve? Agora, deu!

    Beijos e ótima semana!

    ResponderExcluir
  46. Hola Smareis, muy interesante y bella reflexion la que compartes amiga. Besos, cuidate mucho.

    ResponderExcluir
  47. Es un texto escrito con los cinco sentidos.
    Un abrazo,
    Ricardo

    ResponderExcluir
  48. É de arrepiar!Só lendo estas coisas nos apercebemos realmente que não damos valor ao que temos!
    Muita gente devia ler esta enternecedora mensagem...
    Beijo

    ResponderExcluir
  49. Amável e Sublime Amiga Linda:
    Um texto intenso de muita ternura.
    Dá sentido precioso ao observar a vida, mais que ver.
    Excelente. É fabulosa e repleta de magia literária num conteúdo admirável que é uma lição de vida extraordinária.
    Fiquei feliz com a sua visita que adorei.
    Bem-Haja, pela deliciosa visita no meu blogue.
    Parabéns. O seu talento é magistral e perfeito.
    É uma honra estar aqui.
    Beijinhos de pureza, gratidão e respeito.
    Sempre a admirá-la, amiga maravilhosa.

    pena

    Adorei.
    O seu preciososmo é de fascinar.
    Bem-Haja, terna e gigantesca amiga.

    ResponderExcluir
  50. Felizes sao aqueles que podem perceber tudo o que existe!!
    Saudaçoes a PEPE..(From KING, my little dog)
    Abraço,Willy

    ResponderExcluir
  51. Não sei o que dizer aqui. Tão lindo é esse texto, que fiquei sem as palavras.
    A percepção é algo muito milagroso e muitas vezes não nos damos conta.
    Como é importante perceber os detalhes, a riqueza que possuímos em pode exergar, andar, sorrir, falar,sentir.

    Privilégiados...
    E ainda assim não sabem distinguir a beleza que é poder contemplar apenas um nascer do dia.

    Amei amada.
    Beijinho

    ResponderExcluir
  52. Olá!
    Texto maravilhoso,Smareis,é muito bom começar o dia lendo coisas boas.Dia feliz para ti, querida.Beijos e abraço apertado.

    ResponderExcluir
  53. Bom dia,Smareis!!

    Nossa ...com um depoimento deste nem tenho o que dizer...a não ser, seguir o conselho dela e começar a ver como se fosse o último dia.
    Beijos pra ti!

    ResponderExcluir
  54. Vim agradecer a visita que me fez e gostei do que postou, uma transcrição que me faz reflectir.
    A vida de Helen Keller sempre me "apaixonou", privada dos sentidos que o comum dos mortais considera essencial, ela é o maior exemplo de uma aceitação que não a impediu de ser feliz.
    Com os meus netos costumo fazer uma brincadeirinha, fecharem os olhos e escutarem atentamente, depois tentarem descodificar os sons que ouvem...
    Abracinho meu!

    ResponderExcluir
  55. Que belo texto!!!!

    As vezes um risco num papel e um risco... as vezes para algumas pessoas e um ceu..uma nuvem...

    Ve o belo quem o tem dentro do coracao.

    nem da para criticar, porque somos a soma d nossas vivencias.

    AS pessoas muitas vezes se habituam a ver o lado negro da vida.

    triste isso.

    Temos que olhar vida com o olhar do coracao. Assim podemos ver o belo que existe nos lugares, nas pessoas...

    Um bj...

    ResponderExcluir
  56. Sensível, emocionante, puro, muito reflexivo,,,realmente precisamos as vezes dessa leveza de alma,,desses momentos atípicos pra podermos refletir o caminhar...grande beijo de bom dia pra ti querida.

    ResponderExcluir
  57. .


    Um beijo de agradecimento e companheirismo.
    Vou tentar seguir este blog pela simplici-
    dade da beleza.

    silvioafonso






    .

    ResponderExcluir
  58. Olá Smareis!
    Tenho andado um pouco a leste, por culpa do meu computador, então eu comprei isto para me espairecer, e afinal isto da-me mais tristezas que alegrias.
    Mas eu não estou aqui para me queixar, as outras pessoas não têm culpa dos meus problemas.
    Há cerca de dez anos assim de um dia para o outro, perdi o aroma e o sabor, gastei rios de dinheiro o resultado foi zero, ao fim de um ano deixei de ir às consultas deixei de fazer tratamento, e ao fim de dois anos pouco a pouco tudo foi voltando ao normal,comecei a fazer investigação por minha conta, e hoje tenho a certeza que foi derivado à extradição de um dente, que fiz na altura, por um médico dentista daqueles feitos à faca, ejectou demasiada anestesia, e lixou tudo.
    Bem tenho que parar por aqui.
    Desculpa lá os meus desabafos, os amigos também servem para isso.

    Um beijinho grandão,
    José.

    ResponderExcluir
  59. yo tedejo mas luzzzzz amiga Dios te bendiga♥

    ResponderExcluir
  60. Smareis,
    há muito tempo li a história de Hellen Keller exatamente nas Seleções do Readers Digest.
    Apreciei muito este depoimento que publicou. É marcante a sensibilidade de Hellen, que, sem a visão, conseguiu captar tanto de nosso mundo.
    Ser gratos a Deus pelos dons que nos dá e saber usá-los da melhor forma possível é uma forma de louvor ao Criador.
    Smareis, estou agora comentando de uma nova conta para onde migrei meus blogs. Visite-me, amo suas visitas.
    Abraço da
    Celina

    ResponderExcluir
  61. QUE TEXTO MAIS LINDO!!!
    REALMENTE NOS ESQUECEMOS DE VIVER O HOJE COMO SE NÃO HOUVESSE AMANHA E DEIXAMOS DE OLHAR PARA COISAS QUE FARIAM TODA A DIFERENÇA.

    ResponderExcluir
  62. Gracias por tus buenos deseos depositados con cercanía en mi blog.
    Es un placer recibir tus visitas. Te deseo una semana llena de satisfacciones.
    Lástima que no pueda empaparme de tus escritos, mi portugués es muy cortito, pero me gusta leerlos por su sonoridad.
    Besos

    ResponderExcluir
  63. Como descuramos, tantas vezes, os sentidos que temos!
    Na verdade, só se vê e ouve bem com o coração.

    ResponderExcluir
  64. A melhor visão é a da alma,e essa nem todos sabem que tem.
    Boa semana querida.
    Bjka

    ResponderExcluir
  65. Querida Amiga.
    Estava tentando entrar no seu blog a 2 dias sem exito .
    Dizia ser só para convidados.
    Lindo texto quantas e quantas vezes esquecemos
    de viver o dia de Hoje..
    Pior minha amada que tudo que estou passando não vejo a hora que chega amanhã pedindo a Deus que seja melhor.
    Tenho fé amada amiga que vencerei todos os obstaculos.
    Um beijo carinho.
    Evanir

    ResponderExcluir
  66. ;P pues si solo me quedan 3 dias a disfrutarlos como nunca, hacer las cosas que no dije y tratar de estar en paz

    que tengas una buena semana

    ResponderExcluir
  67. Nossa. Esse é para mais que apenas "ler". É pra refletir mesmo! Maravilha! Bjz, querida!

    ResponderExcluir
  68. Que hermoso texto, conmovedor!!!
    Gracias por tu visita amiga!
    Besitos desde Argentina!!!
    Roos
    http://planetamujer.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  69. É um texto fantástico de uma pessoa fantástica.
    Obrigada por o ter inserido e também por se
    ter registado como seguidora do meu blogue.
    Virei dentro as m/possibilidades visitá-la.
    Beijinho/Irene

    ResponderExcluir
  70. Eu conhecia o texto, mas foi muito bom ler de novo! Obrigado, Smareis, e boa semana!

    ResponderExcluir
  71. LOS TEXTOS QUE USTED NOS COMPARTE, SIEMPRE SON MUY REFLEXIVOS.
    UN ABRAZO

    ResponderExcluir
  72. Um texto lindo!!!
    Fabiola.
    http://blogencontrandoideias.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  73. Um excelente texto cheio de sensibilidade. Actualmente a humanidade (salvo raras excepções) atingiu um nível tal de egoismo que não vê mais nada senão o seu próprio umbigo.
    Um abraço

    ResponderExcluir
  74. Esse belo texto é uma lição e tanto! foi muito bom lê-lo.

    Beijos

    ResponderExcluir
  75. ola me llamo jesus, veo k eres un seguido de cazas y elicopteros yo tambien lo soy jeje e de decirte que yo tambien tengo un blog militar el cual trata mas o menos los mismo temas k el y me gustaria k le echaras un ojo y me dieras una valoracion y de paso si te gusta poder seguirme = k lo estas aciendo con cazas y elicopteros nos podemos seguir mutuamente para ayudarnos entre nosotros ejjej saludos Mi blog es http://poderiomilitar-jesus.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  76. Arrepiante leitura...reflexão à flor da pele. Emocionadíssimo. Grato por presentar teus leitores com esse texto.

    ResponderExcluir
  77. Sabe sempre li sobre ela e ainda não tinha deparado come ste belo e profundo texto.Que viagem ela nos ensinou Smareis.Uma fantastica leitura longa mais cheia de emoção,por instantes exercitei ficar cego.
    Parabens e grato por esta bela generosidade em trazer este texto.
    Um carinhoso abraço amiga.
    Bju de luz nos seus dias de bela visão.

    ResponderExcluir
  78. Belíssima postagem.Smareis, o egoismo tomou conta da humanidade, ninguém tem olhos, ouvido para enxergar, para ouvir e apreciar o que está acontecendo ao seu redor,muitos não conseguem expressar esses momentos, porque não está em seu coração.
    Todas as manhãs, faça sol, chuva, vento frio e neve, eu criei um hábito de caminhar, moro numa provincia onde o espetáculo da natureza é respeitado, disciplinado, cultivado e cada dia no meu caminhar eu descubro uma infinidade de tantas coisas belas, o cantar dos pássaros, o som do balanço das árvores, até meu caminhar é diferente... com isso eu renovo cada amanhecer comigo mesmo e depois distribuo bondade, amor, graça aos que passam por mim, porque me enchi das coisas belas que o Criador nos deixou.
    Eu tenho uma filha deficiente auditiva, e ela nos surpreende com o que vê, as vezes parece entrar em sintonia e tocar uma melodia em sua mente... ela mergulha na paisagem e transmite exatamente o que vê, tem -se a impressão de ouvir o som da beleza que vem do seu coração, cada dia aprendemos mais com ela a valorizar todos os instantes e momentos, o que Deus nos proporcionou.
    Lindo dia cheia de bençãos pra ti
    Abraços
    Giovanna

    ResponderExcluir
  79. LIndo demaissss Smareis!!
    Obrigada por compartilhar querida!!
    Ontem não consegui acessar seu blog de jeito nenhum...dava uma mensagem escrita perfil não disponível.
    Agora vou dormir com seu post no coração...
    Bjs

    ResponderExcluir
  80. Olá!!
    O Senhor chama a você para que possa cultivar um relacionamento mais profundo com Ele, pois nada pode substituir o nosso relacionamento com Deus.
    Passa lá em nosso blog ver a cobertura que fizemos no retiro paroquial.
    Abração na Paz e no Amor de Cristo,
    Reinaldo

    ResponderExcluir
  81. Olá Smareis, desejo que tudo esteja bem contigo!

    Nós humanos estamos mal acostumados, somente valorizamos algo quando deixamos de ter.

    Eu sempre agradeço por todos os dias poder apreciar o nascer e o por do sol e perceber em cada arvore que vejo as novas folhas, sempre tento observar tudo ao meu redor. Isto faz bem!

    Bela postagem como sempre pra refletir profundamente o que fazemos e o que deixamos de fazer.

    E eu por cá venho agradecer por tuas visitas e comentários sempre tão gentis, e desejar a você e todos ao redor um intenso e feliz viver, grande abraço e até mais

    ResponderExcluir
  82. Lindo e emocionante. Uma bela lição!

    Beijos Smareis

    ResponderExcluir
  83. Smareis

    A biografia de Hellen Keller é algo de emocionante, faz-nos meditar e pensar assim: há sempre alguém pior e que navega no positivismo, sendo e útil à sociedade, e a deixar exemplo para a posterioridade.
    Beijos

    ResponderExcluir
  84. sem duvida, eu tenho saudades dessa infancia **

    Beijinhos,
    Pensando com Arte.

    ResponderExcluir
  85. Great text, I like it! Come and visit my blog, and if you like it, follow me, I'll be waiting for you!

    Cosa mi metto???

    ResponderExcluir
  86. Smareis,

    Que belo texto, olhos do coração, a sensibilidade a toda a prova a sentir o que vai dentro de cada irmão.
    Quanta coisa não seria possível compreender e amar a tudo e a todos sem distinção.

    Lindo de viver...

    Bom Dia

    Bjs

    Livinha

    ResponderExcluir
  87. Que lindo!!!
    Realmente emocionante...eu não sei o que eu faria em 3 dias, mas esse texto toca na alma da gente com a beleza da descrição e a importancia da lição de vida que ele passa.
    Adorei!!!!
    Um grande abraço e tudo de bom para ti querida.

    ResponderExcluir
  88. Belíssimo Blog Smareis,
    parabéns pelas postagens,
    todas nos levam para uma grande reflexão do contexto de nossa vida.
    Forte Abraço!
    Anderson R.
    andersonribeiro18.blogspot.com

    ResponderExcluir
  89. Um dia repleto de carinho, poesia e paz pra ti minha amiga querida,,,beijos e beijos.

    ResponderExcluir
  90. Awnnnn, amei seu blog.
    Muito lindo.
    Já estou seguindo.

    Segue o meu?

    http://blogmuitofofodaaline.blogspot.com


    ( eu sou Blog Muito Divertido Da Aline, esse meu blog ai pegou virus e esse ai em cima é o novo)

    ResponderExcluir
  91. Olà Smareis,
    lindissimo texto que dà para fazer refletir, no que deixamos de ver e sentir,e apreciar o vemos e sentimos.
    Obrigado por escolher tão lindos textos e nos fazer partilhar.
    Bjs.Celeste

    ResponderExcluir
  92. Helen Keller, um dos maiores exemplos de vida para a humanidade. Ótimo texto, amiga!
    Uma doce semana! Beijos!

    ResponderExcluir
  93. Olá Smareis,

    O que houve? Espero que esteja tudo bem contigo, você sumiu, fiquei preocupada: ((( 1 Bj.

    ResponderExcluir
  94. bello escrito salido de tu corazon cual vuelo al cielo azul de los sueños besitos de gaviota en vuelo.

    ResponderExcluir
  95. Um texto notável que nos faz "ver" a beleza da vida e a sua importância na nossa educação.

    ResponderExcluir
  96. Olá Smaries

    Eu sou Kinha e vim conhecer seu espaço. Gostei e já estou te seguindo. Vou aguardar a sua visita e ficarei feliz se me seguir também.

    Venha participar do Sorteio de uma joia criada pela designer Eliana Colognese e uma camisa da grife A COSTUREIRA MADAME. Faca já a sua inscrição.

    Bjoooooooo..................
    WWW.AMIGADAMODA1.COM

    ResponderExcluir
  97. Olá Smareis,
    Por coincidência, publiquei um pequeno texto referente a Helen Keller a uns dias atrás (precisamente as palavras dela no último parágrafo). Mas este seu texto é completo e simplesmente maravilhoso. Traz uma profunda lição acerca dos valores que deixamos de emprestar às coisas e pessoas.
    Temos todos os sentidos sãos e de prontidão, e não conseguimos extrair o que de melhor eles podem nos proporcionar.
    Uma bela lição de vida.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  98. Oie Smareis, uma história verdadeiramente emocionante!! Eu fiquei tocada com essa história linda. Muitas vezes temos tudo e reclamos tanto da vida...que liçao!!

    bjiimm e ótima noite

    http://meuamorpaquistanes.blogspot.com

    http://muslimahfashionn.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  99. Lovely tekxt and a lovely picture,

    very nice done Smareis.....my compliments.

    greetings, Joop

    ResponderExcluir
  100. Querida amiga Smareis,


    Este é um texto que absolutamente TODOS deveriam ler! Acho que o mundo seria muito mais feliz. Agradeço sinceramente. Saber usar os sentidos é fundamental e sensibilidade é exatamente o que este belo texto explica e ensina de forma tão bonita.

    PS: Estive aqui logo a seguir a sua última visita no Desnuda ( estava on), mas estava fechado o blog ( não pelos problemas de alerta. Fechado mesmo)


    Beijos com carinho e gratidão

    ResponderExcluir
  101. Haría algo muy parecido a ella. Sentir los latidos de todo el espacio de la naturaleza, incluídas sus criaturas llenas de vida con sus cantos y sus aromas.

    Abrazos

    ResponderExcluir
  102. Perfeito para uma auto avaliação.
    Abraços querida.
    Amo seu cantinho.

    ResponderExcluir
  103. Hola Smareis, un beso grande para ti.

    ResponderExcluir
  104. Gracias por tu visita. No hablo portugués y se me hace difícil seguir la lectura del texto que parece muy interesante.
    Te envío un saludo desde Rosario, Argentina

    ResponderExcluir
  105. Amiga...he quedado encantada con las cosas escritas en este blog y de su forma tan delicada como está hecho...tocas temas que me fascinan como son los sentimientos...gracias por hacerme llegar a ti...te sigo besos

    ResponderExcluir
  106. SMAREIS

    Que linda indagação e reflexão. Pura sensibilidade
    na escolha do texto.Não somos cegas, mas quando fechamos os olhos para ouvir uma canção ou o canto dos pássaros, por exemplo, a sonoridade , a sensação é muito mais envolvente. Imaginemos então como deve sentir uma cega, surda ou muda para lidar com os cinco sentidos.

    Bjs

    ResponderExcluir
  107. Sabe... a mim até me parece que a época já é pós-moderna...


    Saudações poéticas

    ResponderExcluir
  108. ¡Hermoso y emotivo mensaje!
    Un abrazo!

    ResponderExcluir

Nunca existiu uma pessoa como você antes, não existe ninguém neste mundo como você agora e nem nunca existirá. Veja só o respeito que a vida tem por você.
Você é uma obra de arte — impossível de repetir,
incomparável, absolutamente única. (Osho)

Links de propagandas e comentários anônimos, serão excluídos automaticamente, a não ser que se identifique com seu nome e endereço do blog/site.

Obrigada pelo seu comentário!
Thanks for the comment!
Gracias por tu comentario!
Merci pour le commentaire!