Apenas três dias de Visão!

Imagem Favim
Sempre estou a ver, e ler exemplos de superação, e uns dos casos que me chamou mais atenção foi à história de Helen Adams Keller, sobre a luta árdua e vitoriosa para se integrar na sociedade, tornando-se além de celebre escritora, filósofa e conferencista, uma personagem famosa pelo extenso trabalho incessante que desenvolveu para o bem estar das pessoas portadoras de deficiências. Ela provou que deficiências sensoriais não impedem a obtenção do sucesso. Seus livros foram transcritos em várias línguas, e em conferência publicada no Reader's Digest, ela falou como olharia a vida se tivesse apenas três dias de visão. Muito comovente essa entrevista. Vale à pena perder alguns minutos e refletir sobre o que é enxergar com o  coração e com a alma. Um grande ensinamento de vida. Uma excelente reflexão!
Confira a seguir...
--------------------------------------------------------------------
O que você olharia se tivesse apenas três dias de visão? 
---------------------------------------------------------------------
Várias vezes pensei que seria uma benção se todo ser humano, de repente, ficasse cego e surdo por alguns dias no princípio da vida adulta. As trevas o fariam apreciar mais a visão e o silêncio lhe ensinaria as alegrias do som. De vez em quando testo meus amigos que enxergam para descobrir o que eles vêem. Há pouco tempo perguntei a uma amiga que voltava de um longo passeio pelo bosque o que ela observara. "Nada de especial", foi à resposta.

Como é possível, pensei caminhar durante uma hora pelos bosques e não ver nada digno de nota? Eu, que não posso ver, apenas pelo tacto encontro centenas de objetos que me interessam. Sinto a delicada simetria de uma folha. Passo as mãos pela casca lisa de uma bétula ou pelo tronco áspero de um pinheiro. Na primavera, toco os galhos das árvores na esperança de encontrar um botão, o primeiro sinal da natureza despertando após o sono do inverno. Por vezes, quando tenho muita sorte, pouso suavemente a mão numa arvorezinha e sinto o palpitar feliz de um pássaro cantando. 

Às vezes meu coração anseia por ver tudo isso. Se eu consigo ter tanto prazer com um simples toque, quanta beleza poderia ser revelada pela visão! E imaginei o que mais gostaria de ver se pudesse enxergar, digamos por apenas três dias. Eu dividiria esse período em três partes. No primeiro dia gostaria de ver as pessoas cuja bondade e companhias fizeram minha vida valer à pena. Não sei o que é olhar dentro do coração de um amigo pelas "janelas da alma", os olhos. Só consigo "ver" as linhas de um rosto por meio das pontas dos dedos. Posso perceber o riso, a tristeza e muitas outras emoções. Conheço meus amigos pelo que toco em seus rostos.
Como deve ser mais fácil e muito mais satisfatório para você, que pode ver perceber num instante as qualidades essenciais de outra pessoa ao observar às sutilezas de sua expressão, o tremor de um músculo, a agitação das mãos. Mas será que já lhe ocorreu usar a visão para perscrutar a natureza íntima de um amigo? Será que a maioria de vocês que enxergam não se limita a ver por alto as feições externas de uma fisionomia e se dar por satisfeita?
Por exemplo, você seria capaz de descrever com precisão o rosto de cinco bons amigos? Como experiência, perguntei a alguns maridos qual a exata cor dos olhos de suas mulheres e muitos deles confessaram encabulados, que não sabiam.
Ah, tudo que eu veria se tivesse o dom da visão por apenas três dias!
O primeiro dia seria muito ocupado. Eu reuniria todos os meus amigos queridos e olharia seus rostos por muito tempo, imprimindo em minha mente as provas exteriores da beleza que existe dentro deles. Também fixaria os olhos no rosto de um bebê, para poder ter a visão da beleza ansiosa e inocente que precede a consciência individual dos conflitos que a vida apresenta. Gostaria de ver os livros que já foram lidos para mim e que me revelaram os meandros mais profundos da vida humana. E gostaria de olhar nos olhos fiéis e confiantes de meus cães, o pequeno scottie terrier e o vigoroso dinamarquês.

À tarde daria um longo passeio pela floresta, intoxicando meus olhos com belezas da natureza. E rezaria pela glória de um pôr-do-sol colorido. Creio que nessa noite não conseguiria dormir.No dia seguinte eu me levantaria ao amanhecer para assistir ao empolgante milagre da noite se transformando em dia. Contemplaria assombrado o magnífico panorama de luz com que o Sol desperta a Terra adormecida.

Esse dia eu dedicaria a uma breve visão do mundo, passado e presente. Como gostaria de ver o desfile do progresso do homem, visitaria os museus. Ali meus olhos veriam a história condensada da Terra, os animais e as raças dos homens em seu ambiente natural; gigantescas carcaças de dinossauros e mastodontes que vagavam pelo planeta antes da chegada do homem, que, com sua baixa estatura e seu cérebro poderoso, dominaria o reino animal.
Minha parada seguinte seria o Museu de Artes. Conheço bem, pelas minhas mãos, os deuses e as deusas esculpidos da antiga terra do Nilo.
Já senti pelo tacto as cópias dos frisos do Paternon e a beleza rítmica do ataque dos guerreiros atenienses.
As feições nodosas e barbadas de Homero me são caras, pois também ele conheceu a cegueira.
Assim, nesse meu segundo dia, tentaria sondar a alma do homem por meio de sua arte. Veria então o que conheci pelo tacto. Mais maravilhoso ainda, todo o magnífico mundo da pintura me seria apresentado. Mas eu poderia ter apenas uma impressão superficial. Dizem os pintores que, para se apreciar a arte, real e profundamente, é preciso educar o olhar. É preciso, pela experiência, avaliar o mérito das linhas, da composição, da forma e da cor. Se eu tivesse a visão, ficaria muito feliz por me entregar a um estudo tão fascinante. 
À noite de meu segundo dia seria passada no teatro ou no cinema. Como gostaria de ver a figura fascinante de Hamlet ou o tempestuoso Falstaff no colorido cenário elisabetano! Não posso desfrutar da beleza do movimento rítmico senão numa esfera restrita ao toque de minhas mãos. Só posso imaginar vagamente a graça de uma bailarina, como Pavlova, embora conheça algo do prazer do ritmo, pois muitas vezes sinto o compasso da música vibrando através do piso.
Imagino que o movimento cadenciado seja um dos espetáculos mais agradáveis do mundo. Entendi algo sobre isso, deslizando os dedos pelas linhas de um mármore esculpido; se essa graça estática pode ser tão encantadora, deve ser mesmo muito mais forte a emoção de ver a graça em movimento.
Na manhã seguinte, ávida por conhecer novos deleites, novas revelações de beleza, mais uma vez receberia a aurora. Hoje, o terceiro dia, passarei no mundo do trabalho, nos ambientes dos homens que tratam do negócio da vida. A cidade é o meu destino.
Primeiro, paro numa esquina movimentada, apenas olhando para as pessoas, tentando, por sua aparência, entender algo sobre seu dia-a-dia. Vejo sorrisos e fico feliz. Vejo uma séria determinação e me orgulho. Vejo o sofrimento e me compadeço.
Caminhando pela 5ª Avenida, em Nova York, deixo meu olhar vagar, sem se fixar em nenhum objeto em especial, vendo apenas um caleidoscópio fervilhando de cores.
Tenho certeza de que o colorido dos vestidos das mulheres movendo-se na multidão deve ser uma cena espetacular, da qual eu nunca me cansaria. Mas talvez, se pudesse enxergar, eu seria como a maioria das mulheres – interessadas demais na moda para dar atenção ao esplendor das cores em meio à massa.
Da 5ª Avenida dou um giro pela cidade – vou aos bairros pobres, às fábricas, aos parques onde as crianças brincam. Viajo pelo mundo visitando os bairros estrangeiros. E meus olhos estão sempre bem abertos tanto para as cenas de felicidade quanto para as de tristeza, de modo que eu possa descobrir como as pessoas vivem e trabalham, e compreendê-las melhor.
Meu terceiro dia de visão está chegando ao fim. Talvez haja muitas atividades a que devesse dedicar as poucas horas restantes, mas acho que na noite desse último dia vou voltar depressa a um teatro e ver uma peça cômica, para poder apreciar as implicações da comédia no espírito humano.
À meia-noite, uma escuridão permanente outra vez se cerraria sobre mim. Claro, nesses três curtos dias eu não teria visto tudo que queria ver. Só quando as trevas descessem de novo é que me daria conta do quanto eu deixei de apreciar.

Talvez este resumo não se adapte ao programa que você faria se soubesse que estava prestes a perder a visão. Mas sei que, se encarasse esse destino, usaria seus olhos como nunca usara antes. Tudo quanto visse lhe pareceria novo. Seus olhos tocariam e abraçariam cada objeto que surgisse em seu campo visual.

Então, finalmente, você veria de verdade, e um novo mundo de beleza se abriria para você.
Eu, que sou cega, posso dar uma sugestão àqueles que vêem: usem seus olhos como se amanhã fossem perder a visão. E o mesmo se aplica aos outros sentidos.
Ouça a música das vozes, o canto dos pássaros, os possantes acordes de uma orquestra, como se amanhã fossem ficar surdos. Toquem cada objeto como se amanhã perdessem o tacto. Sintam o perfume das flores, saboreiem cada bocado, como se amanhã não mais sentissem aromas nem gostos. Usem ao máximo todos os sentidos; goze de todas as facetas do prazer e da beleza que o mundo lhes revela pelos vários meios de contacto fornecidos pela natureza. Mas, de todos os sentidos, estou certa de que a visão deve ser o mais delicioso.(Helen Keller).


Helen Adams Keller, aos dezoito meses de idade ficou cega e surda devido a uma doença diagnosticada na época como "febre cerebral" (hoje acredita-se que tenha sido escarlatina) sua luta foi árdua e vitoriosa para se integrar na sociedade, tornando-se além de celebre escritora, filosofa e conferencista, uma personagem famosa pelo trabalho incessante que desenvolveu para o bem estar das pessoas portadoras de deficiências.
Seus livros foram transcritos em várias línguas. Em 1954, “A História de Minha Vida”, após cinqüenta anos de sua primeira publicação como livro, foi traduzido em cinqüenta línguas. As duas personalidades mais interessantes do Século XIX são Napoleão e Helen Keller” , Mark Twain que disse essa frase poucos anos antes de sua morte.

Fonte: ler para ver (Site na qual se trata da deficiência visual) e Wikipédia, a enciclopédia livre.

Grande abraço!

Ótima Semana!


197 comentários:

  1. Oi, Smareis...

    Que texto lindo!

    Acho que o ser humano é assim mesmo, só dá valor quando não tem mais o que era tão comum no dia a dia....

    Beijos, querida, e ótima semana!!!

    ResponderExcluir
  2. Boa tarde, Smareis.
    Linda reflexão sobre gratidão pelo que temos, sobre saber usar os dons que recebemos.
    Destaco a frase: " Eu, que sou cega, posso dar uma sugestão àqueles que vêem: usem seus olhos como se amanhã fossem perder a visão. E o mesmo se aplica aos outros sentidos."
    Vamos ser gratos pelo que temos!
    Abraço da
    Celina

    ResponderExcluir
  3. hola amiga pasando al blog mas bonito del block hahaha

    un abrazo y que tengas una buena semana

    ResponderExcluir
  4. Linda entrevista, muito emocionante mesmo .... bjs bjs

    ResponderExcluir
  5. Gran Muestra de superación y Solidaridad.
    Maravilloso documento.
    Un abrazo.

    ResponderExcluir
  6. Que lindo, Smareis!
    Quanta sensibilidade ela imprimiu com essas palavras. Lembrei-me de quando eu estava trabalhando crônicas com meus alunos, da zona rural, e pedi que eles escrevessem sobre o lugar que viviam. Eles disseram que não vinham nada demais e que o lugar era feio e sem graça. Enquanto isso, eu via em tudo aquilo..muita beleza. O lugar é lindo, Smareis. Um sertão de encher os olhos.

    Beijos, amiga!

    ResponderExcluir
  7. A superação é fantástica em todos os sentidos da vida.Quando acontece a gente passa a viver.
    Beleza de texto!
    Abração.

    ResponderExcluir
  8. Nossa Smareis uma bela lição adorei ler!
    beijo

    ResponderExcluir
  9. Lição de vida*(
    Me sinto pequena diante Dela*...
    Superação...Nossa! É um tapa na cara! Eu senti isso agora como se tivesse levado um soco; um sacode¨.
    Obrigada por postar, valeu!
    Beijo e boa semana pra ti.
    Mery*

    ResponderExcluir
  10. Hola.Samareis Interesante post nos dejas del Espiritu de superación de Helen Keller
    para llegar a ser famosa sin visión.

    La verdad se merece la consideración de personaje importante.

    Feliz semana.

    Buenas noches.

    ResponderExcluir
  11. Belo resgate, Smareis, de uma impressionante personalidade! As deficiências se tornam pequenas, quando a alma eh grande! Boa semana

    ResponderExcluir
  12. Este texto es precioso, me hizo reflexionar mucho acerca de este gran don de la vista, pero creo que existe otra ceguera que afecta a muchos, la ceguera del alma.
    Un abrazo grande y lleno de cariño y una linda semana.

    ResponderExcluir
  13. Acabei de te ler e fiquei num mutismo surdo.
    E aí me dei conta das maravilhas de voltar a ver as letras, e uma vontade emnorme de te dizer que as tuas postagens têm o condão de nos deixar boquiabertas por nos acordares para a realidade que de ser tão comezinha, passa a ser normal...e as anormalidades só as conhecemos quando nos batem à porta ou nos acordam com abanões para sacudir o pó enterrado de tanto comodismo.
    Pensando muito bem Smareis, quanta sorte, quanta felicidade, quantas coisas maravilhosas se nos escapam por puro egoismo, e egocentrismo.
    Amiga tão querida, obrigada mesmo por me acordares. Obrigada por seres realmente única!
    És um bálsamo, na aridez de uma humanidade às vezes tão preversa: porque ajudas a pintar a aguarela da vida!
    Enorme, fraterno e terno abraço, Smareis!

    ResponderExcluir
  14. Que maravilhosa lição essa...Especial!!Pra ler, pensar muito!!beijos praianos, obrigado pelo carinho,chica

    ResponderExcluir
  15. Ah!...
    Já lá estão os teu maravilhosos presentes!
    Quando souber fazer, retribuo!
    Obrigadaaaa!
    Bjisssss!

    ResponderExcluir
  16. impressionante é vossa sensibilidade
    para estes temas
    escrever para nos envolver numa temática
    que mexe com o nosso ser
    ai percebo como sou um pobre poeta
    e ser humano também.

    Luiz Alfredo - poeta

    ResponderExcluir
  17. An intricate and thought-provoking piece, Smareis.

    The first thought entering my mind was memory of the faces from my past –- faces which are no longer here for me to see -- and how reassuring it is to visualize them in my mind from time to time. Consequently, I, too, would concentrate on faces of family and friends for at least the first day.

    While there is magic in paintings, poetry and music, for instance, still I would leave cities far behind me and move into Nature for the rest of my time –- to see mountains, forests, deserts, seas and the creatures which inhabit them.

    You gave me something to think about today. Thank you.

    ResponderExcluir
  18. Muito querida Smareis,

    A maravilhosa Helen Keller foi uma pessoa realmente genial e com sua sensibilidade e enorme capacidade de superação,soube deixar exemplos e atitudes dignos de serem imitados por todas as pessoas.E nos sentimos tão pequenas,tão egoístas,tendo tudo e reclamando por pequenas e supérfluas coisas,que não passam de "coisas",nada mais.
    Parabéns pela postagem,amiga.
    Bjssssss,
    Leninha

    ResponderExcluir
  19. Je me souviens que très jeune nous lisions Helen Keller en classe à haute voix les unes après les autres...
    Une personne de grande sensibilité et émouvante qui nous donne une grande leçon de vie.
    Très souvent je me dis que c'est beau de voir et de sentir les choses. Mais qu'il est bon aussi de "pré-voir"...
    Merci pour cette belle et merveilleuse publication.

    Gros bisous.

    ResponderExcluir
  20. Minha amiga querida! Parabéns pela bela postagem e pela maravilhosa mensagem! Se a gente pudesse saber antecipadamente, quanto tempo nos resta de vida, deixaríamos de viver, preocupados com tudo que iríamos fazer antes de partir...Muito obrigada pelo carinho do voto! De coração!
    Que o amor renovador e a Paz de Jesus Cristo habitem nossos corações sempre! Uma abençoada semana, repleta de muita paz e alegria! Grande e carinhoso abraço!
    Elaine Averbuch Neves
    http://elaine-dedentroprafora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  21. Olá!Boa noite!
    Tudo bem, Smareis?
    ...texto emocionante que mostra que a coragem e a persistência podem vencer obstáculos aparentemente intransponíveis.Uma criatura plena, realizada,e um grande exemplo de vida para qq pessoa.O que causa admiração é o grau de desenvolvimento que Hellen Keller conseguiu atingir tendo apenas o tato como "janela para o mundo". Sem os demais sentidos.
    Obrigado pelo carinho da visita!
    Boa semana!
    Beijos

    ResponderExcluir
  22. Boa noite, Smareis.
    Este foi um dos posts mais belos que já li, parabéns.
    Acho que no cotidiano corrido de muita gente, pode ocorrer de as pessoas simplesmente não darem valor a tudo aquilo que está a sua volta, como a diversidade e singularidade dos seres vivos, por exemplo.
    Quando eu caminho por uma mata ou um campo, procuro sempre ver que diferente tipo de vegetação ocorre em determinado local, e que tipo de folha aparece em determinado tipo de árvore.
    Não sei dizer o que eu observaria se tivesse apenas três dias de visão, mas só sei que procuraria ver o que de mais belo a Natureza e nossa espécie já produziu neste mundo.
    Abraço, Smareis, e obrigado pelo belo texto.

    ResponderExcluir
  23. Tu juventud y tus ganas de vivir se reflejan en todos tus escritos.
    Un fuerte abrazo
    Te agradezco tu comentário a mi fantasia.

    ResponderExcluir
  24. Smareis, que lindo esse post adoro historias de superação sempre são ânimos, estímulos pra gente e um tapa da cara de quem só reclama da de tudo vida. Adorei ler o que ela escreveu sobre os 3 dias! Bjs com saudades pra vc!

    ResponderExcluir
  25. Helen Keller que admirable mujer.
    Saludos
    David

    ResponderExcluir
  26. Hola amiga, interesante y bello lo que compartes. Un placer leerte. Cuidate.

    ResponderExcluir
  27. Um texto impactante e reflexivo, ao mesmo tempo que lindo. Que baita superação. Confesso que não saberia responder o que eu faria se tivesse apenas 3 dias de visão. Talvez ficasse olhando para pessoas e coisas que amo para poder me lembrar sempre nos dias posteriores, até o fim da vida. Beijos e boa semana!

    ResponderExcluir
  28. Bom dia
    É sempre com alegria que vos recebo em Lidacoelho. Sois a minha família reunida num projecto de partilha de bons pensamentos e de comunhão plena do amor entre os povos e nações, pela paz no mundo e nas famílias.

    Se eu apenas tivesse três dias de visão.
    Não faria, nada nem passaria esses dias a chorar.
    Agradecê-los-ia a Deus. Uma oferta maravilhosa. Depois quando fosse privado da visão daria graças a Deus por tantas coisas boas que me mostrou e que agora podia silenciosamente rever.

    ResponderExcluir
  29. Sehr interessant und zum nachdenken anregend...

    Lieben Gruß
    CL

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hallo Cloudy, wirklich reflektierend, lehrt ein sehr interessanter und anregender zu denken. Vielen Dank für presença.Grande Umarmung.

      Excluir
  30. I love so much you're blog. I follow u.
    My name in GFC is: sexy_paige_cucu.

    Hope u follow back, dear :) :)

    A lot of kisses.
    http://zapatodetacon.blogspot.com.es/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hello Sara,
      Thank you for your presence, I was happy with his visita.Ja I'm following you with great pleasure. required to be following me.
      I loved the looks, it's cold here in Brazil, and that looks are lovely for winter.
      Big hug!
      Kisses!

      Excluir
    2. Olá Smarreis,

      Belíssimo testemunho de Helen Keller, um exemplo a seguir... é preciso transpor as dificuldades. Cristo nos disse: "Tendes bom ânimo, eu venci o mundo!" Eu creio (mas estou muito cansada). Desculpa o desabafo, deixo um bj. Kiss!! Kiss!!

      Enigma.

      Excluir
  31. Wspaniały i dający do myślenia tekst. Ja bym przede wszystkim patrzyła na bliskich, później cudowną przyrodę i wspaniałe zabytki zabytki na świecie. Pozdrawiam serdecznie.
    A bela e dá comida para o texto do pensamento. Gostaria em primeiro lugar de todos olharam para o próximo, após as maravilhas milagrosas da natureza e monumentos no mundo. Com os melhores cumprimentos.

    ResponderExcluir
  32. Um forte exemplo de vida, sem dúvida. Mas de realçar também e muito o trabalho desenvolvido pela sua professora Ana Sullivan.

    Um abraço com carinho.

    ResponderExcluir
  33. Bom dia Smareis, tudo bom com você menina?
    Adorei este post, a mensagem é maravilhosa!
    Me lembrei de um filme que sempre passava na tv sobre a Ellen e a professora dela, na verdade a professora e a luta dela até com os pais da menina para educa-la é que era o foco principal da estoria. Tinha uma mensagem de que qualquer pessoa, mesmo surda,cega e muda pode desenvolver suas potencialidades se tiver alguem que acredite nisso e a apoie. O filme era o milagre de Anne Sulivam, e faz parte das minhas lembranças de infancia ve-lo na tv....srrssr
    Bjs querida, boa semana e fique com Deus.

    ResponderExcluir
  34. Um belo texto amiga,,,,o ser humano muitas vezes só dá valor a uma determinada coisa quando perde, mas ele também é dotado de uma força interior pra superar as perdas,,,as dificuldades,,,vencer e se tornar muitas vezes ícone,,,,beijos de bom dia pra ti ...

    ResponderExcluir
  35. Smareis, el texto que publicas en tu post es de una gran calidad humana y espiritual. Si bien todos nos llevan a profundas reflexiones este, si cabe, nos ayuda a ver la vida desde otra óptica. Desde la experiencia de las personas, como Helen Keller, que sus deficiencias sensoriales no le impidieron captar y disfrutar del mundo que le rodeaba.
    La urgencia, el estrés, la vida cotidiana a veces nos impide captar todos esos pequeños y grandes detalles que normalmente nos pasan desapercibidos, a pesar de disponer de todos nuestros sentidos. La gran lección de Helen y de otras personas es que convierten sus problemas en una oportunidad y no en un obstáculo o impedimento.
    Sin duda, Smareis, un magnífico texto que nos hace pensar en el ser humano y sus infinitas posibilidades de ser feliz.
    Gracias por compartirlo.
    Abraços

    ResponderExcluir
  36. a gente realmente só dá valor às coisas quado as perde, né? isso chega a ser até triste... Não sei muito bem o que faria se soubesse que fosse perder a visão, mas acho que algo próximo do que vc escreveu ;)

    http://theredlilshoes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  37. É incrível o exemplo que esta mulher deixou para a humanidade!
    Li o livro e vi o filme várias vezes!
    Sensacional!

    Beijão

    ResponderExcluir
  38. Bom dia Smareis!

    Mais um belo texto,Helen Keller uma grande mulher, Se me dessem três de vida. Diria aos meus filhos, aquilo que não disse ainda.

    Beijinho,
    José.

    ResponderExcluir
  39. Helen Keller sempre me fascinou.
    Adoro histórias de superação.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  40. Very nice tribute to Helen Adams Keller!
    Thanks for the silence, filled with human power.
    Grande abraço, and happy life,Willy

    ResponderExcluir
  41. Duas "necessidades especiais" são bastante significativas para fazerem qualquer um desistir de tudo. Que maravilha a história dessa mulher, obrigada por compartilhar.

    Eu já desejei ter um dia, único dia, para dançar descontroladamente. Acho que conheceria uma faceta bacana da felicidade. Mas, enfim, me contento liberando a alma... É uma grande bailarina.

    Beijo, Smareis.

    ResponderExcluir
  42. Oi querida amiga,

    Sem dúvida alguma um dos textos mais emocionantes que já li, essa mulher foi e é uma lição de vida, ver além dos olhos é para poucos.

    Parabéns pelo post, nota 1000

    ResponderExcluir
  43. Esta senhora Helen Keller , com o acompanhamento de Ana Sullivan viu mais e melhor do que a maioria com os seus olhos funcionando .
    Mas uma grande parte do ser humano só valoriza , verdadeiramente ,o que perde .

    Óptima postagem .

    Um beijo Smareis ,
    Maria

    ResponderExcluir
  44. Bahhhhhh... impactante isso, menina! Pra fazer a gente pensar mesmo! Beijos, querida!

    ResponderExcluir
  45. Não paramos para pensar no quanto temos. E não absorvemos, com o devido prazer, tudo que nos é apresentado. Lendo esse texto, captamos a percepção magnífica de quem, com sua deficiência, não perdeu a sensibilidade de uma visão especial. Amei sua postagem. Bjs.

    ResponderExcluir
  46. Una hermosa entrevista y una maravillosa lección sobre el valor de nuestros sentidos. Un abrazo, Elsa.

    ResponderExcluir
  47. Obrigada pela atenção e elogios, você é um amor!

    Beijão!

    ResponderExcluir
  48. La vida es un paisaje de enseñanzas, solo hay que aprender a mirar y no solo con la vista sino con todos los sentidos.

    Un abrazo y buena semana para ti.

    ResponderExcluir
  49. Oi Smareis,
    A pior deficiência é não querer agir, não querer enxergar a si mesmo. Ela é uma vendedora e serve de exemplo para qualquer pessoa. Faço ideia da luta dessa mulher para se interagir na sociedade. Possuir deficiência não é motivo para dar-se como pessoa inválida. Todos nós possuímos limites e eles não são diferentes de nós, nesse sentido. Está mais do que comprovado que os deficientes possuem capacidades exímias de trabalho e criatividade. Infelizmente, a sociedade nem sempre está de braços abertos para oferecer oportunidades para aqueles que fogem aos padrões impostos por ela mesma. Quebrar rotinas da sociedade pode levar tempo, mas o importante e não desistir, jamais.
    Beijos e uma excelente semana para você também...

    ResponderExcluir
  50. LA GRANDEZA DEL SER HUMANO ESTÁ SÓLO ADENTRO. EXCELENTE POST.
    BESOS

    ResponderExcluir
  51. Histórias assim nos sacodem...levanta a alma da cômoda certeza de que estamos imunes a qualquer intempérie. O "só acontece com o(s) outro(s) e jamais comigo" já deixou de fazer parte do meu vocabulário há dois anos...
    Beijuuss n.a.

    ResponderExcluir
  52. Oi Smareis!
    Que lindo texto de ótima reflexão para todos nós, que as vezes somos tão egoístas e nos apegamos em coisas extremamente supérfluas, e não fazemos o que realmente importa!
    Um grande beijo querida amiga e fique com Deus!
    Linda inspiração!
    Mariangela

    ResponderExcluir
  53. Minha querida

    Perante exemplos destes, de força e superação de todos os obstáculos, eu senti-me muito pequenina e muito egoísta por não agradecer convenientemente à vida por tudo o que me deu.
    Como sempre ler-te faz-me ir até ao mais profundo da alma.


    Beijinho com carinho
    Sonhadora

    ResponderExcluir
  54. Olá, Smareis! Obrigada pela partilha... por vezes, andamos tão distraídos, que nem reparamos nas bênçãos que a Natureza nos oferece. Os sentidos são uma grande dádiva... e, quando se perde algum deles, deve ser terrível. No entanto, a Helen Keller, desenvolveu uma "visão apurada" através da sua sensibilidade para ver com os olhos da alma!
    É um gosto passar por aqui! Um beijinho e tenha um lindo dia!

    ResponderExcluir
  55. Uma mensagem e tanto. Daqueles que mexem com a agente e vemos que não somos absolutamente nada.A luta para superar é que da a valorização a vida. Fora o legado que ela deixa magnificamente para a humanidade.
    Beijos salpicados de estrelinhas coloridas.
    pS> Tinha quase certeza que havia comentado aqui, rs!

    ResponderExcluir
  56. Olá Smareis,
    Maravilhoso e comovente texto, nos leva a uma profunda reflexão!
    Sem dúvida, um belo exemplo de vida e superação!
    Linda escolha!

    Fiquei imensamente feliz com sua visita. Desculpe-me pela demora do meu retorno, ando meio devagar nesses últimos dias.
    Obrigada pelo carinho e por suas palavras de conforto. Seja sempre muito bem vinda, amiga!
    Lindo seu espaço, parabéns! Excelentes postagens, tudo me encanta por aqui.

    Muita luz, sempre!
    Um grande beijo e o meu carinho.

    ResponderExcluir
  57. Um excelente lição de vida, que nos faz reflectir e repensar o modo como encaramos as adversidades.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  58. Olá amiga Smareis,
    Extraordinária mensagem! E que enorme exemplo nos deixou Hellen Keller!
    Sinto-me tão limitada que não sei bem o que faria se tivesse apenas três dias de visão. Em silêncio tentaria olhar no meu interior e avaliar o quanto não tinha sabido valorizar e apreciar pedindo perdão a Deus por isso!
    E pedir-lhe-ia ajuda para, a partir de então, poder na escuridão observar todo o brilho emanado da Natureza e sentir-me verdadeiramente envolta pelo Seu Amor Universal na aceitação e doação aos outros.
    Grata por esta mensagem que falou bem fundo no meu coração.
    Beijinhos e continuação de excelente semana.
    Ailime

    ResponderExcluir
  59. OI SMAREIS!
    SÃO PESSOAS ASSIM QUE NOS DÃO A EXATA DIMENSÃO DO AMOR DE DEUS POR NÓS SEUS FILHOS, NEM SEMPRE AGRADECIDOS.
    AO FALTAR-LHE A VISÃO E A AUDIÇÃO,COMO SER, AINDA PERFEITO QUE O É, DESENVOLVEU OUTROS SENTIDOS, QUE LHE DERAM, ALÉM DA SENSIBILIDADE UMA GRANDE FORÇA INTERIOR PARA FAZER DE SEU INFORTÚNIO, SUA FORTALEZA.
    LINDA E MOTIVADORA POSTAGEM.
    ABRÇS

    zilanicelia.blogspot.com.br/
    Click AQUI

    ResponderExcluir
  60. GRACIAS POR COMPARTIR SMAREIS,ES UNA HISTORIA HERMOSA LLENA DE VALENTIA Y OPTIMISMO♥

    UN GRAN ABRAZO:)

    ResponderExcluir
  61. Uma mulher extraordinária, com uma visão muito além do que os olhos vêem!
    Beijinhos,
    Madalena

    ResponderExcluir
  62. Uma mulher extraordinária, com uma visão muito além do que os olhos vêem!
    Beijinhos,
    Madalena

    ResponderExcluir
  63. Smareis,muito a aprender nesse sensivel texto!Que linda msg de vida!Bjs e meu carinho,

    ResponderExcluir
  64. Magnífica reflexión mi querida amiga. Mientras te leía pensé. Si me dijeran que tengo ´sólo tres días de vida, haría lo mismo que hoy hago. VIVIR CON INTENSIDAD CADA MOMENTO.
    Con ternura
    Su amiga
    Sor.Cecilia

    ResponderExcluir
  65. Olá Smareis,

    Mulher extraordinária! Um exemplo de superação e sensibilidade. Já li alguns artigos sobre ela.
    A história de vida de Hellen Keller nos leva a uma parada obrigatória para refletir acerca de nossa maneira distraída diante de nossos sentidos.

    Excelente sua postagem!

    Beijo.

    ResponderExcluir
  66. Incrível como há pessoas maravilhosas que por uma deficiência fazem tudo que não fazemos e a sensiobilidade deles é sentimental, coisa que muitos não veem e se vc vê a vida feito eles ou poetas e poetisas você é considerado louco. Escreva dizendo que sentiu uma folha na mão, faça isso na frente das pessoas, sabe por que? Porque não há sentimentos, se nem com pessoas há mais, que dirá sentindo! Tiro o chapéu amiga por esta filósofa e escritora, é de se comover e ver a vida por outro ângulo quem realmente tem sentimentos no coração. Um verdadeiro exemplo de vida!
    Parabéns querida pelo texto escolhido e me comovi com ele. Belíssima reflexão! Muito obrigada pelo carinho de suas belíssimas palavras. Beijos no coração da sempre sua amiga Cecilia Gonçalves.

    ResponderExcluir
  67. Esta grande senhora é uma verdadeira lição de vida.
    Hellen Keller é um exemplo.
    Dou-lhe os meus parabéns por este magnifico escrito e pela mensagem grande que nos deixa.

    ResponderExcluir
  68. Hola Smareis, los seres humanos solo damos valor a los sentidos, cuando los perdemos. Maravillosa mujer, ejemplo de vida y tenacidad. Gracias por compartir
    Un abrazo

    ResponderExcluir
  69. Boa noite Smareis!
    Tudo bem?
    Hellen Keller é extraordinária, magnifica, seu exemplo devia ser seguido por todos nós.
    Temos que refletir sobre isso no nosso dia a dia.
    Graças a Deus aprendi com meu pai, que quando olhar para alguém ou algo não me deter só na aparência e ir além.
    Um abraço e muito obrigada por suas visitas tão carinhosas.

    ResponderExcluir
  70. Smareis 100% felicitats!!!! esperamos tu regreso al bogardismo, gracias siempre. gran blog el tuyo.

    ResponderExcluir
  71. Já li muito sobre Helen keller, um exemplo de vida fantastico amiga.Voce foi feliz nesta postagem para uma reflexão sem dor,de como se superar e fazer a diferença.Grato pela partilha e reflexão.Parabenizo pela sensibilidade aguçada.Que os olhos da alma estejam sempre arregalados.
    Um carinhoso abraço amiga.
    Beijo.

    ResponderExcluir
  72. Já li muito sobre Helen keller, um exemplo de vida fantastico amiga.Voce foi feliz nesta postagem para uma reflexão sem dor,de como se superar e fazer a diferença.Grato pela partilha e reflexão.Parabenizo pela sensibilidade aguçada.Que os olhos da alma estejam sempre arregalados.
    Um carinhoso abraço amiga.
    Beijo.

    ResponderExcluir
  73. As coisas mais bonitas e melhores do mundo, eles não podem ver ou tocar, mas são sentidas no coração...

    beijos

    ResponderExcluir
  74. Amiga que escolha fantástica! Emocionante! Todos deveriam ler esse relato para poder valorizar o que usufruimos sem perceber.
    Eu em minha vida pude avaliar os dois aspectos em separado:
    -Somos muito amigos do Frei Anselmo Fracasso do Convento Santo Antônio, Rio, que ficou cego no Seminário, adolescente. Convivemos bastante com ele, que batizou todas as crianças da família, celebrou missas de 15 anos e casamentos e acompanhamos suas refeições, translados, viagens, situações em que foi até sequestrado, isso tudo sob a ótica de quem não enxerga.
    -Tive 4 amigas quando eu tinha 16 anos, irmãs, de idades próximas, todas surdas de nascença e consequentemente mudas (em graus distintos de surdez e de mudez). Meninas belíssimas que na praia, na lanchonete, no dia-a-dia dos adolescentes não deixavam transparecer a deficiência, mas que superavam todas as barreiras com muita garra.
    Com essa convivência próxima aprendemos a valorizar pequenos detalhes.
    bj sandra
    http://projetandopessoas.blogspot.com.br//

    ResponderExcluir
  75. Boa Noite Amiga.
    Estou um pouco afastada por motivos alheios a minha vontade
    estou tentando de alguma forma colocar em ordem minhas visitas.
    Uma linda reflexão excelente escolha
    realmente Helen Keller é magnifica.
    Linda noite beijos mo coração,Evanir..

    ResponderExcluir
  76. Queridinha..que beleza de reflexão..liçãod e vida !!!kiida achei essa frase legal kkkkk
    Gente, tá na hora da gente ser muito feliz. Primeiro porque somos de verdade, depois porque somos filhos de Deus e, pra terminar, porque existe escova progressiva kkkkk
    legalzinha nê kkkkkk beijus feliz semaninha !!!

    ResponderExcluir
  77. Minha querida amiga !!!!
    O texto como sempre nos dar uma lição de vida da qual me deixou mais leve com meus pensamentos...muito bom vermos pelo coração e pela alma ...
    bjssssssssssssssssss

    ResponderExcluir
  78. Olá, prezada amiga Smareis!
    Esse é um bom exemplo de vida que deveríamos nos espelhar enquanto vivermos.
    Viver não é fácil, pois as dificuldades vão surgindo sucessivamente, no entanto, temos que superará-las sempre e continuarmos a caminhada.
    Hellen Keller superou com sobra sua deficiência, a ponto de ser destaque no mundo todo. Talvez, se fosse saudável, não fosse tão famosa, assim, pelo sua resiliência.
    Somente damos valor à nossa capacidade plena quando perdemos uma parte dela.
    Devemos agradecer a Deus e a natureza por ter nos feito perfeitos.

    Obrigado por ter compartilhado conosco essa emoção!

    Abraços sinceros do amigo!

    ResponderExcluir
  79. Já conhecia Helen Keller através de livros .
    e também já tive a felicidade de assistir ao filme baseado em sua vida , tão cheia de superação e lições de vida .

    Toda vez que leio algo sobre essa grandiosa figura, eu me emociono . aqui não foi diferente ...

    Obrigado por esse belo momento , querida !

    Um beijo grande !

    ResponderExcluir
  80. Smareis, querida amiga!
    Tudo bem?

    Me emocionei com esta postagem, nem poderia ser diferente. Creio que independente do que faríamos com a visão nesses três dias, o certo é que só valorizamos mesmo as coisas, na falta delas. Como se precisássemos do inferno para saber o que é o paraíso!

    Beijos, lindona!
    Ótimos dias!

    ResponderExcluir
  81. La vista, qué gran don. Nunca apreciada lo suficiente.
    Bello texto.
    Un abrazo grande,
    Ricardo

    ResponderExcluir
  82. Um dia repleto de paz, carinho e muita poesia pra ti minha amiga,,,flores e beijos....

    ResponderExcluir
  83. O ser humano excede quando lhe falta, como já havia observado Nietzsch. A questão de não se ver está em poder se ver de outra forma. Quem não vê pode ouvir e ouvir tanto mais que veja mais do que quem vê. Na verdade, há pessoas que olham e não vêem. O pintor francês Claude Monet pintava o mesmo monte de feno diversas vezes, um camponês perguntou porque pintava sempre a mesma coisa, e Monete respondeu que não era a mesma coisa, a luz iluminava sempre de outro angulo, e as cores mudavam tanto com o clima como com as estaÇoes do ano. Isso é que ver de verdade.
    Beijos

    ResponderExcluir
  84. We think she was the very best of what a human could be.

    And like "Mery" who left a comment, we feel small before her, in comparison to her. Very small.

    ResponderExcluir
  85. Gracias Smareis por tu entrada linda, por tu presencia en mi blog. Un abrazo. Dios te bendiga.

    ResponderExcluir
  86. Uma das características do ser humano é justamente só dar valor ao que tem quando perde ou fica na iminência de. Falta-nos uma maior sensibilidade para valorizar as coisas simples que temos e que nos é ofertado generosamente todos os dias. Gr. Bj. querida!

    ResponderExcluir
  87. .


    Hellen Keller é uma via de
    mão única. A outra seria o
    seu exemplo a sua história.

    Beijos do

    Palhaço Poeta






    .

    ResponderExcluir
  88. Oiii Smaires, eu não conhecia essa escritora, vergonha alheia né, mas graças a vc agora conheço, e não foi uma perca de tempo ler o que ela faria com 3 dias de visão, me fez pensar no que eu faria, admirei ela querer encontrar Hamlet, eu tbém adoraria, a 5 avenida faz parte do universo dela, eu escolheria a av Paulista rsr, mas de tudo que ela faria e eu tbém, com certeza olharia bem as pessoas a minha volta p nunca me esquecer do semblante delas! Adorei! Bjinhos

    ResponderExcluir
  89. O testo é óptimo.

    Ser-me-á permitido dizer que nunca deveria uma pessoa ser tratada por deficiente mas sim diferente.

    Tem a ver com o texto?
    Concluamos.

    ResponderExcluir
  90. Texto maravilhoso ... lição de vida preciosa!

    Se perdesse a visão ... sei que o que sentiria logo mais falta ... é do olhar de ternura da pessoa que amo :)

    Fique bem ... um beijo

    ResponderExcluir
  91. Nesses momentos que nos damos conta do quanto somos egoístas e deixamos o dia a dia nos levar exemplo a ser seguido grande mulher.
    Eu quero agradecer a gentileza de ter votado no meu blog, ainda mais sendo sua admiradora e confesso que o seu blog na minha opinião é o mais bonito que vi até hoje na nete, e não somente o visual tudo aqui é excelente.

    ResponderExcluir
  92. Ahhhhhhhhhh... já estou sentindo tua ausência, querida! Mas toma teu tempo e depois retorna! Bjs, menina!

    ResponderExcluir
  93. ...Muito do que parece impossível, só o é,
    até que alguém com coragem e determinação o faça...

    Estes são os exemplos que nunca é demais trazer ao de cimo, pois facilmente nos deixamos bloquear pelas dificuldades, que por comparação, são meros obstáculos e não impossibilidades.

    O legado desta senhora, é maravilhoso.

    Beijo e kandandos.

    ResponderExcluir
  94. Oi amiga, linda reflexão, uma grande lição mesmo!
    Bjinhos no ♥

    ResponderExcluir
  95. Olá Smareis,

    Muito bom este seu texto, quantas vezes mesmo tendo tudo a gente reclama por qualquer coisa.

    Um abraço, paz e bem

    ResponderExcluir
  96. Muy buen texto para pensar y reflexionar amiga! Larga reflexión si!
    Gracias por tu visita!
    Besito y buena semana!
    Roos

    ResponderExcluir
  97. Olá, Smareis!
    Excelente exercício de reflexão.
    E até quando o ser humano - pois é intrínseco em nós - vamos precisar "não ter" para acreditar que seria melhor???!!!
    O melhor é sempre aproveitar e desfrutar ao máximo cada uma das características que nós temos. Porque somos o que somos e tão únicos que não deveríamos esperar mudanças para sermos felizes. E se houver ausências, é porque o que se perdeu não era mais necessário; e o que vier acrescentar, lembre, será porque a recompensa chegou. Porque Beethoven escreveu as mais lindas canções quando já não ouvia com os ouvidos do corpo, mas com os da alma e do coração.
    Um beijo grande e seja feliz sempre exatamente como és.

    ResponderExcluir
  98. Olá, Smareis!
    Excelente exercício de reflexão.
    E até quando o ser humano - pois é intrínseco em nós - vamos precisar "não ter" para acreditar que seria melhor???!!!
    O melhor é sempre aproveitar e desfrutar ao máximo cada uma das características que nós temos. Porque somos o que somos e tão únicos que não deveríamos esperar mudanças para sermos felizes. E se houver ausências, é porque o que se perdeu não era mais necessário; e o que vier acrescentar, lembre, será porque a recompensa chegou. Porque Beethoven escreveu as mais lindas canções quando já não ouvia com os ouvidos do corpo, mas com os da alma e do coração.
    Um beijo grande e seja feliz sempre exatamente como és.

    ResponderExcluir
  99. Olá querida e "especial" Smareis,

    Como tem passado? Vejo que seu jardim continua super bem cuidado e que você está bronzeada. Qual foi, desta vez, o destino paradisíaco? Caraíbas, nem posso acreditar. Gostou? Dá para ver e ler em seus olhos.

    A própósito de olhos, e do texto, que escolheu postar, lhe dou os meus parabéns, porque a história dessa menina, é de louvar, tal como o trabalho desenvolvido por sua Professora.
    Temos cinco sentidos, mas para mim, a visão é o mais precioso e aquele que mais devemos cuidar.

    Duas mulheres viviam na mesma casa. Por opção própria, alhearam-se do mundo e nunca mais saíram de casa. Tinham posses e, como tal, tinham pessoal, que tratava de tudo, incluindo as compras.
    Uma, era cega, a Lúcia, a outra, a Ana, via normalmente, como qualquer uma de nós.
    Lúcia passava seus dias à janela, olhando, descrevendo e apreciando o mundo. Falava de cheiros, sabores, sombras e luzes, que dizia ver e pressentir.
    Ana permanecia indiferente às descrições minuciosas e alegres, de sua amiga. E todos os dias, a cena se repetia.

    Lúcia falava de um parque enorme, repleto de relva verde, de árvores altas e frondosas e das inúmeras flores que "via" em canteiros muito bem cuidados.
    Descrevia um lago, onde patos e cisnes se passeavam e nadavam, tal como as migalhas de pão, que as crianças atiravam aos passarinhos, que já acostumados, cercavam a zona. Falava do mar e dos barcos que coloriam o mar, que nunca viu, nem nas tardes de Verão. Descrevia, entusiasmada, os casais de namorados, que se passeavam entre as árvores, meio escondidos, se beijando, tal como os jogos de bola, bem sentidos e disputados pela pequenada.
    Afirmava que, para além da linha do horizone, até conseguia ver, com nitidez, o mundo e o azul do céu.

    Ana, recostada no sofá, meia adormecida e alheia a tudo, a ia escutando somente, sem emitir uma opinião, um som, sequer.
    A única vez que demonstrou preocupação e algum interesse no olhar, foi quando sua amiga lhe descreveu a queda de uma criança no lago do jardim.

    Lúcia, continuava os seus relatos visuais, a respeito de roupas lindas que dizia ver, e gostar de usar, quando a Primavera chegasse. Então, seus vestidos seriam tapetes de flores de todas as cores.

    Os dias foram se passando, e Ana começou a sentir inveja das descrições tão pormenorizadas e lindas de Lúcia. Tanta beleza, pensou. Por que não terei eu essa oportunidade, essa capacidade e vontade, esse dom?
    Enquanto assim pensava, mais ficava envergonhada, com o seu comportamento desinteressado e desinteressante.

    Lúcia ficou gravemente doente. Foi chamado o médico, ambulância, ida para o hospital, mas em vão. A sua amiga minuciosa, observadora, os olhos, que viam tudo pelos dela, se tinham fechado para sempre. Lúcia acabara de falecer.

    Então, pediu para ir junto dela. Lhe afagou o rosto e beijou demoradamente os olhos de Lúcia. Pediu, fervorosamente, que colocassem seu caixão junto de uma janela, o que muito amavelmente fizeram.
    A dor, que estava sentindo era intensa e indescritível. Apoiou os cotovelos no parapeito da janela, na tentativa de redimir-se e de presentear sua grande amiga.
    Com um esforço, quase, sobrenatural, olhou em frente, através da janela e viu um gigantesco muro, alto, feio, negro, frio, feito de pedras rotas, sem brilho, nuas e pensou:

    A VIDA TEM A COR QUE CADA PESSOA LHE QUER DAR: A PAISAGEM SE TORNA CINZENTA, NEGRA, OU CHEIA DE LUZ, DE ACORDO COM AS "LENTES", QUE CADA UMA COLOCA EM SEUS OLHOS, PARA VER O MUNDO.

    Um beijo bem afetuoso e uma rosa vermelha, para enfeitar seu cabelo e olhar.
    Da Luz, com luz.

    ResponderExcluir
  100. Olá Smareis! Que texto!
    Feliz de quem tem olhos de ver e de enxergar... Se Deus nos prova de algum sentido, ele sempre nos dota de maior cota nos outros e o dela é simplesmente um conjunto magnífico! Um beijo!

    ResponderExcluir
  101. ´Linda história Sma, é um minutinho pra refletirmos
    Bjs
    Vivi
    www.viviass.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  102. Que bom que a humanidade tem exemplares como esta mulher, pra nos mostrar os limites do possível sob condições tão adversas. Admirável produtividade para que teria, se quisesse, todas as justificativas para ser ociosa e triste. Sábia e corajosamente, ela optou por fazer coisa melhor da própria vida. Não se entregou, não se deixou levar pela surdez e cegueira, e com isso legou ao mundo um belo exemplo. Belo, por todos os títulos.

    ResponderExcluir
  103. A história de vida de Helen Keller é simplesmente fantástica e única.
    Uma história de um querer sem quebras... um exemplo para todos.
    Beijinhos,

    ResponderExcluir
  104. Depois de aprender a sentir, ver não me serviria de muito.
    Fantástica inspiração.
    Um grande abraço...

    ResponderExcluir
  105. Uma boa lembrança.
    Existem pessoas que vivem para dar bons exemplos, essa é uma delas.

    Bjos.

    ResponderExcluir
  106. Bom dia!!!
    Tudo que é belo faz a gente feliz e visitar vc é uma delas a felicidade está junto dos amigos
    Abraços carinhosos, com essa bela postagem que faz a alegria do meu dia!!!
    Bjusss pelo prazer de ter vc no meu cantinho
    Rita!!!!!

    ResponderExcluir
  107. Belíssimo texto, e realmente nos emociona, mas eleva nossos espíritos para a refleção e o saber.
    Deus te abençoe por postar mensagens de fé, esperança e amor
    meus sinceros agradecimentos
    Analu

    ResponderExcluir
  108. Os teus textos Reflexivos são preciosos Documentos de real valia.
    Se tivesse apenas três dias de Visão, continuaria a descobrir, como hoje e agora, os mais ínfimos pormenores com que a Natureza me premeia. Sou surpreendido mais vezes em cada dia, que as que eu poderia ter previsto.
    Afinal tudo o que nos rodeia está, sempre, em renovação.


    Beijos


    SOL

    ResponderExcluir
  109. Helen Keller, uma grande mulher, de extrema sensibilidade, com uma força de espirito tremenda. Não há dúvida que, infelizmente, passamos ao lado de pormenores simples mas que fazem toda a diferença, ocupamos grande parte do tempo com o acessório e não damos o devido valor ao essencial.

    Um grande bem haja pela partilha
    beijinho
    cvb

    ResponderExcluir
  110. Aplauso pelo magnifico texto e pela escolha, querida Sma! Helen Adams Keller, um exemplo de vida! Um texto para reflectir sobre a importância da vida e como a devemos saber viver. As suas mensagens, são de quem não vive a vida a olhar para o seu umbigo e sim para toda a humanidade. Bem haja por ser como é e pelo que nos oferece. Que o Poder Divino do Universo sempre a acompanhe. Pelo que aprendo consigo a minha eterna gratidão.
    Beijinho amigo e uma flor.

    ResponderExcluir
  111. Nossa Smareis que lindo texto!!!....

    Que pessoa maravilhosa e que com que exemplo de mulher tu nos prestigiaste!!...

    Nunca havia lido sobre a mesma.

    Louvo a esta mulher guerreira que lutou e venceu batalhas e ultrapassou obstáculos, conseguindo assim vencer todas as dificuldades.

    Quisera espelhar-me nela!... Encantei-me!!...

    Nunca amei tanto um texto teu como este... Só tenho a agradecer-te minha amiga...

    Grata!...

    Baci blu... La mia ammirazione e rispetto per voi il mio amico..

    Obs: Gostei que voltaste com este estilo musical... Adoro!!!

    ResponderExcluir
  112. Alô, Smareis!
    Belíssimo texto de Helen Keller que você trouxe para nos brindar.
    Quando menino, eu soube da existência dessa mulher extraordinária através de artigos sobre ela publicados na Reader's Digest.
    Eu imaginava como alguém que praticamente nunca viu poderia ter tanta sensibilidade e imaginação...
    Abraços!

    ResponderExcluir
  113. Helen Keller was indeed an amazing person! A wonderful person to aspire to. Beautiful!

    ResponderExcluir
  114. Maravilhoso, Smareis. Grande mulher, grande escritora, grande exemplo de vida. Beijos.

    ResponderExcluir
  115. Um maravilhoso final de semana pra ti minha amiga,,,entre muitos versos,,,cores e flores...beijos e beijos.

    ResponderExcluir
  116. Não basta olhar; é necessário VER.

    ResponderExcluir
  117. Ola Smareis,
    Hoje dia do amigo, vim trazer
    uma flor e colocar no seu teclado.

    Á vc com carinho

    O amigo é a outra metade da gente
    O lado claro e melhor,
    Sempre que encontramos um amigo,
    encontramos um pouco mais de nós mesmos;
    Beijo e um fds de muita paz.

    ResponderExcluir
  118. Que bom que a conexão voltou... assim posso te desejar um excelente final de semana! Bjs, querida!

    ResponderExcluir
  119. Boa tarde!
    Hoje deixo um Ctrl-C,
    mas rico em sinceridade.
    Pois, são muitos os amigos
    que irei visitar nesse dia
    da Amizade!
    "Um abraço de Amigo, dado com
    sinceridade, dura por uma Eternidade!"
    Feliz dia da Amizade!"

    ResponderExcluir
  120. Olá minha querida!
    Estou de férias, mas passando por aqui para desejar um feliz dia do amigo, para você! Obrigada pela sua amizade!
    Dezenas de dias FELIZES para você! Mil beijos, saúde e muito sucesso sempre.
    laylafonseca.blogspot.com

    ResponderExcluir
  121. A amizade é o convívio do dia-a-dia.
    Estar juntas nos momentos felizes e nas horas
    difíceis
    compartilhar o sofrimento
    um do outro( outra) dividir momentos de felicidade.
    È a cumplicidade é compriender e acima de tudo
    confortar quando algum de nossos amigos(AMIGAS)
    precisam de uma unica palavra de carinho para fazer seus dias melhores.
    Não podemos chamar de amigo (A) aquele que sem motivos
    se afasta de nós quando mais precisamos de
    uma palavra de carinho .
    Um feliz Dia do amigo .
    Obrigada por um dia ter colocado mu nome
    na sua lista de amigos(AS).
    Que seu final de semana seja feliz
    sua amiga para sempre,Evanir.
    FELIZ DIA DO AMIGO.
    Evanir..

    ResponderExcluir
  122. Meu carinho especial a você, doce amiga, neste Dia dedicado aos amigos. Com tua presença, teu incentivo e generosidade, vens ocupando um espaço de ternura no meu coração e fazendo da minha caminhada suave passos, doce cadencia e um mundo de esperanças.
    Grandes voos e obrigada pela amizade. Bjs Eloah

    ResponderExcluir
  123. Olá querida e "especial" Smareis,

    Começo por agradecer seus simpáticos e agradáveis comentários em meus dois espaços.

    HOJE É O NOSSO DIA, O DIA DOS AMIGOS, E NÓS O SOMOS, DE CORAÇÂO.

    Espero continuar a fazer parte das suas lindas e sinceras amizades. OBRIGADA!

    O comentário, que deixei aqui, há um ou dos dias, foi mera imaginação e invenção minhas. Li o texto e as palvras foram nascendo.

    Beijos da Luz,com luzes e luares.

    ResponderExcluir
  124. Mais uma lição de vida:)!
    Excelente.
    Bjo

    ResponderExcluir
  125. A natureza compensa...quando falta em algum lado e a força de vontade e a coragem, fazem o resto que é tudo!
    Helen Keller é um exemplo da força do querer. Ainda bem que nos trouxeste este belo exemplo quando choramingamos por coisas tão pequeninas...
    Beijo carinhoso neste Dia do Amigo.
    Graça

    ResponderExcluir
  126. Olá Amiga Smareis,

    Hoje é dia 20 de Junho, Dia do Amigo.

    Feliz Dia do Amigo para ti.

    Convidamos-te a ires ao Farol e trazeres para o teu blog o selinho que dedicamos aos amigos neste seu dia.

    Beijinhos dos amigos de sempre

    Argos, Tétis e Poseidón

    Um Farol chamado Amizade

    ResponderExcluir
  127. Olá Smareis

    Emocionante este texto. É incrível como algumas pessoas conseguem superar qualquer coisa, possuem uma força interior que as tornam invencíveis. Esta escritora era muito iluminada, um exemplo de vida.

    Beijos

    ResponderExcluir
  128. Boa noite amiga querida !
    Sabia que na bilheteria da vida os ingressos para comprar um amigo se encontra nos atos e atitudes e dai nos humanizamos .Por isso que te fiz de minha amiga.
    F*E*L*I*Z***D*I*A***D*O***A*M*I*G*O***!!!

    ResponderExcluir
  129. Smareis querida! Passando pra agradecer o carinho com que você sempre me recebe... No início de minha postagem há um selo pelo dia do amigo!
    Por favor aceite-o! É de coração!
    Feliz Dia do Amigo (meio atrasadinho)!
    Um abençoado e feliz final de semana!
    Abraço carinhoso!
    Elaine Averbuch Neves
    http://elaine-dedentroprafora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  130. Um excelente sábado pra ti minha amiga,,,repleto de poesias,,,cores e muitas flores dos jardins dos versos...beijos e beijos...

    ResponderExcluir
  131. Aguardo o novo post, amiga. Bom fim de semana!

    ResponderExcluir
  132. hola Smareis,
    la historia de helen Adams Kellers no conocía . Gracias por ensenarnos a una mujer tan valiente con esa vida tan intensa.

    aprovecho para desearte un feliz día del amigo y de la amistad. Espero lo hayas pasado excelentemente. Internacionalmente es el 30 de Julio, asi que tengo todavía una oportunidad de llegar a tiempo para darle las felicitaciones.

    un abrazo fuerte de amistad^^

    ResponderExcluir
  133. hola Smareis,
    no se si mi comentario llegó, porque la página es lenta para moverse.
    Asi de todas maneras te deseo un feliz dia del amigo.

    Y espero que te encuentres bien y seas feliz^^
    un abrazo^^

    ResponderExcluir
  134. coucou ! merci pour votre gentil commentaire chez nous !! plein de bisous de France !!!

    ResponderExcluir
  135. Minha amiga absolutamente fantástico este texto,
    Helen Keller foi um exemplo de vida.
    “Quando a porta da felicidade se fecha, uma outra se abre; mas muitas vezes, nós olhamos tão demoradamente para a porta fechada que não podemos ver aquela que se abriu diante de nós”. (Helen keller)
    Bom fim de semana
    Beijinhos
    Maria

    ResponderExcluir
  136. Hola chica para desearte lo mejor

    que sorpresa mirar mi nombre en la lista de los que mas comentan hahaha


    te mando un abrazo linda

    sonrie ¿va?

    ResponderExcluir
  137. Meu Deus Smareis, que lição! Não tenho palavras para comentar, apenas refletir sobre tudo isso que li.
    Obrigada pela partilha, um grande abraço.

    ResponderExcluir
  138. Smareis! Um belo exemplo. Aprecio pessoas assim "Atrevidas", ousadas e corajosas. Beijos e mais que lindo fim de semana!

    ResponderExcluir
  139. E nós, na correria...
    Beijos, Smareis!

    ResponderExcluir
  140. Excelente espacio repleto de magia...


    Saludos Y suerte!!!

    ResponderExcluir
  141. Um belo domingo e uma excelente semana pra ti minha amiga,,,paz, flores e poesias sempre....beijos.

    ResponderExcluir
  142. Boa tarde Smareis,

    Já havia ouvido falar dela e lido trechos de sua história. O ser humanos só dão valor ao que tem quando perdem, isso é fato e claro pra todos. É preciso saber viver, aproveitar de maneira ajuizada a viver cada momento. Olhar o céu, as flores e tudo de lindo...

    Abraços, abençoado domingo!

    ResponderExcluir
  143. ES-PE-TA-CU-LARRRRRRRRR...não cabe mais nada comentar...o texto já fala por si...TUDO!!!!

    ResponderExcluir
  144. Smareis

    Quanta sensibilidade de Helen Adam Keller. Exemplo de superação que nos induz a refletir e agradecer todos os dias pelos cinco sentidos que temos. Só damos valor quando os perdemos.
    Obrigada por esta rica postagem.

    Um lindo domingo
    Beijos.

    ResponderExcluir
  145. Smareis

    Quanta sensibilidade de Helen Adam Keller. Exemplo de superação que nos induz a refletir e agradecer todos os dias pelos cinco sentidos que temos. Só damos valor quando os perdemos.
    Obrigada por esta rica postagem.

    Um lindo domingo
    Beijos.

    ResponderExcluir
  146. superar a sociedade superando tudo
    que é empecilho ao seu redor.
    amiga nem me imagino sem enxergar
    deixar de vê as coisas maravilhosas
    que Deus criou,mais se caso isso acontecesse
    queria vê minha família
    o por do sol e o seu nascer.
    linda semana bjs

    ResponderExcluir
  147. Belissima reflexão.
    Vir aqui é aprender sempre.
    Bela semana.
    Bjs

    ResponderExcluir
  148. Encantada venho te ler
    e desejar uma bela semana para voce,
    e tambem para nós seus
    leitores .
    Bjs

    ResponderExcluir
  149. Smareis tudo de bom pra vc, tenha uma linda e abençoada semana, amiga querida da internet! Bjkas

    ResponderExcluir
  150. Hi Smareis!
    You have written a very thoughtful blog, I think it is difficult for us who are perfectly healthy to understand what problems a visually impaired person, in this town during the summer are pavement cafes there otherwise the visually impaired and normally can go unhindered.
    We should think more about all of any kind of obstacles and plan cities to make it as easy as possible for them to live a normal and good life.
    I wish you a very nice week,
    Hug.

    ResponderExcluir
  151. Uma bela segunda feira pra ti minha amiga,,,,beijos e poesias...

    ResponderExcluir
  152. Smareis que exemplo é essa mulher... estou aqui admirada! Entrei em reflexão, após esse texto.
    Beijinhos afetuosos. Maravilhosa semana!
    Lorena Viana

    ResponderExcluir
  153. Sentindo sua falta desde DJÁ! Vai mas volta, né? Boa semana, querida! Bjs!

    ResponderExcluir
  154. Olá Smareis! Amiga texto edificante para um boa reflexão.Um exemplo de vida, a superação dá forças aqueles que estão mais debilitados, é como um passe de mágica, e ver e sentir a beleza de todas as coisas da vida é um dádiva de Deus.
    Parabéns pelo ótimo texto.

    Desculpe minha ausência.

    Beijos e uma feliz semana.

    ResponderExcluir
  155. E porque te ouvi no silêncio, vim deixar-te silenciosamente o meu carinho num abraço terno,à linda e fantástica amiga Smareis!
    A distância não existe.No silêncio como na cegueira vemos para além do invisível!
    Muitos beijinhos minha Kirida!

    ResponderExcluir
  156. Uau,isso é que é dar valor a visão!É aquela história:a gente só dar valor a algo quando perde.É certo também que quando não temos um dos sentidos desenvolvemos mais os outros sentidos.Que lição de vida!Um beijo e boa semana pra vc!

    ResponderExcluir
  157. Boa noite Smareis,adorei a história, superação acho que essa palavra só conhece quem realmente já precisou dela... bjs e tenha uma semana iuminada...

    ResponderExcluir
  158. Linda história, um exemplo de vida! Uma vida de reflexão elimina a cegueira e nos faz melhor e feliz! Bjs!

    ResponderExcluir
  159. Olá,Samreis!!

    Já conhecia esta incrível história de superação,força e coragem!
    Não basta ter olhos para VER.Quantos olham o mundo e nada vêem?!!
    Uma pena.Beijos!

    ResponderExcluir
  160. Uma bela tarde pra ti minha amiga querida,,,,beijos e flores...

    ResponderExcluir
  161. Olá boa tarde!!!!
    Essa postagem é maravilhosa
    O bom amigo sempre está junto das belas amizades
    Deixo um abraço com carinho
    Bjuss
    Rita!!!!

    ResponderExcluir
  162. Mais um belo texto que nos vem mostrar aquilo que, infelizmente, já todos sabemos; o ser humano é um insatisfeito e só dá valor aquilo que a vida lhe oferece todos os dias, quando ela lhe tira alguma dessas maravilhas. Quando olho uma pessoa diferente que consegue amar a vida apesar dessa diferença, fico com raiva de mim mesma e prometo nunca mais reclamar de nada, mas, como humana que sou, depressa esqueço e lá volto eu a ser uma ingrata. Ao ler este belo texto voltei a fazer essa promessa; quem sabe amanhã não acordarei com outra atitude perante a vida? Muito obrigada, amiga por esta reflexão. Saber viver, é uma arte, mas só vamos aprendê-la quando a vida exigir muito mais de nós. Um beijinho e até breve
    Emília

    ResponderExcluir
  163. Que maravilhosa lição, tanta coisa maravilhosa desperdiçamos e só nos apercebemos perante estes exemplos! obrigada querida amiga por estas excelentes postagens.
    Bjs

    ResponderExcluir
  164. Minha amiga querida! É sempre um prazer estar aqui... te reler mais um pouco... Muito obrigada pelo carinho! Quinta-feira, dia 26, tem post novo!
    Uma abençoada e feliz quarta-feira!
    Carinhoso abraço!
    Elaine Averbuch Neves
    http://elaine-dedentroprafora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  165. Um belo dia pra ti minha amiga querida,,,,beijos e poesias sempre...

    ResponderExcluir
  166. Oi Smareis, vim lhe desejar uma linda semana, bjs!

    ResponderExcluir
  167. Queridinha saudades de vc ...irei me ausentar..pois estou enrolada com Drikinha ela se opera hoje de gargantinha...e dia 13/08..vai estudar em Buenos Aires..tudo junto amiga..mas Deus dá forcinhas nê ..beijus amada e reze pela Drikinha ..dolu vc beijokinhas!!!

    ResponderExcluir
  168. Ola Smareis.
    vim te desejar uma ótima
    tarde com muitapaz;

    beijinhos

    ResponderExcluir
  169. Uma mulher admirável e iluminada, Helen Keller.
    Beijos, Smareis!

    ResponderExcluir
  170. Minha querida amiga

    Passando para te deixar um beijinho com carinho.

    Sonhadora

    ResponderExcluir
  171. pasen coses grans a la penya bogarde...

    ResponderExcluir
  172. Boa noitee minha flor...

    Estou conhecendo seu blog e adorei tudo por aqui...
    As dicas são tudo de melhor..
    Estou seguindo e espero uma visita, se gostar me segue tbm...

    Se quiser fazer parceria é só dizer..

    Um beijo e um sorriso

    http://elielmavasconcelospink.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  173. Parabéns minha amiga pelo Dia do Escritor ,seu dia .Escrever é um dom maravilhoso que Deus deu a pessoas especias como você .Fica na paz

    ResponderExcluir
  174. Hoje lembrei de ti escritora
    que faz de cada palavra
    criada á imagem descrevi-da
    em metáforas com amor
    dentro da magia falada
    te abraço com fervor

    F*E*L*I*Z***D*I*A***D*O***E*S*C*R*I*T*O*R

    ResponderExcluir
  175. Um belo dia pra ti minha amiga,,,muitas poesias e muitas flores....beijos e beijos...

    ResponderExcluir
  176. BOM DIA AMIGA...
    LINDO TEXTO E BELA HISTÓRIA ESSA DE HELEN.
    SE EU TIVESSE APENAS 3 DIAS DE VISÃO...NÃO OS GASTARIA COM COISAS FUTEIS, UTILIZARIA PRA ENGERGAR APENAS COISAS BOAS COMO A INOCENCIA DE UM OLHA DE CRIANÇA.
    BOA 5ª FEIRA!! BJINHUS

    ResponderExcluir
  177. Olá minha querida!
    Demorei, mas consegui chegar aqui. É que faço questão de responder todos os recadinhos e ler a postagens das amigas.
    Belo texto vc nos deixou. Ainda há pouco disse num outro blog que o problema de hoje em dia é a falta de tempo, de paciência... As pessoas enxergam, mas não vêem, não prestam atenção em nada. E muitas vezes, quem age de forma diferente é o "esquisito" rs. Várias vezes, qdo consigo voltar cedo pra casa, desço do busão lotado e contemplo o céu. Outro dia tinha 2 arco-íris e fiquei prostrada contemplando a beleza. Ao mesmo tempo, vi indignada que ninguém tinha reparado, acredita?
    E com tanta coisa acontecendo ao mesmo tempo, cada vez mais, o ser humano arranja "tempo" pra sentir, escutar, contemplar...
    Quero agradecer por ter lido o conto que postei na caverna.
    Lindo dia pra vc,
    Abraços.

    ResponderExcluir
  178. Hola buenas noches pase a saludarte

    ResponderExcluir
  179. Ola querida amiga,
    Hoje é apenas para agradecer a sua carinhosa presença no meu cantinho.
    Muito obrigada!
    Uma linda Noite para voce.
    abraço muito amigo
    Maria Alice

    ResponderExcluir
  180. Oi querida e "especial" Smareis,

    Confesso. tenho sentido sua falta.
    Eu sei que foi ver, meu segundo "filho", mas mesmo assim, sinto falta de você, daquela serenidade, profissionalismo e lisura de espírito e caráter, que coloca em seus comentários.
    Hoje, estou cansada, e o dia ainda mal começou, mas ontem trabalhei imenso na escola. Minhas férias começarão dia um de Agosto. Estou quase.
    Ficarei por Lisboa, mesmo. É um mês calmo. Todo o mundo está de férias, pouco movimento, pouco trãnsito e eu gosto de me passear e fazer compras em Agosto. É tudo na calma e em serenidade.

    Não vá pela "RUA AS LUZES" está muito congestionada, se pretender, por favor, vá pela "RUA DOS AFETOS".

    Excelente sexta. A gente se vai falando, tá?

    Beijos carinhosos da Luz.
    ãp dia 01c de agosto.

    ResponderExcluir
  181. Um belo final de semana pra ti minha amiga querida,,,muita paz e muita poesia pra alimentar a alma,,,beijos e beijos.

    ResponderExcluir
  182. Boa tarde, Smareis.
    Passei para te desejar um ótimo e próspero final de semana.
    Abraço.

    ResponderExcluir
  183. amiga AMEI a postagem.. conheço um pouco a história de Helen Adams Keller, assisti um filme baseado na história de vida dela há alguns anos, achei muito interessante e fui pesquisar mais, uma mulher que teve um início de vida complicado, mas que soube superar todos os obstáculos que encontrou em seu caminho.. linda lição de vida.. lindo texto que vc selecionou.. acho que agente não sabe valorizar tudo que temos de bom em nossa vida hein?? beijos mil e ótimo domingo..

    ResponderExcluir
  184. Amiga poeta.Tus observaciones y tu candor como escritora és un deleite.Te agradezco tu entrada a mi blog de fotografias
    Juan

    ResponderExcluir
  185. Smareis
    Voltei para reler esta linda mensagem. Esta manhã fui ao blog de "MÃE GAIA" e a postagem "O encantamento do imaginário poético" me fez lembrar daqui para agradecer a Deus por nos ter dado o poder da visão .
    Uma linda semana para você.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  186. Heranças frias caem como presentes
    Uma árvore morreu, sem nada dizer
    Uma palavra ficou perdida no chão da rua
    Uma última palavra que nunca será tua

    Uma menina feliz chega a mim pelos seus pés
    Vinda de um mundo desenhado na ilusão
    Trás uma grinalda de flores de sangue
    Colhidas a um ferido coração

    Convido-te a tocar e ler o “Meu muro das tentações”


    Doce beijo

    ResponderExcluir

Nunca existiu uma pessoa como você antes, não existe ninguém neste mundo como você agora e nem nunca existirá. Veja só o respeito que a vida tem por você.
Você é uma obra de arte — impossível de repetir,
incomparável, absolutamente única. (Osho)

Links de propagandas e comentários anônimos, serão excluídos automaticamente, a não ser que se identifique com seu nome e endereço do blog/site.

Obrigada pelo seu comentário!
Thanks for the comment!
Gracias por tu comentario!
Merci pour le commentaire!