Você consegue controlar seus ciúmes?


Tela de Ron DiScenza

Acredito “eu”, que não existe ninguém que em algum momento da vida não tivesse sentido ciúmes em relação a algo, ou a alguém.
Todo ser humano sente de alguma forma, porque isso é a lei da natureza, mas a maioria quase não admite esse sentimento.
As brigas e desentendimentos provocados pelo ciúme doentio é um ponto que prejudica e determina o fim de muitos relacionamentos, e provoca muitas tragédias.
Segundo o  escritor Ubiratan Rosa, autor do livro Mais Amor, Menos Ciúme, explica que o ciúme pode ser considerado um impulso egoístico, muitas vezes baseado em indícios imaginários, podendo chegar a uma intensidade capaz de conduzir crimes passionais... E realmente é o que vem acontecendo demais.
Resolvi abordar esse assunto devido várias tragédias que foram noticias pela impressa recentemente por culpa de ciúmes exagerado. Fiquei chocada com o caso da mulher que teria jogado óleo quente num menino por causa de ciúmes. O casal teria brigado, e para se vingar do namorado a mulher resolveu queimar o filho do namorado de treze anos que estava dormindo. O menino foi internado com queimaduras graves, e embora tenha sobrevivido, penso eu, que nunca mais ele tenha uma vida normal devido tantas cicatrizes no corpo, e na alma.  A psicologia me ensinou muito a respeito das reações, e sentimentos do ser humano.  Sentimentos que se não for controlado ou ajustado, pode terminar em tragédia. Geralmente, quem tem ciúme exagerado acaba não percebendo. Cabe ao outro sinalizar o que está acontecendo... O ciúme é considerado por muitos, uma das emoções humanas mais fortes. A princípio quando tudo ainda é novidade, ele até que é bem vindo e natural ao ser humano, mas com o passar do tempo ele vai surgindo disfarçado de amor, de cuidados e interesses que chegam a confundir, e transformando numa verdadeira agonia, um sentimento ruim, que faz as pessoas distinguir as situações de forma errada, capaz de acabar com uma afinidade e também com o equilíbrio emocional dos indivíduos, um tóxico que corrói a alegria e a leveza do relacionamento, construindo fantasmas que podem asfixiar o amor. Esses espectros, embora não tenham corpo físico, ganham vida a partir da imaginação de quem sente ciúme, e acredito-me, que o maior problema para a cura é que algumas pessoas enxergam o seu ciúme como algo natural. Dramas na ficção e na realidade provam que não.

Por vezes o ciúme vem das inseguranças, das fantasias e medos. Esse sentimento é tão desconfortável que desequilibra e enfraquece, em geral faz a pessoa se descontrolar, prejudicando a si mesmo e quem estiver ao seu redor. Pessoas inseguras têm o dom de transformar quase tudo em mau humor, por que a incerteza diminui a auto-estima deixando o ser humano vulnerável.  Se você ama realmente uma pessoa, o sentimento deve fluir de forma a não deixar que nada atrapalhe o relacionamento, principalmente à desconfiança. Eu acredito que o ciúme surge como um sinal de alerta expressando que uma ameaça real ou imaginária está invadindo o território afetivo, e isso está relacionado com a falta de confiança no outro e/ou em si próprio e, quando é exagerado, pode tornar-se patológico e transformar-se em uma obsessão.
Muitos relacionamentos terminam com finais tristes por causa de ciúmes doentios, mas acredito que as pessoas ciumenta demais, pode perfeitamente manusear e controlar este sentimento sem ferir quem ela ama.
O importante é temperar esse sentimento de forma saudável e agradável tanto para nós quanto para quem esteja ao nosso lado...
Se no relacionamento ele está pesando mais para o lado da dor é hora de colocar mais amor, mais confiança, mais delicadeza e mais tolerância no outro lado da balança, para que haja estabilidade.
Eu sempre digo que se existem confiança, sinceridade e respeito, não há motivos para dúvida. O ciúme não ergue nada de positivo, muito pelo contrário, aniquila aquilo que há de mais bonito, como duas pessoas que se amam e que estão ligadas.  Por isso, se você acha que tem esses sentimentos pouco saudáveis, tente se controlar mais, ou procure ajuda. O dialogo franco é o único caminho para sanar as dúvidas, e se uma das partes não der atenção, o ciúme destrói os bons sentimentos e abre espaço para brigas e desconfianças. Aprender a forma certa de lidar com o ciúme é a melhor solução. Assim vai poder ter uma vida mais feliz e tranqüila sempre. A receita ainda é confiar mais em si. Pense nisso!

Desejo uma ótima semana!

Grande abraço!

Aproveitando quero deixar o meu muito obrigada a todos pelo carinho e pela amizade, e em especial o Rui pela indicação do meu Refletindo no seu Obrigada Amigos... Para conheceré é só acessar AQUI e conheça os seus dois blog.

Obrigada  a todos!


"Por sua natureza e seus efeitos, o ciúme se aproxima da inveja. Porém, entre ciúme e inveja permanecem algumas diferenças. Na inveja, sentimos que outros possuem um bem que desejamos para nós, enquanto no ciúme defendemos um bem que julgamos nosso e que não desejamos ver partilhado com outrem." (Pierre Charon)

181 comentários:

  1. wow great post, i use to be so jealous when i was younger and it is such a waste of emotion, i decided to overcome thin which i did and feel much happier, hope yur having a great weekend, kisses from dublin xxx leonie

    ResponderExcluir
  2. Oi Smareis

    Muito bom o seu texto, propõe uma boa reflexão.

    Acho que, nesse terreno do ciúmes o primeiro passo é cuidar de nossos próprios sentimentos, a insegurança, o desejo de posse a competição precisam estar dominados, é o equilíbrio de nossas emoções que virá colocar mais luz nas relações. Feito isso, aí sim, é o momento de dialogar, de expressar sentimentos e ouvir os do outro, sempre com respeito e o menor grau de competição ou possessividade possível, porém existem muitas pessoas que estão em completo desequilíbrio emocional e isto inviabiliza qualquer racionalidade ou domínio dos próprios impulsos negativos.

    Beijos

    ResponderExcluir
  3. eu acredito como você: todo o ser vivo é ciumento!
    se você dá mais atenção a uma sua flor que a outra, esta se ressente e quase murcha se você não se apressa a tratar dela.
    quando dá mais atenção a um de seus bichinhos, o outro logo há-de reclamar de alguma maneira.
    o ciume dói e muito a toda a gente, há que educá-lo, ensiná-lo
    eu comparo aos TPC dificeis que o prof manda para fazer em casa
    num momento em que a lucidez foge, há crimes horrendos que pessoas praticam
    acredito que pode matar-se o "objecto" amado num inconsequente acto violento, sem ter premeditado o crime, aconteceu, não foi essa a intenção, não acredito na precisão de eliminar alguém sem a qual não se sabe viver
    agora, daí até castigar fatalmente alguém, principalmente criança e em momento em que não se pode defender, é crime horrendo e merece castigo, o mais pesado.
    sim, ciúme é uma realidade em todos nós, quem disser que não mente
    está na essência de cada um saber lidar com ele com alguma lucidez.
    há muito que te sigo, este tema mexe comigo particularmente
    desculpa se me alonguei e te ocupei demasiado espaço
    é um tema que merece enorme reflexão, foste muito feliz nesta oportunidade...
    beijo.

    ResponderExcluir
  4. Confiar no nosso "taco" é preciso.Senão passaremos a viver mal, vendo cabelos em ovos... rs beijos,linda semana!chica

    ResponderExcluir
  5. Todas as emoções devem ser vividas, é a form coerente de sabermos nossos limites, compreendê-los e trabalhá-los. O ciúme , diz-se, o "tempero" do amor, entretanto , como qualquer outra emoção , se exagerada, exarcebada deixa de ser um zelo cuidadoso para tornar-se em tortura e destruição do equilíbrio no qual deveríamos todos viver...pena que nem sempre é assim. Como seu texto é inquiridor, rs, te digo que sinto ciúme , sim, mas de uma forma normal, humana , racional, rs, o exagero nunca! Sou normal?
    beijos amiga

    ResponderExcluir
  6. UN TEMA COMPLICADO POR SU COMPLEJIDAD. MUCHAS GRACIAS POR COMPARTIR TAN INTERESANTE POST.
    BESOS

    ResponderExcluir
  7. O ciúme é uma doença séria de consequências inimagináveis. Detesto pensar que em nome dele muitas tragédias ocorrem.
    Não me considero uma pessoa ciumenta, acho que a insegurança não é o meu forte.
    Um grande bj querida amiga

    ResponderExcluir
  8. Olá Smaires, adorei a visita, estou em viagem por isso tempo está curto, fiquei aki embriagada com a musica da Adele no piano, amei! Qto ao ciumes, só tenho a lamentar, já fui vitima e sei o qto é destruidor, gostei muito da reflexão e da mensagem de Pierre Charon! Bjoooaaa

    ResponderExcluir
  9. Amada, minha opinião sobre o assunto de hoje é o seguinte:
    Entendo que o ciúme é um sentimento de insegurança, quando somos crianças ninguém pode tocar em nossas bonecas e isso nos persegue quando adultas com relação ao nosso baton entre outros itens pessoais, se tivermos em mente um bom juízo saberemos discernir sem termos que entrar em nenhuma situação vexatória; ninguém é de ninguém, relacionamentos acontecem e terminam diariamente, por isso do motivo de sabermos bem com quem nos relacionamos, se temos os mesmo pensamentos e valores para a vida a dois.
    Ter segurança em seu sentimento é o primeiro passo, altruismo acima de tudo.
    Grande beijo
    Nicinha

    ResponderExcluir
  10. Lindo texto sobre um sentimento muito forte, que certamente passa por todos nòs, mas que algumas pessoas não conseguem gerir.
    "Que vida de inferno é a vida do ciumento! Antes não amar do que amar desse modo. "
    (Paolo Mantegazza)
    Bjs.Celeste

    ResponderExcluir
  11. Confesso que não consigo. Eta sentimento horroroso e detestado por mim, mas confesso que é um ponto que preciso trabalhar demais para melhorar.

    ResponderExcluir
  12. Amiga mia.la fotografia és arte,pero en la mentalidad del fotógrafo ,puede ocurrir como le pasa a los pintores,dejar volar sus faantasias.
    Un fuerte abrazo
    Juan

    ResponderExcluir
  13. Graças a Deus, nunca tive ciúmes. Penso que esse sentimento revela insegurança de quem o sente e falta de confiança para com a outra pessoa.

    Boa semaana, linda

    ResponderExcluir
  14. Boa noite, Smareis.
    O ciúme nada mais é do que o medo de se perder a pessoa amada, e pode se tornar doença se não for tratado, sim.
    Até certo ponto, o ciúme pode se considerado normal, mas quando ele se torna perseguição e acaba minando o relacionamento, deve ser tratado como psicopatia e cuidado adequadamente.
    Abraço, Smareis.

    ResponderExcluir
  15. Smareis querida,

    O ciúme acaba por destruir o amor,despedaçando o respeito e estilhaçando os sonhos.Amor verdadeiro pressupôe confiança,respeito e "jogo de cintura".Da transparência nas atitudes se constrói um relacionamento sadio e verdadeiro.

    Bjsssss e o desejo de uma linda semana,

    Leninha

    ResponderExcluir
  16. Querida amiga gostei da "receita", é assim que eu penso também, lidar com o ciume não é fácil necessita aprendizagem para lidar com ele e nada melhor que ter confiança em nós mesmos.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  17. Como dijo Miguel de Cervantes:"Si los celos son señales de amor, es como la calentura en el hombre enfermo, que el tenerla es señal de tener vida, pero vida enferma y mal dispuesta".
    Muy buena Entrada.
    Un abrazo.

    ResponderExcluir
  18. OI Smareis, tudo bem?
    Menina, antes me desculpe a demora em responder ao teu comentário, mas meu pc é temperamental e esses últimos dias tava de birra, kkkkkk
    Bom o texto ficou excelente como sempre e eu graças a Deus consigo controlar o meu. Eu sou ciumento, mas meu ciúmes é aquele saudável, rs.
    Que bom q gostou do poema menina, rs.
    Um bjo

    ResponderExcluir
  19. Olá Smareis, uma feliz escolha falar de ciúmes, tão difícil entender e conseguir conviver com alguém que não tem esse controle...Como você bem disse:


    "Eu sempre digo que se existem confiança, sinceridade e respeito, não há motivos para dúvida. O ciúme não ergue nada de positivo, muito pelo contrário, aniquila aquilo que há de mais bonito, como duas pessoas que se amam e que estão ligadas."

    Concordo plenamente amiga! Desejo um feliz e abençoado finalzinho de domingo e uma semana muito feliz!

    ResponderExcluir
  20. O ciúme é sempre o instrumento de precisão que destrói a liberdade interior e elimina o casal toda a felicidade possível.

    beijos e ótima semana

    ResponderExcluir
  21. Oi Smareis! Como é bom vir aqui. O ciúme que ultrapassa o zelo é doentio e traz muitas mazelas. Somos tão limitados pelos vícios. A boa notícia é que a busca diligente pela virtude é capaz de vencer o vício. Beijos e meu carinho.

    ResponderExcluir
  22. Olá!Boa noite!
    Tudo bem?
    ...penso que esse sentimento provém de um desejo passional de posse, de monopolizar o companheiro, um sentimento ilusório que mostra apenas o medo, a insegurança e a inveja de um em relação ao outro. Enfim, o ciúme mostra vários aspectos que temos dentro de nós mesmos e que precisamos, com urgência, trabalhar, transformar e ser tratado para não se tornar patológico...
    Obrigado pelo carinho da visita...
    Boa semana
    Beijos

    ResponderExcluir
  23. Aos ciumentos, tem que se aprender a lidar com isto todos os dias. Sou bem ciumento mas acho que consigo controlar bem, por enquanto nunca fiz algo que ferisse outra pessoa. Acho que ciúme todos nós temos um pouco, mas nem todos lidam da mesma forma.

    ResponderExcluir
  24. Acredito que o ciúme, quando doença, logo se manifesta. Costumamos alimentar a ilusão de que, mais tarde, com a segurança do afeto, ele se dissipará. Mas isso não acontece. É necessário um adequado tratamento.
    Aquele ciúme que constitui receio de perder, mas que não chega a extremos, tão somente ao sofrimento, pode ser controlado com o diálogo e a confiança. Bjs.

    ResponderExcluir
  25. Oh, tema complejo, Smareis, moderadamente ciúme pode agradar a algumas pessoas como sentir-se lisonjeadas, pero eu, pessoalmente, nao pode ficar. Se uma pessoa faz-me cenas de ciúmes, eu devo terminar o relacionamento porque os considero condutores perigosos.
    Um beijo e uma rosa para voce.

    ResponderExcluir
  26. Acho que o ciumes é algo muito chato. A pessoa imagina coisas onde não existe e sofre muito com isso.
    Penso que quem sente ciume exagerado é um pouco inseguro...

    Um bjinho...

    ResponderExcluir
  27. Olá, Smareis. Uma ótima reflexção. O ciume é uma doença e tráz sérias cosequências. O amor nao pode ser cobrado. Deve haver respeito e confiança para se viver! Parabens pela reflexção. Bjs e uma feliz semana!

    ResponderExcluir
  28. ciumes difícil não sentir
    seja material ou de alguém eu já sentir de
    ambos linda semana bjs

    ResponderExcluir
  29. Olá Smareis,

    Bela música!

    Sei muito bem como é conviver com o ciúme, pois meu marido é extremamente ciumento e já tivemos muitos problemas em razão
    disso. Hoje ele está melhor, graças a Deus!

    Creio que o ciúme decorre da insegurança, do medo
    de perder ou do sentimento de posse. É destruidor, corrói a relação e causa dor e sofrimento para ambas as partes.
    Muitas vezes fica difícil resolvê-lo somente através do diálogo, pois o desequilíbrio já se estabeleceu entre o casal. Somente um tratamento poderia ajudar.

    Ótima semana!

    Beijo.

    ResponderExcluir
  30. Hola querida amiga. Me costó mucho superar mis celos, pero con los años pude aprender que sólo nos hacen sentir dolor y que son muy destructivos para la pareja.Sin dudas demuestran nuestra inseguridad.Un abrazo, y que disfrutes de una buena semana.

    ResponderExcluir
  31. Oi Smareis. Acho que ciúme é um sentimento normal no ser humano, porém, claro, desde que de uma forma controlável e até saudável. Acho que às vezes até aquele ciúme que soa como se fosse uma brincadeira, mas com um fundo de verdade, ajuda a melhorar a relação.

    Mas tudo em excesso faz mal, até o amor, que vira obsessão. Esse caso citado por você é um horror, onde se castiga um filho de uma forma tão asquerosa para ferir o companheiro. Ou então daquela mulher que esquartejou o marido, embora nesse caso outros interesses estivessem em vista. Beijos e boa semana! =)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom día Smareis.
      Siempre es un placer visitarte en tu blog.
      Ötima semana.
      Beijos, Montserrat

      Excluir
  32. Hola Smareis, muy buena reflexion, un placer leerte amiga, cuidate.

    ResponderExcluir
  33. Quando não nos sabemos amar é lógico que não sabemos amar os outros . Aí entram os sentimentos negativos culpando quem nos rodeia .O ciume é um deles .
    Quando ele provoca cenas de violência já nem sentimento descontrolado é , mas sim doença .
    Devemos agradecer quando somos equilibrados no sentir .

    Um beijo , Smareis , e boa semana ,
    Maria

    ResponderExcluir
  34. Eu desde criança que sempre fui ciumenta mas ao crescer fui amadurecendo meus sentimentos e ganhando confiança em mim e no amor que os outros nutrem por mim. Agora vivo muito mais relaxada e sem me preocupar tanto mas de vez em quando lá aparece uma pontinha a despoletar mas é facilmente mantinha sobre controlo.

    Obrigada por esse seu post! =)

    Beijo

    ResponderExcluir
  35. Olá minha querida, realmente o ciume por vezes chega a ser uma doença, a pessoa ciumenta nunca vive feliz, pois por vezes nem dorme só para poder controlar tudo que se passe há sua volta, essa doença graças a Deus que eu não tenho e o meu marido também não, mas o mesmo já não posso dizer do meu filho que chega a fazer perder a paciência a uma formiga.
    Mas talvez isso não se possa controlar, beijinhos de luz e muita paz na sua vida...

    ResponderExcluir
  36. Smareis
    Lindo texto para refletir.
    Acho que o ciume é um sentimento anormal em qualquer dimensão.Quando leva ás vias de fato é doentio. E quando dizemos normal é falta de confiança em si mesmo se sentindo inferior a outra pessoa.
    Obrigada pela postagem maravilhosa.
    Uma linda semana para você.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  37. É aquela velha frase,,,o ciume faz parte,,,é uma prova de gostar, de querer cuidar,,,o problema é que muitas vezes ele quer aprisionar,e o amor nunca se dará bem aprisionado,,,,beijos amiga e uma linda semana pra ti...bom te ver de volta...

    ResponderExcluir
  38. Nossa, não tinha ouvido da história do menino!! Que coisa...
    ciúmes é mesmo um tópico complicado...

    Passando para desejar uma ótima semana!
    http://theredlilshoes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  39. Leonie said " it is just a waste of emotions"
    A great week and a fantastic live, full of "good"emotions!
    Super big cyberspace kiss,Willy

    ResponderExcluir
  40. OIE AMIGA...
    BOM TEXTO, É COMPLICADO O TEMA...CIUMES É BOM, MAS DEMAIS ESTRAGA O RELACIONAMENTO, ALIAS, TUDO QUE É DEMAIS NÃO FAZ BEM¹
    CONTROLAR É DIFICIL, MAS NÃO IMPOSSIVEL!
    TENHA UMA BELA SEMANA!
    BJINHUS

    ResponderExcluir
  41. O difícil mesmo é situar onde fica a tênue mudança do carinho e do apêgo para o ciúme e suas reações...
    Mas eu acho que, mesmo sentindo ciúme, podemos evitar coisas extremas, que ocorrem quando o ciúme vem associado ao egoísmo ou ao mau caráter...
    Bjs, Smareis!

    ResponderExcluir
  42. esperamos tu visita, grandiosa poesia i bloguera

    ResponderExcluir
  43. Olá minha linda,
    Aprendi a não ter ciumes, e fazer
    com quem tivesse do meu lado idem.
    Saber que tudo estava indo por água a baixo por causa do ciumes foi amola mestra pra mudar isso e foi o que eu fiz. Troquei sentimentos, ciumes por segurança.desconfiança por confiança. E deu muito certo.
    Ser ciumento geralmente é um sofredor. Mas basta a vontade de querer mudar o pensamento que o sentimento muda.
    Beijo e uma semana de muitas flores coloridas

    ResponderExcluir
  44. Ciúme é desconfiança e mada mais ruinoso para um relacionamento que esta barreira imaginária que separa a verdade do imaginário.
    E quando se instala, o clima deve ser insuportável com um egoísmo onde se sente a estrela em volta da qual têm girar todos os que quer condicionar.

    Perfeita a tua reflexão minha querida Smarei. Tenho as tuas flores guardadadas para as expôr logo que possível.
    Terno abraço

    ResponderExcluir
  45. Exacto más amor, menos celos.
    Que tengas una feliz semana.
    Saludos
    David

    ResponderExcluir
  46. oi amiga
    as vezes tenho um pouquinho de ciumes.
    um lindo dia com muito amor.

    ResponderExcluir
  47. oi amiga Smareis... Hoje temos ciume..vá quem nao tem ciume?..
    Só que existe muita qualidade de ciume... e a pior e o doentio...
    Mas esse ...o doentio é aquele em que uma das partes... se sente insegura/o consigo proprio...
    Gostar nao é prender..nao é possuir nao é agredir.. nao é massacrar... e dizer És minha
    ou És meu a forca.......isso nunca pode existir..cada um livre de Si proprio
    As boas relacoes sao aquelas que os casais confiam um no outro... que dialogam que sabem os caminhos que pisam e os papeis de cada um...esses sao felizes
    Os outros.. nunca o puderam ser..pois a disconfianca..leva eles a revolta a falta de diaologo..e como se sentem inseguros..agridem-se verbalmente e fisicamente e um descontrolo total... esses acabam possuídos pelo diabo e matam--porque cegam

    "acabo dizendo... ninguem é de ninguem.... e amar com confianca é por certo o grande e o melhor caminho para evitar o ciume,,,,,,,Quem dá o melhor de Si... é feliz
    e faz sempre o outro feliz........

    obrigada por tudo.......espero que ninguem tenha ciume daquilo que escrevo para voce.

    porque o faco com muito gosto com muito carinho e muito respeito........
    Tenha um boa semana.....um beijo em Si
    Rui

    ResponderExcluir
  48. Sempre tenho ouvido dizer, tudo o que é demais é conta errada, e o ciúme também, eu acho que toda a gente tem um bocadinho de ciúme, nalgumas pessoas vê-se e noutras não. Quando as pessoas aprenderem que ninguém é dono de ninguém, esse ciúme doentia também acabará.

    Beijinho,
    José.

    ResponderExcluir
  49. Oi Smareis!
    Suas considerações foram perfeitas! Acho que ciúme em intensidade ou grau nenhum é bonitinho, como já ouvi falar. É insuportável e cega quem o tem e começa a ver coisas onde não tem. A insegurança que permeia o ciumento o faz viver fora da realidade, ele cria uma e vive doentemente nela.
    Distancia de pessoas ciumentas.rsss
    beijinhos e uma semana abençoada!

    ResponderExcluir
  50. Ciúmes? Nunca tive! Hahahahahahaha! Djuuuuuura, nzé? Hoje com a maturidade já sei transar melhor esse complicado sentimento... virge!!!!!! Beijos, querida! Boa semana!

    ResponderExcluir
  51. Como você disse, Smareis, a receita é confiar mais em si mesmo; a gente aprende a controlar o ciúme, sim... o tempo ajuda muito para isso! Belo texto, boa semana.

    ResponderExcluir
  52. Olá Smareis,

    Seu texto é muito bom, eu tenho 28 anos de casado e nunca houve uma discução por caus do ciume, eu e minha mulher somos ligados e livres ao mesmo tempo.

    Um abraço, paz e bem
    GERALDO RIBEIRO

    ResponderExcluir
  53. Smareis, los celos han inspirado grandes obras literarias, pensemos en Shakespeare, pero más allá de la creación literaria es una tragedia inconcebible del ser humano. Es lo contrario al amor. Es el sentimiento basado en la desconfianza y contrario a la esencia que inspira amar al otro. Es decir, la generosidad de compartir y la libertad del otro.
    Resulta dramático leer y escuchar noticias donde en nombre de un amor mal entendido se comenten crímenes y agresiones. Es una enfermedad que si no se cura a tiempo tiene efectos terribles.
    Gracias amiga por compartir estos pensamientos.
    Abraços. Ótima semana

    ResponderExcluir
  54. Olá querida,

    Acredito que o ciúme tem o mesmo poder de um veneno, a destruiçao de ambos é exatamente igual, é difícil saber qual dos dois é o mais letal...

    Adorei seu texto!

    Bjos

    ResponderExcluir
  55. O ciume é uma doença quando exagerado e sem controle, mas um pouquinho ao meu ver é normal e faz parte quando amamos. Também é questão de insegurança, mas quando ele é saudável até aquece a relação e nos faz cuidar melhor do nosso amor. Obrigada pela visita e comentário no meu blog. As vezes tenho ciume de meus filhos e isso é porque os amo é só cuidarmos pra que ele seja sempre saudável. bjim.

    ResponderExcluir
  56. Smareis

    As tuas crónica fazem muito sentido, demostram muita sabedoria e sensatez, sempre baseadas em factos.
    Na minha modeste opinão o ciúme moderado, se acompanhado de confiança, pode ser temnpero de uma boa relação. Por outro lado, tudo o que é exagerado, é um veneno a chocar qualquer bem intencionado.
    Há cada cena de ciúme!...
    Beijois

    http://danielmilagredanieldaniel.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  57. O ciúme, em geral, está associado a um sentimento de propriedade, se nós tivermos consciência que não somos "donos" das pessoas, esse sentimento some. Já tive ciúmes de minha mulher e só deixei de tê-lo no dia em que percebi que não sou dono dela. Abraços e parabéns pelo blogue, JAIR.

    ResponderExcluir
  58. Oi
    O ciúmes provém do sentimento de posse, a posse leva a destruiição da coisa possuída, a posse é contrária ao amor. Ama-se de verdade tão somente o que se repeita. O ciúmes é o desrespeito ao ser amado, contrariando a liberdade que todo ser deve ter. Se o ser amado já não ama de volta, deve se dar asas a ele para que ele possa voar. O amor, só amor verdadeiro se for mútuo. Ou então será amor platônico, aquele que se contenta com a felicidade do ser amado apenas e aí não cabe ciúmes. Beijos

    ResponderExcluir
  59. OI SMAREIS!
    PARA MIM O CIÚME É UMA DOENÇA QUE PRECISA SER TRATADA.
    É UM SENTIMENTO DE POSSE QUE ESTRAGA RELACIONAMENTOS QUE TERIAM TUDO PARA DAR CERTO E QUE. COMO DIZES, PODE LEVAR A ATITUDES INSANAS.
    NÃO FAZ PARTE DO AMOR, PORQUE ELE MACHUCA, DESTRÓI E DEIXA MARCAS MUITAS VEZES PARA SEMPRE.
    ABRÇS

    zilanicelia.blogspot.com.br/
    Click AQUI

    ResponderExcluir
  60. Oi, amiga!
    O ciúme ou, o ciúmes (prefiro no singular, no plural fica mais forte), apresenta-se com muita complexidade, mas é um "sentimento" inerente à alma humana. É presiso ter muito cuidado para nele não mergulhar. Perigoso demais!
    Beijos e uma boa semana!

    ResponderExcluir
  61. Excelente postagem , querida !

    De minha parte acho o ciume muito ruim e extremamente perigoso.
    visto que quase ninguém controla seus atos quando sente ciumes.

    Mas creio que todos nós temos um pouquinho de ciumes . as vezes não admitimos ,mas estamos sempre as voltas com esse sentimento. só tenho medo quando ele se torna constante e obsessivo .

    Beijo grande !
    adorei seu blog !

    ResponderExcluir
  62. Possessividade é, praticamente, uma característica usual de qualquer ser, até dos irracionais, mas quando é em exagero causa dano e desespero. Ciúme demais é horrível!

    Beijos

    ResponderExcluir
  63. Já fui muito ciumenta mas, depois que tive um namorado extremamente ciumento, fiquei mais atenta sobre este assunto, pois, ele tinha ciúmes sem motivos...Com certeza gerados por insegurança emocional ou algum trauma de infância. Terminei o namoro por não suportar tamanha desconfiança. Hoje sou mais tolerante, pois, sei que muitas vezes sofremos sem motivo algum!

    Beijão

    ResponderExcluir
  64. Olá Smareis querida,
    Muito bom o seu texto! Adorei a postagem!
    Realmente, os ciúmes tendem a ser o lado negro do amor, da relação amorosa. Muitas vezes, doentios, eles provocam verdadeiras tragédias passionais, pondo fim ao romance, ao namoro e ,até, a um casamento.
    Grande beijo, amiga.
    Maria Paraguassu.

    ResponderExcluir
  65. Smareis,parto sempre da ideia de que ninguem é dono de ninguem,portanto não há porque ter ciumes.Se o amor acaba, se o amor nunca existiu, se apareceu outra pessoa na vida dele,seja feliz.Dói,mas passa!...rss...é a vida!Muito triste e doentio quem mata ou agride por ciumes!Não percebe quanto é ruim ter ao seu lado quem não te ama mais? Excelente msg!Bjs e boa semana!

    ResponderExcluir
  66. O ciúme mata, destrói o amor e a vida.
    Desde cedo devemos aprender a controlar-nos e a deixar que os outros possam viver.
    O ciúme veste-se de amor e aprisiona as pessoas.

    ResponderExcluir
  67. Amiga Smareis,
    O ciúme é uma sentimento instintivo, mas, muitas vezes, super a razão.
    Sentir em pequena dose é cuidado, mas exacerbado se torna em psicose.
    Se pensarmos um pouco, o medo de batermos o carro nos leva a batê-lo, o medo de morrer nos leva a morrer mais rápido; então, o medo (que nos provoca ciúme) de perdemos quem amamos, consequentemente, leva-nos a perdê-lo também. O ciúme mórbido é pejorativo.
    Enquanto lia seu relato sobre mulher que queimou seu filho por ciúme, lembrei-me de Medeia, da mitologia grega, que, por ciúme de seu marido, o Teseu, matou seus filhos em retaliação porque a trocou por outra mais nova.

    Olha, estimada amiga, seus textos têm grande sabedoria e aqui, toca-nos profundamente sobre nossas questões cotidianas que nos são tão importantes.

    Abraços sinceros do amigo!

    ResponderExcluir
  68. Saudações, vim agradecer e retribuir a visita e o gentil comentário.
    Cordial abraço, saúde e paz interior.

    ResponderExcluir
  69. Concordo plenamente, ciúme normal todos temos, mas se virar pesadelo mental, obsessão, perseguição ou se trata ou pula fora porque fatalmente alguma tragédia acontece. Não acredito que seja baixaestima amiga, pode estar relacionado, mas acredito mais que são pessoas doentes e devem procurar tratamento, quando ao ciúme normal, é diferente, pois há pessoas como hoje em dia, que traem pela net, não há segurança quanto a isso, insegurança. acredito, mas o parceiro levou a isto, digo, num ciúme normal, agora, exagerado demais, procure tratamento ou realmente o pior vai acontecer e ser fatal, creio que quando se percebe uma traição, mesmo que vistual, deve-se pular fora, algo está errado na relação ou a pessoa não presta mesmo! Aí, para evitar danos maiores, é melhor a separação, ter nossa liberdade de uma prisão sem rumo algum, não tem coisa melhor nesse mundo, sempre se encontra o par ideal, as vezes mesmo com anos de convivência, não estava escrito que iam ficar juntos, algo se aprende nisso, fica-se mais esperto, mais atento para próximas relação, tudo na vida de bom ou de ruim, pensemos que se tira aproveito, sempre é um aprendizado e a vida segue enfrente, não vale a pena se perder por algo que não tem mais volta. Traiu, separa, cada um na sua, agora viver obsecado pelo ciúme, é melhor se tratar e ler muitos livros de auto-ajuda referentes, tudo ajuda no processo da cura, para se curar, só depende de nós mesmos, eu acredito e confio na cura ou pelo menos a extrema melhora sem causar tragédias.
    Muito obrigada querida amiga pelo carinho de sempre, espero que sua ausência não tenha sido nada grave. Beijos no coração e Quinta irei responder a um questionário de minha amiga Verinha, caso queira participar é só respondê-las. Fica com Deus e até lá.

    ResponderExcluir
  70. Adorei o texto..
    ótimo pra refletir..
    na maioria da vezes consigo controlar meu ciumes. rsrs


    Boa Noite ")

    Beijocas ;*

    ResponderExcluir
  71. Amei sua visitinha no meu cantinho, estava com saudades!
    Consigo controlar muito bem meus ciúmes, qdo conheci meu marido ele dava aulas e era super assediado pelas alunas então eu aprendi a conviver com isso. Assim como ele tem amizades femininas e eu masculinas. Agora temos amigos e amigas em comum e vivemos muito bem assim
    Lindo texto!
    Bjs e ótima semana
    Vivi
    www.viviass.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  72. Adorei a tela
    mas já estou velho demais
    para encarar estes sentimentos
    ou conceitos
    ademais nunca penso em dominar
    ninguém
    eu e meu camaleão
    praticamos a solidão
    nada com o outro
    texto mui belo
    pena que não sei sobre o tema


    Luiz Alfredo - poeta

    ResponderExcluir
  73. O texto é muito bom e reflexivo. Para mim, ciúme é falta de segurança.Há casais que brigam à toa por ciúmes.
    Certa vez fiz uma excursão e a esposa de um senhor começou a criar "caso" com as mulheres por ciúmes do príncipe dela.Foi uma verdadeira insatisfação entre os passageiros.Isto denota que o ciúme é doentio.
    Excelente semana.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  74. Concordo contigo!
    Ciúme, para mim, é sinal de desconfiança e insegurança. Estar em um relacionamento assim não é saudável. Um ciumezinho simples é comum, mas ciumar de tudo (até do vento) é algo que não leva relacionamento nenhum pra frente.
    Eu também já soube de altos casos envolvendo ciumes e que mostram uma patologia.. porque acreditar, machucar, ferir e dizer que é por amor - definitivamente não é normal!

    Um beijão!

    * Adoro a polêmica dos seus textos.

    ResponderExcluir
  75. Smareis, querida amiga!
    Como você está?

    Lindo texto e belíssima reflexão!
    Penso que ciúmes é intrínseco do ser humano, o ideal é superá-lo e creio que com uma boa dose de reflexão e propósitos na vida, projetos, planos, se consiga isso.

    Beijos e ótima semana!

    ResponderExcluir
  76. Os elogios são merecidos e ele fez uma ótima escolha da homenageada. Grande beijo!

    ResponderExcluir
  77. Olá.

    Bom estar aqui mais uma vez.

    Tema complexo o ciúme, eu considero. Sabemos do mal que pode causar, mas é difícil engavetá-lo. O bom é ao menos saber dosar, né? Coisa louca essa que dá na alma da gente, de achar que é dona do gostar alheio.

    Beijo, Smareis.
    Boa semana.

    ResponderExcluir
  78. Não tem importância que não participe querida flor, imagine, o fundamental é sua presença, agradeço muito a sinceridade. Muito obrigada pelo carinho e escrever em sua página para mim é uma honra! Apareça quando puder querida, não se preocupe! Também gosto muito de você! Beijos e fica com Deus.

    ResponderExcluir
  79. Minha querida

    Este tema é importantíssimo, ainda bem que o aborda. Por cá tem acontecido tantas tragédias, tanta violência, derivadas deste sentimento louco, os ciúmes, que dá dó. Desde o princípio do ano muitas mulheres perderam a vida de uma forma cruel e violenta.
    Tem razão, o diálogo, a conversa calma, o diálogo, a compreensão, o respeito pelo outro são fundamentais, para uma vida a dois e a realização do grande sentimento que é o amor.
    Ainda ontem ouvi numa entrevista na TV o lamento de uma mãe que perdeu a filha, grávida, em circunstâncias horríveis: 'Ninguém mata por amor'.

    Beijinhos

    Olinda

    ResponderExcluir
  80. Bom dia,Smareis!!!

    Linda reflexão fizeste!!!A insegurança é um dos maiores causadores do ciúme...medo de perder...sentimento de posse...
    Infelizmente a maioria é governada pelas emoções...pensam que são assim e pronto.Não percebem que faz parte da evolução, EDUCAR OS SENTIMENTOS, GOVERNAR AS PRÓPRIAS EMOÇÕES...
    É um longo processo de aprendizagem...
    Beijos!!Ótima semana!

    ResponderExcluir
  81. Um dia repleto de carinho e muita poesia pra ti minha amiga...beijos e beijos.

    ResponderExcluir
  82. ciúme em dose certa, até que se aceita.

    eu acho que se consegue controlar e refrear os ciumes.

    um beij

    ResponderExcluir
  83. Que bom que curtiu, querida! E sim... aqueles jeans são péssimoooooooos... heheheh! Bjo grande!

    ResponderExcluir
  84. Oiiiii Smareis!
    Vim agradecer sua visita e conhecer suas reflexões. Já chego com um tema bem delicado, né?! Já ouvi (por conta da profissão)e vi coisas que nem D'us duvida mais. O importante é saber que a linha é muito tênue entre a "normalidade" e o ciúme patológico... e que há tratamento! Volta quando quiser e puder. Já deixei reservado, amorosamente, um lugar procê!
    Beijuuss, consagrados, n.a.

    ResponderExcluir
  85. Querida, un buen texto explicando los contratiempos de los celos, que pueden ser tan daninos hasta la muerte misma, quien lo padezca de manera descontrolada, debe pedir ayuda. Sufre la persona y sus afectos.

    Un beso y linda semana.

    ResponderExcluir
  86. Excelente abordagem!
    Confiança é o que se deve praticar e não outra coisa.
    Para mim, um diálogo é fundamental. Um não, o tempo todo.
    Se conversam sobre tudo, por que não sobre a própria relação, não é? E principalmente sobre a distância que vai surgindo com o passar do tempo. Deve-se encurtá-la outra vez, deve-se lembrar das promessas e juras primeiras. Estar com alguém e confiar nessa pessoa é divino.
    Beijos e obrigado pela tua gentil visita. Teu blog está cada vez melhor e me perdoe a ausência. =)

    ResponderExcluir
  87. Oi...Gostei do que a Milene "falou...é complexo o ciúme*.
    Eu sou muito insegura e já acabei com uma relação por isso "Ciúme" não tem jeito #é incontrolável... "um tanto doentio, sim.
    Beijinhos* boa tarde de terça-feira.

    ResponderExcluir
  88. Ciúme é um sentimento doentio na maioria dos que sentem e faz o parceiro sofrer todas as consequências,tipo a criança inocente dormindo ser atacada por um ser maquiavélico e doente!
    Beijo e Grata por tão lindo texto!

    ResponderExcluir
  89. Oi

    Vim visitar e parei na pergunta "Você consegue controlar seus ciumes?"

    Como Everson diz e muito bem ... ciume faz parte ... mas como tudo na vida ... quando é demais ... estraga.

    Não me defino como pessoa ciumenta, mas sinto ciume, e quando o sinto ... sinto dor

    Não tenho ciume da atenção que "ele" dá a "ela" ... sinto ciume da atenção que "ele" não dá a "mim"

    Bem ... você me inspirou ... passe pelo meu cantinho e comprove.

    Um beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Bela pela visita, fiquei feliz com sua presença.
      Passei pelo endereço de seu perfil, mais não consegui acessar... Esse novo perfil do blogger está deixando a desejar...Tentarei outras vezes até consegui.
      Grande abraço!

      Excluir
  90. Belo texto e, como sempre, muito oportuno. Nunca fui capaz de compreender os ciumes numa relação e não consigo tê-lo; estou casada há 37 anos e nunca senti ciúmes e nem os vi no meu marido; há confiança um no outro e por isso respeitamos os gostos de cada um; há vezes em que não me apetece saír e ele vai, outras vou eu e ele fica; isso acontece desde o inicio do nosso casamento e parece-me até que é esse o motivo destes anos todos; sempre digo às minhas amigas que não adianta prender, nem andar atrás, porque quando querem traem até na nossa frente. A confiança é a base de um relacionamento, se não a há, mais vale desistir, pois naõ se pode viver com uma pessoa em quem não se confia. Um beijinho, amiga e parabéns pelo texto. Uma belaq semana!
    Emília

    ResponderExcluir
  91. É uma armadilha!
    Parabéns, belo texto.

    Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada єя pela presença, sera sempre bem vinda.
      Grande abraço!

      Excluir
  92. Excelente tema, querida Smareis.
    Ciúme anda de mãos dadas com a insegurança e autoestima baixa. Portanto observar e cuidar do que sentimos se faz necessário, pois o ciume pode ser algo perigoso, desestabilizador, pode causar estragos imensos.
    Beijos,
    Valéria

    ResponderExcluir
  93. O seu texto vem de encontro ao que ouvi sempre minha mãe dizer. - CONFIANÇA!!!

    ResponderExcluir
  94. Oi Smareis,
    obrigada por visitar e seguir o meu blog. Estou te seguindo.
    Gostei muito do seu blog. É lindo.
    Tenha uma ótima semana, bjs...

    ResponderExcluir
  95. Apareci!

    O ciúme abafa, apaga as fronteiras do espaço físico e mental, corrói. Um tema atual, Amiga!

    Obrigada por ter dado pela minha ausência.

    Beijo

    Laura

    ResponderExcluir
  96. Oi Smareis!Que bom voltar ao teu blog,fazia um tempinho que não vinha por aqui.Ciúmes é sempre difícil de lidar,seja pra quem sente como tb pra pessoa que provoca os ciúmes.Uma relação saudável requer confiança mútua,senão já desandou...Um beijo pra vc!

    ResponderExcluir
  97. Oi Smareis!Tudo bem?Não sei se o outro comentário entrou...Ciúmes é sempre difícil de lidar,tanto pra quem sente quanto pra quem provoca este sentimento.Uma relação saudável requer confiança mútua,caso contrário já desandou...Adorei voltar no teu blog!Beijos!

    ResponderExcluir
  98. Smareis, vou te contar uma coisa e, por favor, acredite. Não tenho ciúmes. Não tenho ciúmes de rigorosamente nada. Não condeno quem tenha. Não sei por que razão não tenho. Se tiver, talvez ele seja tão inconsciente que, nem mesmo eu perceba. Um beijo no seu coração.

    ResponderExcluir
  99. Seu texto é espetacular Smareis e de grande reflexão.
    Confio tanto em meu marido, sei que ele é meu companheiro fiel e que está comigo por que e ama e me respeita, como então sentir ciúmes de uma pessoa assim?
    Não tenho e nem sinto ciúmes de ninguém...um abraço carinhos querida Smareis e muito obrigada apor sua encantadora visita.

    ResponderExcluir
  100. Olá Smareis,

    Desculpa pela sumida é que estou um pouco afastada da net, e meu blog esta criando ferrugem por lá, parei um pouco pra colocar minha vida no lugar. Essa coisa de viagem pra lá e pra cá a trabalho acaba cansando demais, piora quando o aeroporto atrasa com os voos, a gente se estressa, e as coisas desandam ainda mais. Dei uma paradinha esses dias e hoje vim ler suas postagens mais devagar.
    Essa coisa de ciúme é desastrosa, é um mal que tento me livrar a algum tempo. A confiança na pessoa amada ainda é à base de tudo, mas primeiro acreditar em nós, no nosso “eu”... Mas se a pessoa for traída, a confiança quebra e ai não tem jeito. Uma traição pode provocar traumas profundos, mas também pode significar uma verdadeira oportunidade para crescimento ou aproximação do casal... A confiança, sinceridade e respeito ainda é a melhor solução. Ciúme só destrói. Acho que você consegue lidar bem com esses sentimentos, porque a psicologia nos ensinou tanto né?
    Mas mesmo assim somos humanos e nosso sentimento não aceita regras e nem limites, a solução é conversar e ser mais confiante cada entre si.
    Acho que falei demais, perdi a hora, saio correndo , ai, ai vida deliciosa, beijos e assim que tudo estiver ok te aviso.Te escrevo la de VV.
    Abraços!
    Fuiii......

    ResponderExcluir
  101. Smareis,
    você analisa muito bem neste texto o sentimento ciúme.
    O controle dos sentimentos, como este, é essencial para nossos relacionamentos.
    A meu ver o descontrole emocional é responsável por muitas histórias tristes e pelo fim de muitas famílias.
    Saber conter-se, falar e agir no momento certo é uma arte que temos de cultivar para sermos mais exitosos em nossos encontros familiares, sociais e a dois.
    Um abraço da
    Celina

    ResponderExcluir
  102. Smareis querida! Que texto excelente! Parabéns! Obrigada pelo carinho! Uma quarta-feira iluminada!
    Abraço fraterno e carinhoso!
    Elaine Averbuch Neves
    http://elaine-dedentroprafora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  103. Consigo controlar, conta-se pelos dedos de uma mão as vezes em que tive "crises" de ciúmes ;)
    Beijinhos,
    Madalena

    ResponderExcluir
  104. Voltei... hoje faço bodas de prata! Sim, 25 aninhos de casamento...
    Ontem a minha irmã fez anos...hoje tenho de dar um presente ao Zé por me aturar há meio século...
    E ciúmes...quem os não tem??? Saber controlar é uma arte!!!
    Bj

    ResponderExcluir
  105. O mal, é não saber livrar-se do sentimento de posse....

    Fiquei feliz por ter notado a minha ausência, mas ando um pouco cansado dos Blogs e faço programações mensais...
    Tudo de bom para si.
    Beijo

    ResponderExcluir
  106. Um dia repleto de carinho, flores e poesias pra ti minha amiga...beijos e beijos.

    ResponderExcluir
  107. Excelente texto. Faz pensar.
    Ciúme é atraso de vida e não combina com amor, em minha opinião.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  108. Gracias por tu visita, por tus palabras en mi blog.
    ¡Hermoso texto!
    ¡Feliz semana! Dios te bendiga.

    ResponderExcluir
  109. Thanks for your comment on my blog!
    Yours is very nice and romantic, I really like it!

    ResponderExcluir
  110. Smareis... Doce amiga

    Digo-te uma coisa, sou tão, tão ciumenta que é um caso sério. rs

    Mas sabes que o ciúme não exagerado dá um certo calor à relação tanto amor ou amizade, eu acho.

    Já sofri tanto em tempos ídos que é bom nem lembrar.

    Digo-te que, quem sofre os efeitos do ciúme é como alguém que vive tolhido, censurado, ameaçado, coração aos pulos.

    Cada vez mais, os músculos e a alma se retesam até que não aguentar-mos mais.

    Então temos que optar por uma escolha, viver a vida livremente, sendo o que se deseja ser, ou continuar submetendo-se à escravidão de alguém inseguro, prepotente e egoísta.

    Enfim... Tenho conciência disto, mas não mudo. rs

    Perdoe-me pela ausência, apesar da mesma, não esqueço-te nunca, acredite...

    Baci colorati Per voi, cari ... Buona settimana

    ResponderExcluir
  111. O ciume é uma coisa normal, natural... Mas, quando vira doença, pode ser muito perigoso.
    Eu sempre fui ciumenta, mas nunca demonstrei, sempre fui muito controlada e com medo de cair no ridículo... o mais engraçado é que, com amigos e parentes, eu demonstro ciúme... Ou melhor, demonstrava, porque, entretanto, cresci e aprendi a ver o ridículo de certas situações.
    Bjs

    ResponderExcluir
  112. Ich denke, Eifersucht ist ein Teil menschlicher Gene, angeboren schon von kleiner Kindheit an, und zu beobchten, wie sich Kinder Verhalten wenn sie der Meinung sind, der andere bekommt mehr.
    Diese angeborene Eifersucht entwickelt sich unterschiedlich, bei manchen ist es in der Art von Besitz und haben möchten, bei anderen so sein zu wollen wie der neben ihm. Und diese Eifersucht ist am besten sichtbar in der Liebe, denn das bekommt jeder mit, kann sehen wozu sie führt. Es ist eine schleichende Krankheit ohne Gegenmittel, aber auch verschieden stark ausgeprägt. Es gibt sicher Menschen die eifersüchtig sind, aber man merkt es ihnen nicht an, während anderen egal ist, was andere mitbekommen.
    Und ja, es ist ein großes Thema und ein schöner Beitrag von Dir!

    Lieben Gruß und Carpe Diem
    CL

    ResponderExcluir
  113. Thank you for visiting us at Fuzzy Tales.

    This is a very thoughtful and insightful post, even with the limits of the Google Translator.

    Jealousy does come from the ego, from the insecure ego, and no, it has nothing to do with real love or caring. The story of the young child who was burned very disturbing--we hope the man who did it will be in prison for life.

    Wishing you peace and Blessings.

    ResponderExcluir
  114. Valeu, queridona! Me joga na parede e me enche de Baygon é tudo... hahahahahahaha! Boa quarta! Bjs!

    ResponderExcluir
  115. Hi There, Thanks for coming to my blog.. Come back anytime... I enjoyed reading this post. Jealousy is like a terrible disease.. We all have been jealous at one time or another but those who are 'really' jealous and carry it to extremes are not people we need to be close to... I have heard about terrible marriages where one of the spouses is very jealous... Those marriages are usually doomed for failure --unless that person gets some serious counseling. And isn't it just very sad when someone no matter what age is hurt due to jealousy.

    Great post ... Thanks.
    Hugs,
    Betsy

    ResponderExcluir
  116. Las personas que padecen esos celos enfermizos, no conocen el verdadero Amor. Solo quieren satisfacción propia, solo se quieren ellos mismos.

    En el verdadero Amor no existe el egoísmo. Se preocupa más por el bienestar de su pareja que por él mismo.

    http://ventanadefoto.blogspot.com.es/

    ResponderExcluir
  117. Olá amiga,
    Um tema bem interessante e muito complexo, mas aqui bem explicitado e com o qual concordo inteiramente.
    No entanto penso que, quando existe ciúme pode ser falta de segurança, sim, mas que só o tempo nos vai ensinar a resolver.
    Beijinhos e continuação de uma boa semana.
    Ailime

    ResponderExcluir
  118. Ótimo tema já fui muiiiito ciumento sei que isso não é bom, hoje controlo apesar de sentir, mas controlo a vida e o tempo me ensinaram a não magoar quem amo.

    ResponderExcluir
  119. Tanto a dizer sobre os ciúmes, tanto e tão pouco... São ferozes feras! E prefiro o silêncio à balburdia dos ciúmes... de verdade.
    Um grande abraço :)

    ResponderExcluir
  120. Dla mnie zazdrość to przede wszystkim brak zaufania. Nie wyobrażam sobie życia z kimś, komu nie ufam. Nie ufam i mam podstawy, to odchodzę. Pozdrawiam.
    Para mim, ciúme é principalmente uma falta de confiança. Eu não posso imaginar a vida com alguém que eu não confio. Eu não confio e não tenho razão para ir embora. Yours.

    ResponderExcluir
  121. Um texto muito interessante e que dá para reflectir!
    Sim, o ciúme e a inveja são sentimentos que podem ser destruidores se não aprendemos rapidamente a controlá-los!
    Muito obrigada pela partilha. E muito obrigada pela visita e pelo lindo rastro;o)

    ***
    Um abraço aqui da França e feliz dia****

    ResponderExcluir
  122. we humans have such capacity for love and pain - to give and receive. :)

    thanks for stopping by today!

    ResponderExcluir
  123. Ciúmes?! Sim... ma non troppo!!

    ResponderExcluir
  124. Magnifico tudo o que nos deixa sobre os ciumes.
    Os ciumes são como que uma doença que podemos, e devemos. curar dentro de nós.

    ResponderExcluir
  125. Olá querida e "especial" Smareis,

    Hummmmmmmmmm! O cheiro do perfume, que está usando agora, Cacharel número cinq, ficou ainda aqui no ar, tal como o cheiro das rosas vermelhas, que me trouxe. Obrigada, mas a sua visita foi rápida dessa vez. Me habituou mal, sabe. Compreendo, quem tem muitos amigos e tem de fazer uma visitinha a todos.

    O IMPORTANTE É QUE ESTAMOS JUNTAS, DE NOVO E AGORA.

    Li seu texto com atenção e rigor e enquanto o ia lendo, ia pensando no que lhe dizer e no que escrever. Bem, algumas ideias foram surgindo. Vamos ver, se estou inspirada e se digo algo, com algum interesse.

    Já pensou se o ciúme será doença? Haverá cura ou remédio para ela, caso seja doença?
    Bem, segundo penso, o menino ciúme costuma andar com más companhias. Só, nunca gosta de andar. É irmão-gémeo da rivalidade (unha com carne) e é inseparável da inveja, sua prima. O seu secretário particular, sim, porque o Senhor Ciúme, precisa de secretário e ele se chama EGOCENTRISMO.
    O seu secretário, quer de noite, quer de dia, tem sempre à
    mão um espelho, de preferência de aumentar, para que Sua Excelência, O Senhor Ciúme passe o tempo a olhar para si próprio. E como diz o provérbio popular: "Um mal nunca vem só", mas também é verdade, que um bem, traz, arrasta outros bens (hoje, estou muito filosófica e racionalista).

    Será que o ciúme, sendo doença, é contagiosa? Se assim for, espalha vírus à sua volta, portanto, há perigo de contágio. Ataca homens e mulheres, embora o sexo feminino tenha maior predisposição para a maleita. Mas, vamos fazer justiça: também é a mulher, que sofre mais a traição e por isso fica mais vulnerável a esse micróbio e também é mais sensível que o homem, em afetos e cumpliciddaes (não sei onde vai parar meu raciocínio).

    Então podemos considerar o ciúme, como um veneno, que resultará, segundo opiniões médicas, quando usamos mal, ou deficientemente a vitamina do amor. Não conhecia essa vitamina?

    Creio que não existe vacina, ainda, contra o ciúme, portanto ninguém está imune a ele. É preciso estarmos atentos (quando surgir a vacina, sou ser das primeiras a apanhar ela), para que o vírus não nos contagie. Vamos acreditar, que vai surgir, em breve, a vacina milagrosa.
    Eu penso que se for "doença" tem cura, portanto é um mal com remédio e só melhora, quem acredita mesmo, que pode e vai melhorar.

    DEVO ACRESCENTAR, TODAVIA, QUE A MELHOR CURA É A PREVENÇÃO. POR ISSO, VAMOS CULTIVAR O AMOR, PARA DAR FRUTO E FLOR.

    S. Paulo deu uma agradável, uma simpática definição de ciúme, mas assim, de cor, não sei e não tenho a Bíblia por perto. Ah! Mas, sei a de Santo Agostinho: "Ama e faz o que quiseres". Este santo, para além de santo, para mim, continuará a ser um "CARDIOLOGISTA DA ALMA, UM CARDIOLOGISTA ESPIRITUAL".

    Se sentirmos ciúmes, não nos devemos revoltar, porque nós somos humanos, e não coisas abstratas, portanto somos muito melhores que eles. O ciúme que se sente é apenas, A SOMBRA DO NOSSO AMOR.
    Nós somos uns amores de pessoas, mas temos tentações, sentimos desejos exacerbados, futilidades, porque não somos perfeitos. Não somos Anjos Imaculados, mas homens e mulheres, de carne e osso, sujeitos a pecar, mas, mesmo assim, Deus ama-nos, de qualquer jeito. É Pai.

    Não devemos estabelecer comparações, por serem arriscadas e porque não há duas pessoas iguais. TODOS SOMOS ÚNICOS.

    Dê liberdade a quem ama, pois só assim se poderá aperceber da qualidade e fidelidade do seu amor. Evite exclusivismos.

    O CORAÇÂO DE DEUS NÂO TEM FRONTEIRAS E TEM SEMPRE A PORTA ABERTA A SANTOS E PECADORES, SIMPÁTICOS E DESAGRADÁVEIS, BRANCOS E NEGROS.

    Converse com ELE, porque ele não sentiu ciúmes de o (a) criar à sua imagem e semelhança e é tão feliz, por você fazer parte da sua grande família.

    Meu Deus, tu sabes, eu sou ciumenta. PERDOA-ME!

    Beijos muito carinhosos da sua amiga Luz.

    ResponderExcluir
  126. Oie doladinha vim rapidex te ver ...e trazer essa frase que gostei muito !!Cada um recebe de acordo com o que dá. Se você der ódios e indiferenças, há de recebê-los de volta. Mas se der atenção e carinho, há de ver-se cercado de afeto e amor !!!Adorei e vc?????

    ResponderExcluir
  127. ____0000000000______0000000000_____
    __000________000__000________000___
    _000___________0000___________000__
    000_____________00_____________000_
    000____________________________000_
    000___________GRACIAS__________000_
    _000____________POR____________000_
    __000____________TU___________000___
    ___000________AMISTAD_______000____
    _____000__________________000______
    _______000______________000________
    _________000__________000__________
    __________ 000______000____________
    ______________000000_______________
    ________________00_________________
    ____________★MaRiBeL★_____________

    ResponderExcluir
  128. Muito difícil controlar o ciumes..
    estou tentando aprender...
    beijinhos

    ResponderExcluir
  129. Thank you Smareis for visiting us. May your days be filled with happiness and love. Purrs!

    ResponderExcluir
  130. My Dear
    Thanks for visited my post and for your polite comment.
    I also follow you. Greetings from little Greece !
    Olympia

    ResponderExcluir
  131. Um excelente dia pra ti minha amiga,,,repleto de poesias e flores....beijos e beijos.

    ResponderExcluir
  132. Olá amiga querida !!! Que belíssima postagem, adorei !!

    Pois é amiga, já sofri muito com ciúmes de duas formas, primeiro estive por anos em uma relação abusiva onde eu não podia sequer pintar as unhas ou cumprimentar as pessoas... e isso acabou em agressões físicas e vários problemas graves, felizmente consegui me livrar... depois disso quem passou a ser ciumenta fui eu... cheguei a agredir um namorado, vivia discutindo e imaginando coisas... Acho que fiquei muito insegura e neurótica, sem dúvidas, como disse no texto, este sentimento é fruto de desequilíbrios emocionais que precisam ser resolvidos.
    Depois de um tempo, vi que estava sofrendo diariamente com minha própria conduta e resolvi melhorar, reforcei a auto estima e passei a ser mais racional, isso mudou por completo minhas relações, hoje em dia meu casamento é super tranquilo, meu marido trabalha rodeado de mulheres mas isso não me perturba nem um pouco, consegui embasar minha relação na confiança e agir com mais maturidade.
    O ciúmes é até hoje a causa de ações irracionais e perigosas e só nos faz mal, vale a pena tentar se livrar deste monstro e ter uma vida mais saudável :)

    Grande beijoooooooooooo e bom restinho de semana :D

    ResponderExcluir
  133. Gracias por tu visita preciosa, tu blog hermoso como siempre!!!
    Besito
    Roos

    ResponderExcluir
  134. Oi minha querida... sumi, mas voltei! rs... agora tentando colocar as visitas em dia!

    Ah, eu confesso que já fui ciumenta demais, até alguns anos atrás! Uma coisa horrorosa mesmo... do tipo de ciumes que fazia mal à mil e ao meu marido. Depois de algum tempo, a maturidade me fez agir de forma diferente. Vejo o quando foi a melhor escolha!

    bjks :) JoicySorciere => CLIQUE => Blog Umas e outras...

    ResponderExcluir
  135. Ah, querida... The Killers é bem bacana e faz um som mara! E "esquisito" eu tb sou... hahahahahaha! Bjs, lindona!

    ResponderExcluir
  136. Ufá!não foi fácil a escalada aqui dos comentários não amiga...eheh!adorei vir aqui hoje espiar este tema...que deveria ser trabalhado mais na cabeça de cada um...temos vistos tantas tragédias...considero uma doença que pode ser tratada...já fui muito ciumenta com meu parceiro e só sofria com isto...era um tormento para mim...um sofrimento que não nos leva a nada..com o tempo fui eu mesma trabalhando isto em mim...e hoje posso disser que tenho tudo na medida certa e boto mais fé um mim...um pouco é baixa auto estima...
    também fiquei chocada com o caso do menino queimado com óleo de cozinha...ele nunca mais será o mesmo...nem fisicamente..nem emocionalmente...também vejo muito ciúmes entre"amigas"mais entre mulheres mesmo...vejo muito isto aqui no real e na net também e isto é muito ruim..pois pessoas que tem este tipo de sentimento acabam prejudicando outras...ja vi muita cena de cuiumes aqui na net...muito triste...de nenhum modo é bom
    ...pois ele é destrutivo...te deixo um beijinho!coloquei seu blog nos meus favoritos..pois adoro o contéudo das suas postagens...até mais!

    ResponderExcluir
  137. O ciúme é o sentimento mais negativo e mais castrador que conheço.
    Vem de pouca auto-estima e falta de confiança sem dúvida.
    Adorei a receita :)

    beijinhos

    ResponderExcluir
  138. Oi amiga, gostei do post, sempre muito reflexivo. Eu sou muito ciumenta, tento controlar ao máximo rsrs... mas às vezes transparece rs

    Bjinhos no ♥

    ResponderExcluir
  139. Hola Smareis, muy buena entrada, los celos solo son inseguridad en uno mismo.
    Un abrazo grande.

    ResponderExcluir
  140. Minha querida

    Os ciúmes são um sentimento que não se deve ter, são maus conselheiros e podem acabar com uma relação, deve haver confiança e não deixar que esse sentimento se instale dentro de nós.

    Um beijinho com carinho
    Sonhadora

    ResponderExcluir
  141. Querida amiga; obrigada pelo carinho, viu? Estou voltando aos poucos...
    Adorei a abordagem desse assunto! Um pouquinho de ciúme, creio que todos temos. O ruim é quando ele acaba se tornando doentio. Aí a pessoa tem que buscar ajuda, ou não vai viver bem com ninguém.
    Beijos

    ResponderExcluir
  142. Quem não se controla... será controlado.:)

    Bjs.

    ResponderExcluir
  143. Também creio que não deve haver ninguém, que não tenho um pouco de ciúme.
    Faz parte da lei da natureza como refere o autor do texto. Todavia o exagero é a causa de muitos desentendimentos, causadores de separação entre pessoas, cujos relacionamentos até teriam sido bastante sólidos. E continuariam a sê-lo se não fosse o exagerado ciúme. Deixando de haver confiando um no outro. Entre o companheiro e a companheira, o melhor será mesmo a separação para evitar males maiores!

    Bom fim de semana, e obrigado pela sua amável visita.
    Um beijo
    Eduardo.

    ResponderExcluir
  144. Smareis

    TOP SECRET OLAVO, tem novo capítulo.
    Beijos

    ResponderExcluir
  145. Um final de semana cheio de versos pra ti minha amiga...beijos e flores..

    ResponderExcluir
  146. Oi Smareis, como está?
    Adorei vê-la por aqui...
    Também dei uma sumidinha, como disse a minha velinha estava meio apagada!
    Mas agora tratei de acende-la!
    Que texto perfeito para os ciumentos aprenderem...
    Um pouco é saudável, mas o excesso é bem prejudicial!
    Um beijo e um ótimo dia!
    Mariangela

    ResponderExcluir
  147. Otimo post nossa eu já fui ciumenta demais credo nem gosto de lembrar, é como disse se vc confiar não tem problema mas o duro é chegar nesse patamar, graças a Deus com a maturidade e claro com o parceiro maravilhoso que Deus me deu vi que era uma besteira enorme e hoje vivemos bem.

    ResponderExcluir
  148. hay algo universal en eso del amor ¿no?

    chica que tengas un muy buen fin de semana

    te mando un abrazo desde aca hasta alla

    suerte!

    ResponderExcluir
  149. Sin celos gozan los dos. Es decir, ni te preocupas por lo que pueda hacer el otro (porque confías) y ni te sientes limitado a la hora de ver a terceros (porque el otro confía en ti).
    Un abrazo,
    Ricardo

    ResponderExcluir
  150. Olá Smareis,
    Assim como você eu também não acredito que não existe ninguém que em algum momento da vida não tivesse sentido ciúmes em relação a algo, ou a alguém. Mas, enfim...
    Um bom fim de semana pra ti amiga!

    ResponderExcluir
  151. Queridona, adorei teus comments. Como sempre, claro. Hehehe! Ótimo final de semana pra ti, guria! Bjs!

    ResponderExcluir
  152. ¡Hola Smareis!

    Hoy nos expones un tema muy interesante: nunca fui celosa de nada ni de nadie. Solo una persona ignorante puede tener celos. Pienso que es una enfermedad de espíritu maligno producida por la baja estima y puede ser muy peligroso/sa y hacer verdaderas atrocidades, como la que hoy nos cuentas.
    ¡Que triste! Pobre criatura, sin culpa de nada. Que Dios nos aparte de personas así de mente enferma y de alma negra.

    Gracias por tus importantes letras que siempre nos enseñan a caminar por la dulce senda. Smareis, eres sensible y estupenda. Ha sido un placer pasar por esta casa -tu casa.

    Trato de ir llegando poco a poco a todos mis blogs amigos, el tuyo es uno de ellos.
    Te dejo mi admiración y mi gratitud. Un abrazo grande y se muy feliz.

    ResponderExcluir
  153. Ciúmes são coisas do passado para mim... graças a Deus!
    Um beijo, minha querida.
    HD

    ResponderExcluir
  154. Olá Smareis, desejo que tudo esteja bem contigo!

    Um texto interessante como sempre e que faz refletir.

    Eu penso que o ciúmes dependendo do portador, pode ser definido como uma arma, ou um sentimento maquiador da incapacidade do portador de acreditar em si próprio ou em quem está ao seu lado!

    Neste texto teu vemos as duas versões num mesmo portador, deveras triste alguém se deixar possuir por tão destruidor e mesquinho sentimento.

    E já que por cá estou agradecido por tua amizade e visitas eu desejo a você e todos um viver deveras intenso e feliz, abraços e até mais!

    ResponderExcluir
  155. já tive minha porção de ciúmes, de amigos, de amores, de familiares, acho isso normal na vida de qualquer pessoa, desde que o ciúmes não seja algo exagerado como muito se vê por aí.. tb assisti o caso do menino queimado pela namorada do pai, pelas últimas notícias que ouvi ele estava melhorando, mas com certeza ele levará o resto da vida as cicatrizes desta atrocidade.. homens matando as esposas, mulheres matando os companheiros, isso é o extremo do ciúmes, chega a ser posse, não sei como alguém consegue chegar a tanto.. adorei teu texto e tua conclusão, um pouco mais de confiança em sí e no companheiro é realmente muito importante.. beijos mil amiga e ótimo findi..

    ResponderExcluir
  156. O ciúme é um mal em si; é uma falta de confiança e de partilha.
    O "pico" do ciúme pode até tornar as relações mais vivas, mas, com o tempo, tende a nublar a razão.
    Se há ciúme, dificilmente existe confiança.
    Uma belíssima e oportuna reflexão.
    Parabéns.

    Beijos

    SOL

    ResponderExcluir
  157. ¸❤✿•.¸
    ♥ Bom fim de semana!
    ♡ Beijinhos.
    Brasil

    ResponderExcluir
  158. Um excelente sábado pra ti minha amiga...beijos e beijos.

    ResponderExcluir
  159. Realmente é um assunto delicado e preciso de ser abordado, em vista aos casos que tem causado incomodo nos noticiarios,principalmente porque este sentimento tem sido um dos fatores que levam a violencia contra a mulher.Um canto teria dito, que o ciumes é a beira do fracasso, o que nos leva ao pensamento de rompimento e algumas vezes degradação da relação.Seria normal o desfazer das relações, seja por sonhos, ou mesmo desencantamento no casal.Porem a administração desta saida tem sido falha como temos visto.É uma arma perigosa,que deve ser bem manejada para o tiro não acertar no pé.
    Bela postagem amiga,voce sempre com temas bons para reflexão.
    Um belo fim de semana a voce com a paz e alegria na familia.
    Um mundo melhor e mais justo sem violencia, é nosso sonho.
    Abraços de paz e luz.
    Beijo.

    ResponderExcluir
  160. ciumes o mal da sociedade
    não entendo por que não fazer o mais fácil deixar ir
    do que matar maltratar.
    lindo dia bjs

    ResponderExcluir
  161. Bom dia, Smareis. Saudades! Fiquei extremamente pensativa ao ler esse texto, olhei muito para dentro de mim, e tentando avaliar se o meu ciúme está ou não dentro da dita normalidade.
    Refletir sobre o que e quem somos é muito importante, e eu não fujo a isso, mas confesso que já senti ciúmes que me irritaram, tiraram o meu equilíbrio.
    Sei que isso aconteceu porque eu permiti acontecer.
    De qualquer modo, um ciúme natural, creio que todos sintam, mas péssimo é o que tira a pessoa do eixo fazendo-a infeliz, e ao seu companheiro.
    Talvez mesmo esteja ligado à questão da insegurança em si mesmo ou numa falta de credibilidade em certos casos no outro, ou quem sabe, puras fantasias.
    Fiquei chocada com a mulher que queimou o adolescente, além de cruel, desumana, ela foi burra, pois esse homem JAMAIS voltará com ela.
    Qual o pai que perdoaria um mal desses feito ao seu filho?
    Desconheço!Esse texto é para ler e reler, e eu amo psicologia, e tudo o que ela pode ensinar.
    Eu creio que ainda temos muito o que aprender sobre nós mesmos e sobre as relações que vivemos diariamente.
    Somos uma incógnita a ser descoberta, sempre!
    Um beijo imenso na alma, e parabéns!

    ResponderExcluir
  162. Menina do Espírito Santo, estou conseguindo controlar mais este pecado!
    Um bom dia para ti, e um beijo grande.

    ResponderExcluir
  163. Um excelente domingo pra ti minha amiga querida e uma semana repleta de paz e poesias....beijos.

    ResponderExcluir
  164. Bom dia e ótimo domingo à vc!
    Grande verdade "O ciúme destrói os bons sentimentos"
    Só com a graça e a força do Senhor se pode proclamar e semear a semente do Reino.
    Parabéns pelo trabalho no Blog!

    ResponderExcluir
  165. Bom dia de domingo!!!
    Passando para deixar um carinho
    pela presença sempre constante no
    meu cantinho, elogiar o que vc tem
    de bom,pq vc é uma pessoa querida,eu
    agradeço pela belas postagens
    Abraços
    Bjuss
    Rita!!!!

    ResponderExcluir
  166. Boa tarde Smareis,

    Que tema bom de debater! Ciúmes é um sentimento que todos possuem, o problema é quando o ciúmes se torna possessívo, controlador, doentio. Certo que a insegurança e o medo de perder quem amamos, tanto na amizade quanto no relacionamento conjugal, são fatores que atrapalham na vida e desenvolve o ciúmes. Há ciúmes singelos, calmos, que não machucam, mas mesmo assim é algo que não deve existir em um ser humano. É como, mais ou menos, Deus diz, um pouco de fermento leveda toda massa. Pra quem persegue algum ser amado, uma frase que ouvi cai bem, diz assim: "Se ama alguém, deixe-o livre; Se tiver que persegui-lo, é porque não era pra ficar com ele".
    É como dizes, é preciso se ter autoconfiança.

    Grande abraço, ótimo fim de semana, com a graça de Deus.

    ResponderExcluir
  167. Oi Smareis, vim lhe desejar uma maravilhosa semana, bjinhos iluminados.

    ResponderExcluir
  168. Oi Smareis,

    excelente texto! ótimo para uma boa reflexão

    acredito que o ciume seja uma doença da alma. que cada um de nós pensemos com todo o desprendimento necessário nos nossos silenciosos ou escandalosos ciumes.

    Beijos

    Leila

    ResponderExcluir
  169. Uma segunda feira de muita poesia pra ti minha amiga,,,beijos e flores...

    ResponderExcluir
  170. Oi Smareis...
    Excelente reflexão...Acredito que cíúmes é um sentimento que todos possuem um pouquinho...Ruim quando sai do controle e se torna doentio...Ótima Semana!
    Beijos!
    San...

    ResponderExcluir
  171. Boa semana, amiga. Aguardo o novo post.

    ResponderExcluir
  172. Olá Smareis... voltei ao meu cantinho, super descansada e revigorada.
    Querida, um tema que já me tirou o sono!
    Confesso, que já fui muito ciumenta, mas daquelas chatas, que sofre por demais por dentro, que não se controla...
    Eu sempre fui calma, mas sempre que gostava de alguém, podia ser amigo ou namorada, o ciúme me atrapalhava. Sofri demais. Até chegar um dia que resolvi procurar ajuda, fiz analises, tinha psicologo, ia chegar um momento que ia perder tudo.
    Hoje eu vivo bem, quando penso em ter um "ataque", paro, respiro fundo, penso em todas as consequências e assim vou vivendo bem. É um mal que não quero nunca mais.
    Beijinhos de saudade.
    Lorena Viana

    ResponderExcluir
  173. .


    Hoje, só hoje, eu não sussur-
    ro mentiras, mas grito verdade
    no ouvido surdo do meu blog.

    Palhaço Poeta







    .

    ResponderExcluir
  174. Greetings!!! Thank you for stopping by....I look forward to following your work. My work can be found at Las Aventuras. All my best. Saludos de Tucson!:) Chris at Las Aventuras

    ResponderExcluir
  175. Hoje é dia do(a) escritor(a), parabéns Smeris!

    ResponderExcluir
  176. Ate a volta, abrazo grande! Muack, muack.

    ResponderExcluir

Nunca existiu uma pessoa como você antes, não existe ninguém neste mundo como você agora e nem nunca existirá. Veja só o respeito que a vida tem por você.
Você é uma obra de arte — impossível de repetir,
incomparável, absolutamente única. (Osho)

Links de propagandas e comentários anônimos, serão excluídos automaticamente, a não ser que se identifique com seu nome e endereço do blog/site.

Obrigada pelo seu comentário!
Thanks for the comment!
Gracias por tu comentario!
Merci pour le commentaire!