Nomofobia- Uso exagerado de celular...

Imagem Google
Eu sempre fui muito ligada à tecnologia, mais desconectar de vez enquanto, faz um bem danado. Assisti a um vídeo esses dias sobre o uso excessivo de celular, e resolvi fazer essa postagem a respeito. Eu ando me controlando bastante ultimamente, acho que consigo ficar desconectada pelo menos 24hrs, ou mais, nos finais de semana... 
A era digital chegou com força total e o aumento de celular comprova esse avanço. Dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística apontam crescimento entre 2005 a 2011 de 107,2%. Samsung e Apple disputam cada pedaço do mercado de telefones celulares, como se fosse à última invenção do planeta... As múltiplas funções dos celulares comprovam o quanto um aparelho pode ser indispensável nos dias atuais. Efetuar chamadas para falar com quem esta longe se tornou praticamente uma função coadjuvante em meio a tantas outras formas de comunicação e entretenimento oferecido pelos telefones atuais. Mandar e receber mensagens, conferir as ultimas noticias, compartilhar fotos, acessar redes sociais ou pagar contas se tornou parte integrante da vida das pessoas.

Mas você já parou pra pensar que o mesmo aparelho capaz de encurtar distância pode distanciar você das pessoas que ama, e que estão ao seu lado todos os dias. O celular tem se tornado imprescindível na vida do cidadão... Antes era artigo de luxo e estavam presente apenas em camadas mais elevadas da sociedade, hoje se encontram disseminada nas camadas mais populares e nesta chega das formas mais adversas, pois para muitos não possuir um celular é como estar excluídos dos grupos. A tecnologia cresceu tanto que em um celular podemos acessar a internet da mesma forma que usamos um computador, tirar fotos, consultar um GPS, redes sociais, receber e enviar emails, tem o whatsApp que permite você compartilhar fotos, vídeos, sons, contatos e até a sua localização por meio do GPS do dispositivo. São diversas utilidades e facilidades, que a gente se envolve de uma forma assustadora, porque estão mais acessíveis e mais modernos, por isso que essa pequena máquina virou um vício que a maioria das pessoas não vive sem.

Ele se torna uma parte de nós no momento que acordamos, quando o despertador do celular toca pela manhã, a pessoa pega o aparelho e aproveita para checar os e-mails antes mesmo de dar um bom dia para a pessoa que esta ao lado. À noite a cena se repete, ao deitar-se antes de adormecer, a pessoa pega o celular para conferir, e-mails, checarem notificações nas redes sociais ou mandar mensagens aos amigos. A ação é simples mais, ao se tornar corriqueira, pode ser um indício de que “algo” anda errado dentro da relação, sem contar é claro que os momentos íntimos do casal podem ser gravemente prejudicados com a mudança de humor pela falta de qualidade do sono. A exposição à luminosidade no período da noite interfere na liberação de melatonina, que é o hormônio que faz a gente ter vontade de dormir, indução natural do sono. Os próprios fabricantes de celulares recomendam deixá-lo afastados do corpo, devido à radiação. Conheço pessoas que dormem com o aparelho ao lado do travesseiro, e isso não é nada bom para saúde conforme algumas pesquisas que já foram divulgadas... Os médicos não indicam uma distância segura exata, mas o ideal é deixar longe do corpo. O maior risco é o uso junto à cabeça por muito tempo. Mesmo que não esteja sendo usado, o celular emite radiação.

Não são sós os brasileiros que fazem uso excessivo do celular, os Britânicos conforme dados divulgados pelo site inglês Female Firt "Site que eu adoro visitar e ler" revelou que passam mais tempo com os seus Smartphones do que com os próprios companheiros. A pesquisa intitulada “Mobile Life 2013 Report” foi realizada pela empresa O2 e mostrou que o tempo gasto com o celular é 30% maior do que o período de convivência com marido esposa ao longo do dia. Pesquisa revela tempo médio gasto com celular são 119 minutos por dia, e com o companheiro é 97 minutos. Isso significa que as pessoas passam 30% mais tempo com o aparelho do que com os parceiros, como afirma o site “Female First”, que divulgou o estudo... (O Gerente geral da O2 David Johnson, confirma que Smartphones estão ficando cada vez mais inteligentes, com telas, sensores tecnológicos, câmeras e processadores que tornam a interação com o aparelho prazerosa. “No entanto, isso também significa que agora estamos gastando mais tempo com nossos olhos colados na tela do que contemplando o olhar de nossos parceiros”, acrescentou o Britânico.)

Podemos compreender que as pessoas sejam viciadas em seus smartphones, pois elas têm toda a vida programada ali, e se, por acaso, perderem o aparelho ou ele quebrar, vão ficar isoladas do mundo. Mas agora, se você se sentir angustiado com a idéia de perder seu celular, ou de ser incapaz de ficar sem ele por mais de um dia, ou de ficar sem acessar as redes sociais, saiba que você pode estar sofrendo de “Nomofobia”,  expressão que surgiu na Inglaterra para designar as pessoas compulsivas por esse tipo de conexão. A palavra é uma abreviação de “no mobile phobia” que, literalmente, significa o medo de ficar sem celular. Segundo pesquisas da empresa de segurança SecurEnvoy, cerca de 76% dos jovens britânicos entre 18 e 24 anos sofrem do mal e alguns chegam a ter dois ou mais aparelhos para garantir que sempre estarão online. Esperamos que com o tempo as pessoas possam estar aprendendo a usar com mais equilíbrio e mais cautela, e tendo o cuidado para não prejudicar suas relações afetivas.

Vale a pena da uma olhadinha!




"Desconecte-se para se conectar" esse é o slogan de uma empresa tailandesa de telefonia. Smartphone, o serviço que mais vende, veiculou uma campanha sugerindo às pessoas desligarem os telefones e aproveitarem a vida. O comercial, exibido no fim do ano passado, ganhou inúmeros adeptos nas redes sociais. Ele mostra situações em que a "desconexão" proporciona prazer. A repercussão mundial da campanha, divulgada espontaneamente, mostrou que a empresa foi feliz em ter coragem de abordar o tema. 

Os meus aplausos a essa Empresa!

Use e abuse da tecnologia, mais sempre com muito equilíbrio. Não se perca... Se encontre!


Beijos pra quem é de beijos!
Abraços pra quem é de abraços!
Beijos e Abraços pra quem é dos dois!



"Só depois que a tecnologia inventou o telefone, o telégrafo, a televisão, a internet, foi que se descobriu que o problema de comunicação mais sério era o de perto."(MillôrFernande)

105 comentários:

  1. Oi querida amiga Smareis!

    Gostei do seu texto. Com certeza, a tecnologia avançou e o celular cada dia mais inovados.

    Beijos no seu coração.Tenha uma noite maravilhosa.

    ResponderExcluir
  2. Oi Smareis! Ótima reflexão nos traz o seu texto. É caminho sem volta e muito útil a internet. O grande problema está em nós, na maneira como usamos e interagimos com nossos aparelhinhos luminosos. Tanto pode ser um facilitador do dia a dia como um escravizador. Conhecer nossos limites é essencial.
    Beijo!

    ResponderExcluir
  3. Olá, querida
    Sempre me desconecto para poder ser dona de mim... Já vi sim que isso é importante demais e me dá um bem-estar enorme.
    Excelente post!!!
    Bjm de paz e bem

    ResponderExcluir
  4. There was a time I never left my house with fewer than three packs of cigarettes and two lighters. Despite the addiction, those days are long gone. (But, thinking of myself as a gentleman, I still usually carry a lighter to assist those who might need the use of one.)

    Today, I never leave my house without my Blackberry, although I do not spend a great deal of time actually using it. It is, in fact, the only telephone I own and I do not think I would have much trouble disposing of it if it were not for communicating with family and friends. I am not addicted to it in any sense.

    Unfortunately, I think many people, especially children and teenagers, are not so fortunate. They seem to feel a constant need to be playing electronic games or engaged in some manner of social networking.

    I think the message you are conveying is valid and important, Smareis, but I do not think there is any chance people will be reducing their use of electronic gadgetry anytime soon. Individuals, especially family members, must find ways to manage their own situations. Common sense is in short supply these days, and I am afraid all we can do is to issue appeals for the use of it, as you do in your post, and hope for the best.

    ResponderExcluir
  5. Oi, Smareis
    Excelente texto, é incrível como estamos vendo tantos "nomofobicos", eu conheço muitos.
    Tecnologia é bom , mas tem que ter equilíbrio, como vc citou.
    Eu adoro tecnologia mas com moderação, celular nem penso em acessar rede social, never!
    Bjs

    ResponderExcluir
  6. pues yo no uso celular
    así me pierdo sin problemas de la gente jajaja

    buena semana

    ResponderExcluir
  7. Smareis,

    Vejo que hoje todas as crianças estão com seus aparelhos nas mãos, usam a tecnologia melhor que nós adultos e usam termos que nem sei o que significa. Pra mim celular tem função básica [ligar e receber chamadas] e meus filhos dizem que meu celular está desperdiçado pra mim.
    "Monofobia" é o que preocupa hoje, pois nos conectando com o mundo, estamos nos isolando de nós mesmos e daqueles que convivem conosco. Vejo que as pessoas se despedem das redes sociais, desconectam o computador, deitam e pegam o celular e checam de novo os emails, as páginas, as mensagens... E esquecem que passou da hora de dormir.
    Adorei a postagem, e tenho feito essa desconexão, tanto por necessidade, tanto pq já não tenho essa vontade de estar ligada nessa tecnologia. A vida aqui fora é boa demais pra nos trancarmos na virtualidade.
    bjkas doces e uma semana maravilhosa!

    ResponderExcluir
  8. Oi Smareis! Internet é bom demais. Quando eu me mudei para o apartamento onde estou morando, fiquei dois dias sem internet. Foi bom desconectar, descansar. É preciso ter limite mesmo. Bacana, o comercial. Beijo e ótima semana!!

    ResponderExcluir
  9. No soy muy adicta a los celulares, me cuesta mucho enviar mensajes de texto y tampoco suelo conversar por que sí, pero admito que cada vez será más difícil estar desconectados de este mundo que avanza sin límites... ¿hasta dónde llegaremos?
    Excelente artículo, te dejo un fuerte abrazo y te deseo una hermosa jornada!

    http://perfumederosas-cristina.blogspot.com/

    PD: gracias por la vista!!!

    ResponderExcluir
  10. Olá!Bom dia
    Smareis
    Desconectar para conectar-se... a reflexão, o nosso comportamento atual,que nos deixam absortos num mundo particular, alheios ao que ocorre ao redor... em alguns momentos ,também, não enxergo o que se passa ao meu redor, por conta de estar conectado profissional e socialmente...
    Penso que se não for causada pela “nomofobia”, o problema não é, não foi nem nunca será o equipamento em si,ótimo para agilizar, aumentar produtividade, proporcionar acesso ilimitado a informações, diminuir distâncias entre pessoas que estão separadas pela distância e ótimo para uma infinidade de coisas...o problema é a forma, o tempo e o espaço de o utilizarmos em nosso convívio social. Temos que saber dosar, procurar o meio-termo, usar com moderação...senão, conforme as pesquisas mencionadas, iremos perceber um mundo cada vez mais egoísta, mais individualista, onde a preocupação e proximidade real com o próximo acabará...o tempo todo conectados no mundo, mas desconectado das pessoas e das relações humanas.
    Obrigado pelo carinho de sempre
    Bela quarta feira
    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Ola querida!!!
    Tudo bem? Muito bem postado o teu texto, enquanto eu estou falando das maquinas de PINBALL games do passado em meu blog, você esta no presente falando da tecnologia móvel.Essas ferramentas desenvolvidas por homens aparecem em suas devidas épocas e acredite vamos ficar cada dia mais dependentes das novas e futuras criações. O homem já esta falando em pousadas no espaço, visitando Marte em seus robôs, criando mini aviões que passaram a servirem como armas de guerras os aviões não tripulados.Estar conectado ao mundo quer dizer não distancia para o conhecimento, não limites para descobertas. O futuro nos espera...
    Tenha uma excelente semana. Fica em paz. bye.Ass: O cavaleiro Negro a

    ResponderExcluir
  12. Samareis.Apuntas una buenisima reflexión sobre los moviles. Sabemos que son útiles y con los multiples usos que tiene los exageramos..
    ¡Gracias por tu visita!.
    Que tengas un buen día.
    http://juolina.blogspot.com.es/

    ResponderExcluir
  13. Ja na szczęście nie wpadałam w "chorobę" telefonów komórkowych. Jest to tylko środek łączności w pracy i ze znajomymi. Absolutnie nie śpię z nim :). Jednak moja wnuczka już by chyba bez telefonu nie potrafiła normalnie żyć i to mnie przeraża. Gdzie Ci młodzi ludzie zdążają. Ich życie będzie coraz uboższe. Pozdrawiam serdecznie.
    Felizmente, eu não tendem a cair na "doença" de telefones celulares. Este é o único meio de comunicação no trabalho e com os amigos. Absolutamente não dormir com ele :). No entanto, a minha neta tem de pensar sem o telefone não foi capaz de viver uma vida normal, e isso me assusta. Onde estão estes jovens perseguem. Suas vidas se tornarão mais pobres. Atenciosamente.

    ResponderExcluir
  14. Saber usufruir as tecnologias sem deixar de viver !sem escravatura! Bjs praianos,chica

    ResponderExcluir
  15. Por acaso não ligo muito, mas não passo sem computador e Internet ;)
    Beijinhos, boa quarta!

    ResponderExcluir
  16. Oi, Smareis.
    Penso que a tecnologia está aí para nos beneficiar, mas todo exagero é um tipo de prisão. Eu corro de coisas que me aprisionam. Uso tudo com moderação, não quero ser escrava de coisa alguma.:)

    Ótimo texto.

    Um beijo.

    ResponderExcluir
  17. Nossa! Não sabia que isso poderia ser uma fobia! Fico muito tempo online, mas é porque tudo o que faço é no computador: o blog, meu trabalho, enfim... agora o cel é um blackberry tão velhinho tadinho rss ;)

    Passando para desejar um ótimo dia!
    Liz<3
    The Red Lil' Shoes Blog
    http://theredlilshoes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Smareis, vc acredita que faz pouco mais de um ano que tenho meu celular? Não sou adepta dele de jeito nenhum e as únicas ligações que recebo são dos meus filhos ou algum engano. Não tenho essa necessidade de ficar falando por telefone o tempo todo.. nem o fixo. Não gosto muito de telefone... engraçado, né?
    Agora, internet... se eu ficar um dia ou dois, parece que me falta algo. Não pelos contatos, mas por tudo, principalmente em coisas que leio diariamente. Isso sim é um vício pra mim...

    Uma linda semana, beijos

    ResponderExcluir
  19. El término medio, como siempre, es la clave para evitar la adicción.

    Muchas gracias por tus consejos!!

    Un beso,
    Ricardo

    ResponderExcluir
  20. Nunca tive medo ou me retraio diante das novidades. Acho que são maravilhosas e vem para acrescentar, mas não vicio em nada. Quando posso uso, mas se não há tempo disponível, nem as novidades e tecnologias à mão passo sem...
    Um beijinho querida e grata pela sua visita. Estava com saudades... Tenho tido tempo escasso pois meu pai se convalesce de um AVC e tenho tido tempo mais voltado a ele...

    ResponderExcluir
  21. Oi amiga, a tecnologia está aí para melhorar a nossa vida, mas tudo tem um limite né? Não sou uma 'viciada' mas gosto das novidades.
    Tenha uma ótima semana, beijos!

    ResponderExcluir
  22. Smareis, I read your wonderful post about technology and it made me think about many things in my life. It's wonderful to be connected to each other in just seconds and it seems the world is so small but sometimes I think that this instant connection takes aways from us so much. We miss this precious and very dear contact when we can see a smile and eyes of each other. I talk about instant e-mails. Virtual world of technology made us so much impersonal, I think. There are so many good sides of technology and it takes from us something that we will miss in the distant future.

    Fascinating post, interesting thoughts and wonderful ideas!

    I love to read you very, very much.

    Warm wishes from Kaya and a big hug!

    ResponderExcluir
  23. Nossa Smareis, eu fico tempo demais conectada e ainda assim não dou conta dos meus afazeres virtuais, kkk!
    Mas como tudo na vida precisamos dosar, quando fico muito tempo num dia, tento desligar-me no outro. A vida virtual é fantástica, mas a real é muito mais preciosa, adoro me conectar com a natureza e com as pessoas que amo!
    Bjão, saúde e paz pra vc!

    ResponderExcluir
  24. Oi Smareis!Eu estou fora dessa mania,pois detesto ficar falando ao celular.Mesmo o telefone fixo,uso apenas pra uma coisinha ou outra.Agora,computador é outra história!Por isso não misturo celular e internet.Achei linda a propaganda e mostra que perdemos muita coisa na vida,ao nos conectar em demasia.Bem legal!bjs,

    ResponderExcluir
  25. Boa tarde

    Retribuindo a visita, que muito agradeço, deparo-me com um bonito blogue onde a harmonia das palavras se enlaça em frases perfeitas. Imagens e textos lindíssimos. Gostei de ver e ler. Parabéns.

    Gostava que visitassem e, querendo, se fizessem seguidos/as. Fica o meu agradecimento. Obrigado.

    http://pensamentosedevaneiosdoaguialivre.blogspot.pt/

    ********************
    Fiquei seguidor

    Linkei o endereço deste fantástico blogue, no meu ( Pensamentos e devaneios)
    *****

    Uso celular mas não sou viciado... Uso porque de um moimento par o outro pode fazer falta.. Apenas por isso.
    Deixo cumprimentos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Ricardo,seja bem vindo!

      Obrigado pela presença!
      Passarei por lá pra conhecer seu cantinho, me parece que ainda não visitei seu blog.
      Grande abraço!

      Excluir
  26. Olá Smareis,
    boa tarde,
    uma postagem muito completo

    “Nomofobia”
    que é isso?
    Eu tenho o telefone como um ornamento... kkkkk

    Eu não gosto de falar ao telefone,
    e os mensagens de texto, eu sou uma bagunça
    (duas horas para escrever uma mensagem kkkk)

    O vídeo é maravilhoso!
    realmente para aumentar a conscientização

    Desejo-lhe uma bela tarde de quarta-feira
    um beijo e um abraço

    ResponderExcluir
  27. Smareis

    Comigo não haverá o acentuado perigo do uso de celular, só o uso desde 2006, na altura por uma questão de fisioterapia aos dedos, que antes, por recomendação, precisamente, fisioterapêutica, foi manipular feijões entre os dedos. Com esse cadastro, é uma raridade usar o celular. O mesmo é substituído doze horas dia, por dois PC. queres ver porquê, tens oportunidade de ver porquê em num videio de um programa de televisão que tem tenho em vátios blogges;
    Como neste: http://danielmilagredanieldaniel.blogspot.pt/
    tem link abaixo da minha foto.
    De novo fiz postagem no TOP SECRET OLAVO.
    Beijos

    ResponderExcluir
  28. Oi Smraeis, cheguei aqui através do blog da Lani. Na vida tudo deve ser equilibrado, há de ter moderação em tudo. Bjos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Eder,

      Obrigada pela presença, seja bem vindo!
      Estarei por lá pra marcar presença.
      Grande abraço!

      Excluir
  29. Que cierto, estamos siempre conectados de una manera o de otra, la verdad es que si. Un saludo.

    ResponderExcluir
  30. Smareis, este artículo es total y absolutamente cierto en todas las apreciaciones que realizas con respecto a la comunicación y los cambios que se han producido. Te cuento una anécdota del año 2002. Caminando por un paseo de la playa, con una temperatura estupenda, con veraneantes paseando, observé que un niño de no más de 7 años hablaba por medio de un teléfono móvil. Siendo una etapa en la que los móviles se iniciaban en su segunda generación, aproximadamente, me pareció extraño que sus padres le hubiesen comprado un móvil a un niño tan pequeño, además de lo pesados que eran todavía los aparatos. Tras el niño, a unos diez metros, caminaban dos parejas de jóvenes y tras ellos una niña llevaba otro celular por el que hablaba. Una de las chicas dijo: “Niña déjame tu celular que tengo que hablar con la abuela…” La niña cortó la conversación, ¡que estaba teniendo con su amigo que caminaba veinte metros delante de ella!, y le dejó el celular a su madre. La pregunta inmediata, que me surgió espontánea, fue: “¿Quiénes son los culpables de la incomunicación de estos niños? ¿Ellos o sus padres con la prepotencia del poder adquisitivo?
    Si bien es cierto que las generaciones posteriores de celulares han modificado determinados aspectos de la tecnología, creo que han empeorado la comunicación humana. Millones de mensajes, “amigos”, ciertos o embaucadores, de las redes sociales, y el progresivo deterioro de la lectura y dicción, han provocado que un % elevadísimo de lo que se dice o transmite, vía medios informáticos modernos, sean futilidades sin sentido y sin interés. Mínimas anécdotas personales de quienes se encuentran solos pero creen que su soledad se ha curado con esta posibilidad de comunicar hechos o sucesos absurdos e inútiles.
    Además, la factura de las multinacionales telefónicas aparece todos los meses para recordarnos que tenemos un inmenso rebaño de “amigos” que cuidamos con esmero. En cuanto a los posibles efectos adversos para la salud, te ruego que veas estos dos vídeos, que no puedo insertar en los comentarios,

    http://www.youtube.com/watch?v=VEGygPxS1_w

    http://www.youtube.com/watch?v=olJl2fJXAY0

    Son la prueba fehaciente de que los celulares emiten microondas, además de otras radiaciones, y por tanto, ordenan la orientación de las moléculas de agua en los tejidos vivos, generando un calor desde dentro hacia fuera, como un aparato microondas de la cocina, lo estés utilizando tú o cualquier persona que se encuentre a tu alrededor. Por último, y siento alargarme tanto, lo que es pernicioso es el gran cambio en el proceso comunicativo que ha tenido lugar: coger la mano, pasear y hablar, abrazarse, tocarse, sentirse,… pareciese que son actos que deben quedar desterrados por ancestrales e innecesarios. ¡Un horror!

    Un fuerte abrazo, querida Smareis.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Antonio,
      Obrigada pelo link, já fui ver e achei bem inteligente o que fizeram. Estourar pipoca, e ferver a água com a radiação do celular foi muito bem bolado. Mesmo que isso seja exagero, é um alerta para as pessoas quanto à radiação que existe nos celulares. Obrigada meu amigo!
      Grande abraço!

      Excluir
  31. Ótima postagem, as pessoas realmente estão sem noção...
    Beijo Lisette.

    ResponderExcluir
  32. Ola minha querida amiga, boa tarde!
    aahhh... eu ja recupere do vicio. Agora sou um dinossauro perfeito e feliz. Voltei a ter minha vida e minha paz, vivia possuida pelo smartphone e tenho banido da minha vida, jejeje!
    Beijos com muito carinho.

    ResponderExcluir
  33. Ahora este teléfono tiene más cosas que realmente parece una computadora y lo que menos se hace es hablar por él.
    Hay que desconectarse un poco para conectarse a la vida.
    Ahora te cuento un chiste sobre telefonos.
    ring
    -oiga es el 999-99-99
    -no es el 666-66-66
    -disculpe he vuelto a marcar al revés.
    Abraços e beijos.

    ResponderExcluir
  34. Excelente texto, y vferidico que podemos hacer umm pues saber elegir lo que leemos, lo que compartimos y tener mucho cuidado con lo que hacemos en las redes ..

    saludos guapa un abrazo!

    ResponderExcluir
  35. OI SMAREIS!
    MUITO BOM ESTE POST E O VÍDEO É REVELADOR, POIS, NOS DÁ UM BOA ACORDADA.
    ABRÇS
    http://zilanicelia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

  36. Olá Smareis,

    Segundo já li a respeito, a nomofobia está associada aos transtornos de ansiedade. Hoje em dia é difícil desplugar-se do celular haja vista a extensão de vantagens que o aparelho moderno traz para a vida das pessoas. Mas, como sabemos, todos os excessos são prejudiciais. Meu uso de telefones se restringe ao estritamente necessário. Fico conectada à internet, mas através de computadores e do tablet, mas sem qualquer dependência. Os prazeres da vida real jamais serão supridos pela virtualidade, mas somente se chega a esta conclusão através da experiência ou quando algum fato em especial concorre para este despertar. A função da tecnologia é facilitar a vida e não prejudicá-la. Saibamos dosar o seu uso. O vídeo complementou muito bem a sua postagem.

    Beijo.

    ResponderExcluir
  37. Smareis querida!
    Ótimo texto, muito bem-escrito e com riqueza de detalhes de pesquisa.
    Não conhecia o termo "nomofobia", embora já imaginava ter um nome para isso, visto que existem muitos 'viciados' no celular, e concordo que é difícil não ser mesmo. Pelo celular temos alcance a muitos e muita coisa, informação e pessoas, contatos; e nem percebemos que podemos estar extrapolando. E o problema não é a tecnologia em si, mas seu mau uso com o excesso. E perde-se na vida pessoal, com certeza; mas saliento que a vida virtual também é boa, pode ser partilha, interação, mas sempre com moderação, é melhor em tudo.
    Beijos e ótimos dias, querida!

    ResponderExcluir
  38. Estimada Smareis. Ha sido grande el avance tecnológico del ser humano en los últimos años. Sin duda la legada de internet ha mejorado las comunicaciones y ha facilitado un mundo de posibilidades y recursos muy útiles para muchos campos: ciencia, medicina, educación, sanidad, comunicaciones...y un infinito etcétera. Pero una vez más es el uso de esa tecnología lo que marca la diferencia entre lo bueno y deseable y lo que no lo es.
    Es frecuente ver en lugares públicos, plazas, parques, restaurantes, cafeterías...gente sentada al lado o en la misma mesa y cada uno con su smartphone leyendo o enviando mensajes sin ni siquiera hablar entre ellos. ¿Vamos hacia una nueva forma de incomunicación? Algo de eso puede haber.
    Las ventajas de las nuevas tecnologías son innumerables, los peligros también.
    El celular es un gran avance pero hay que saber desconectar a tiempo.
    Gracias por tus siempre interesantes reflexiones.
    Un fuerte abrazo

    ResponderExcluir
  39. Bom dia minha simpática amiga Smareis!

    Tudo bem contigo?
    Graças à Deus a semana está bem tranquila!
    Dei uma boa adiantada nas encomendas e está me sobrando um tempinho extra :)
    Exatamente assim mesmo que acontece. O Dudu vive na casa do amiguinho e ele aqui ^^
    Não sei se é bom ou ruim, mais o que sei é que a gente não vive mais sem essas últimas sofisticações, né? rsrs...

    Aproveito para agradecer o carinho e te desejar uma ótima quinta-feira ^^
    Beijinhos no coração... TATIANA BERTOLIN

    casinhadasgifs.zip.net

    ResponderExcluir
  40. Agradeço a Deus cada laço de amizade ,
    que eu criei nesse mundo.
    Hoje desfruto do amor e
    da bondade de vocês.
    Deus esteja sempre contigo
    nessa caminha longa das nossas vidas.
    Um abençoado final de semana,
    beijos e meu carinho hoje e sempre ,Evanir.

    ResponderExcluir
  41. Eu não consigo me desconectar, porém agora estou motivada a tentar!, tenha uma linda tarde!

    ResponderExcluir
  42. Virge! Pelo menos desse vício eu não sofro... hehehe! Aliás, acho que tenho celular-fobia... só uso quando preciso mesmo! Um perigo moderno essa dependência, nzé? Bjos, gatona! Boa quinta!

    ResponderExcluir
  43. Eu tenho um celular que só serve para receber e fazer chamadas, então eu não sou escravo dela! Abraços!

    ResponderExcluir
  44. Qualquer coisa tomada de forma obsessiva é prejudicial, inclusive tecnologia!
    Eu realmente gosto dos lembretes da agenda eletrônica, pois não posso mais confiar apenas na minha fraca memória, mas, fora isto, o celular é u telefone de emergência!
    Mas, o seu post foi ótimo e atual!
    Abraços, Smareis!

    ResponderExcluir
  45. Olá Smareis! Belo texto! Grande e oportuno alerta. Celular para mim é só para fazer e receber ligações. Rsrs.

    Beijos e muita paz.

    Furtado.

    ResponderExcluir
  46. Verdade seja dita, hoje nem me importo se está ligado ou não.
    Dependi muito do "phone" enquanto os meus Pais foram vivos, foi complicado, mas agora apenas o uso para enviar um SMS ou uma conversa rápida.
    Continua a ser muito bom sentar à mesa de um café e ter uma boa conversa, olhos nos olhos.
    Obrigada pela visita; espero que volte...
    Beijos e abraços
    Marta

    ResponderExcluir
  47. Querida Smareis, eu também aplaudo essa empresa e que possamos refletir e seriamente sobre isso.. uso o celular apenas para o necessário (fazer e receber chamadas), a net da mesma forma, mandar e receber e-mails, os Blogs sempre com a intenção de aprender com todos e as redes sociais nunca substituem a "velha e boa conversa", olho no olho, abraço apertado, carinho real! Belíssima postagem! Um abraço e feliz final de semana!

    ResponderExcluir
  48. Eu moro em frente a uma antena de celular desde 1999. Minha antipatia por esse tipo de aparelho é mais do que justificada. Só uso quando absolutamente necessário. Abraços, Smareis.

    ResponderExcluir
  49. Tornou-se imprescindível. Sem ele estamos vazios, falta-nos algo, sempre com ele dum lado para o outro... inseparáveis!
    Não é que seja boa tanta dependência, mas dá a sensação de que nos sentimos algo mais seguros. Tento usar o menos possível, mas em casa passa o mesmo.
    Nenhum excesso é bom.
    Um abraço bem grande

    ResponderExcluir
  50. Hola Smareis, tu texto esta lleno de verdad, hoy el ser humano esta practicamente aislado de los demás por estos avances tecnológicos.
    Un abrazo.

    ResponderExcluir
  51. Oi Smareis

    Muito interessante o seu texto.
    Descobri aqui que não sou nomofóbica. Só ando com celular quando preciso sair de casa.
    Mesmo assim, muitas vezes esqueço de colocá-lo na bolsa. Tudo deve ser usado com moderação.
    Apesar de achar que a rede social hoje é necessária, procuro acessar o menos possível
    a internet.
    Ressalvo. Mas vir aqui tornou-se imprescindível.
    Bjs.


    ResponderExcluir
  52. Hey,Smareis
    Sorry ,my blog girlfriend, but without technical progression
    there is the fact of degeneration compensation ,generation after generation..
    Kisses with cyberflowers,Willy

    ResponderExcluir
  53. That's a powerful video! I really like it. We are becoming a very disconnected society despite all the new technology in communication. So very sad really.
    Excellent post!
    xo Catherine

    ResponderExcluir
  54. Bom dia, Smareis! Seu texto é de muita importância; pois a sensibilidade, o respeito, a paz e o amor não podem ser excluídos no processo de evolução tecnológica. Bjs!

    ResponderExcluir
  55. Texto maravilhoso Smareis.
    Não sou de ficar grudada no celular, não tenho o hábito de ficar falando nele, só uso mesmo quando necessário.
    Vou compartilhar no Face...um grande beijo no coração e lindo final de semana.

    ResponderExcluir
  56. Por um mundo com mais (generosos) bumbuns masculinos... hahahahahaha! Bjos e ótimo fds, querida!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fred, o rapaz tá com tudo e não ta prosa. Hulk ganhou o título de popozudo de 2013, 111 centímetros. Tá ganhando da mulherada.
      Beijos meu amigo!
      ótimo fds!

      Excluir
  57. Confesso-te que sou meio desligada de telefones (risos)
    Creio que tenho essa fobia ao contrario!

    Mas é interessante porque ajuda a todos que usam dessa ferramenta no dia a dia o que são a maioria.

    Meu marido mesmo só falta dormir com o telemóvel :) e minhas filhas idem!

    É tranquilizador saber mais detalhes dos factores do uso desses aparelhinho que tomou posse da humanidade, as vezes imagino aquí com meus botões:

    O que seria do mundo actual se repentinamente os telemoveis deixassem de funcionar?

    ...

    Um carinhoso abraço Querida,tenha uma noite santa, um sabado feliz.

    Vou compartilhar em minhas redes.

    ResponderExcluir
  58. Oi, Smareis!

    Assunto muito interessante, principalmente pelo fato de "todo mundo" ( ou quase) possuir um celular e este aparelho cada vez agregar diversas mídias e plataformas, o que só faz aumentar o fascínio principalmente entre os mais jovens.

    Não discuto os benefícios do celular - que são muitos -, mas também é preciso tomar seus cuidados, como bem relatado no texto. Parece-me que a palavra "equilíbrio" anda um pouco esquecida quando nos referimos à tecnologias, sobretudo tecnologias da informação e comunicação. É bom passar um tempo "off" de vez em quando - eu tenho os meus períodos de distância das redes sociais e celulares - para repensarmos a nossa relação com esses meios e com outros meios - família, amizades, o mundo "off line".

    Tenho o mesmo celular há 05 anos...rs É um "tijolinho" diante destes novos modelos, mas cumpre com o que eu preciso, que é me comunicar. Mas no final de semana ele passa boa parte do tempo desligado e mesmo esquecido...rs

    Bom final de semana para você! :)

    Bjs!

    ResponderExcluir
  59. Há um exagero mesmo. Eu sou um ET porque uso meu celular só pra falar e enviar mensagem. Quando tô na rua não entro em internet, faço isso em casa mesmo no meu pc. Adorei sua postagem, Smareis! Beijos e bom fim de semana.

    ResponderExcluir
  60. Oi, querida e "especial" Smareis!

    Tudo bem com você?

    Não sofro dessa "doença", graças a Deus.
    Aliás, eu só sou dependente do AMOR, nas suas grandes e muitas vertentes.

    Hoje, não poderia de deixar de passar por seu cantinho, porque se celebra o "DIA INTERNACIONAL DA AMIZADE".

    FELIZ E SINCERO DIA, QUERIDA.

    Esta rosa branca é para continuar selando nossa amizade. É pra você.

    Bom fim semana.

    Beijos muito amigos e sinceros da Luz

    ResponderExcluir
  61. eu não sofro deste vicio. pelo contrário, abomino pessoas que dirigem falando ao celular, ou que nas reuniões e palestras ficam digitando no facebook ou chat, desrespeitando a tudo e a todos. não que eu seja avesso ao uso, mas ao abuso. Acho ridículo este bicho que parece um óculos, muitos acidentes vão acontecer por essa ideia horrorosa; sinto muito pelas, as pessoas que tenham porventura sido atingidas, mas prefiro ser sincero e absolutamente intransigente com a estupidez, mas só o sou contra a estupidez que coloca desnecessariamente a vida e integridade de terceiros, já o que cada um faz a si mesmo é problema só dele.

    ResponderExcluir
  62. Vejo os garotos lidarem com esses avanços tecnológicos com a maior facilidade. Quando encontro algum no elevador, com o aparelho na mão, sempre faço uma brincadeira. É que não sou muito ligada a celular. Ele fica na bolsa e, muitas vezes, nem o ouço tocar (rss). Mas sou fanática pelo computador. É com ele que brinco e passo muitas horas xeretando. Sua postagem está muito rica em informações. Grande beijo!

    ResponderExcluir
  63. Smareis, feliz dia do amigo, li seu post, muito esclarecedor, eu por mim não uso celular, o meu primeiro celular foi do tempo em que eram bem grandes, rs, era bem chato ainda, só servia para ligar como se fosse um telefone comum, mas móvel, hoje percebo que o celular vicia, não tenho mais, depois que perdi o meu último nunca mais eu quis saber de outro,se for preciso pego emprestado o do meu marido, ele também nem usa muito.
    As pessoas estranham, pois sou bem moderna, mas não gosto de celular!
    Abraços!

    ResponderExcluir
  64. Oi Smareis,

    o seu texto é todo verdadeiro. Costumo dizer que a internet aproxima quem está longe e distancia quem está perto.
    Triste realidade!

    Grande abraço

    Leila

    ResponderExcluir
  65. amiga gostei muito do texto, realmente a tecnologia permite que estejamos mais perto das pessoas que moram longe, mas acabamos nos perdendo dos que estão ao nosso lado.. isso não se aplica somente ao celular, mas computador, ipad e cia tb nos afastam da família e dos amigos.. sei bem, sou viciada em tecnologia, mas tenho tentado me policiar pra não me arrepender de perder momentos com as pessoas queridas.. beijos mil e ótimo domingo amiga..

    ResponderExcluir
  66. EL TEMA DE LAS TECNOLOGÍAS ES UN TEMA MUY POLÉMICO.
    UN ABRAZO

    ResponderExcluir
  67. Querida Smareis

    Sempre oportuna e com reflexões reais e preciosas.
    Verdadeiramente o celular, depois do aparecimento da televisão, foi o objecto mais prejudicial aos relacionamentos, convivência e, até me atreveria a dizer, amizade.
    Sabemos que as comunicações generalizadas e vulgarizadas (desnecessárias) são uma aparência que se pretende manter como "prova" da quantidade de "amigos" (????) que se tem, ou do "Status" que se pretende mostrar ter.
    Os erros, pagam-se caro. Creio que a Geração actual já o começou a pagar.
    Parabéns, Amiga.


    Beijos



    SOL

    ResponderExcluir
  68. Oi querida Smareis, vim lhe desejar um ótimo começo de semana e um bom domingo amiga! Beijos!

    ResponderExcluir
  69. Boa tarde, minha amiga.
    Não vinha aqui há algum tempo e esse lugar continua sendo imprescindível na minha visita à blogosfera.
    Admito que sou um pouco "viciado", não na tecnologia do telefone mas na possibilidade de continuar em permanente contacto com todos aqueles que eu gosto de conversar.
    Bom post, super informativo!
    Um abraço, de saudade.

    ResponderExcluir
  70. Amiga

    yo este telefono ya no lo apago :O

    Todo el dia esta prendido

    ResponderExcluir
  71. Oi Smareis,tudo bem?Obrigada pela dica do canal de filmes,vou conferir!Concordo com seu post,infelizmente tem gente que não vive mais sem o celular e entra em pânico quando não sabe onde colocou o mesmo.Tem uns que falam mais no celular que com as pessoas que estão por perto,o que trocando em miúdos é como se esta pessoa não estivesse fisicamente naquele local.É preciso ter limite e moderação,isso vale pra tudo na vida!Beijos!

    ResponderExcluir
  72. Mais que atual e tão pertinente a reflexão que nos trazes hoje, Smareis. É uma dependência total em que este bichinho já faz parte dos minutos roubados à família, aos amigos, à profissão e por último a si próprio quando é prejudicial à saude.
    Depois,é uma dependência total em que os jovens não conseguem controlar-se sem a companhia deste instrumento seja ausentando-se da família, seja nas aulas e até em exames ou nos restaurantes onde o diálogo continua a ser desviado...
    Mas a situação agrava-se igualmente quando faz com que o diálogo entre o casal e a família seja interrompido, penalizado. Um sem fim de argumentos que nos trazes e que nos obrigam a refletir sempre.
    Grande postagem minha querida Smareis!
    Boa semana e um terno abraço

    ResponderExcluir
  73. Sou completamente a favor da tecnologia. Sei reconhecer os altos benefícios que nos trouxe, mas não deixo de ver os grandes e graves inconvenientes de não sabermos utilizá-la com moderação.
    Uma grande verdade diz Millor Fernandes:
    "...o problema de comunicação mais sério era o de perto."

    Uma boa semana.
    Beijinhos

    Mariazita



    ResponderExcluir
  74. Gosto muito da tecnologia mas...em matéria de celular não sou muito ligada...Tenho um aparelho comum e jamais me conectei à internet por ele...Só mesmo o computador...


    Bjusssssss

    ResponderExcluir
  75. Dá para acreditar que não tenho celular???Nem tablet...e outras cositas mais???
    Computador sim,mas sem aquela "tara"...rsrsrsrsrs...
    Beijão da CristaCristalCristalina,a famosa 3C...rsrsrsrsrs...

    ResponderExcluir
  76. Eu não sabia o nome... mas o fato é incontestável; na minha profissão, o celular é um instrumento importantíssimo. Mas procuro não me desligar dos que me cercam por causa dele, nunca! Belo texto, boa semana.

    ResponderExcluir
  77. Oie Smareis, eu sou completamente viciada no meu iphone e durmo com ele do meu lado na mesinha de cabeceira hehe.
    Mas, ultimamente eu tenho procurado ler livros e assistir filmes ja que aqui fico mto sozinha.

    bjiimm e otima semana

    http://meuamorpaquistanes.blogspot.ie/

    http://www.lencos-e-aderecos.com/

    ResponderExcluir
  78. Sabe, amiga... É coisa que não uso!
    E até tenho cá em casa... que me têm oferecido.
    Vivo à moda antiga!

    Beijinhos!

    ResponderExcluir
  79. Smareis, o meu abraço, o meu carinho e o meu respeito por você. Seu texto é uma reflexão belíssima entre tantas outras maravilhosas que publica aqui.

    ResponderExcluir
  80. Olá Smareis!
    É bem verdade a nomofobia. Eu mesma, que amo tecnologia, me cuido para que isso não aconteça. Excelente texto! Beijos e obrigada pelo seu carinho lá no TP.

    ResponderExcluir
  81. Simplesmente tenho saudades*
    Pensando com arte.

    ResponderExcluir
  82. Não se pode fugir e ou eximir-se de usa-los bem sabemos.
    Mas o uso deve ser controlado, para que não se torne um mal educado tecnológico. Uma escola de Alagoas estava tão preocupada com os alunos plugados durante a escola, que implantou um sistema para informar.As vezes metade da sala esta conectada e a aula em segundo plano.
    Precisamos de um pensar sobre o uso desregrado destas maquininhas cada vez mais atraentes e funcionais.
    Bela postagem amiga.
    Um bom fim de semana com paz e alegria.
    Meu terno abraço.
    Bjo

    ResponderExcluir
  83. Interesante, me dejaste pensando.
    Saludos
    David

    ResponderExcluir
  84. Minha querida

    A tecnologia é muito bom, mas tem de ser usada com peso e medida. Um texto como sempre para reflectir nele.

    Um beijinho com carinho
    Sonhadora

    ResponderExcluir
  85. Quando se ama não existe cor. Quando se ama não existe altura. Quando se ama não existe gosto. Quando se ama não existe preconceito, e ai onde muitas pessoas se enganam, achar que amar é simplesmente viver ao lado de um príncipe ou uma princesa,. Cada um leva uma coisa diferente em seu coração, e quer saber? Vale a pena conhecer, tenho certeza que se você conhecesse essa pessoa, pra você ela seria a mais linda do mundo, pois ela tem sentimentos nobres e um coração enorme. O cavaleiro negro apaixonado, deixa aqui um convite : venha saber as novidades. Bom restinho de semana. . Bye.

    ResponderExcluir
  86. Passando para desejar um ótimo dia!
    Liz<3
    The Red Lil' Shoes Blog
    http://theredlilshoes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  87. Creo que la tecnologìa utilizada en su justa medida es beneficiosa.

    un abrazo

    fus

    ResponderExcluir


  88. amiga pasando a desearte un buen finde

    ResponderExcluir
  89. Ainda mando na tecnologia.
    Por exemplo: sempre que estou com o maridão, desconecto-me!

    ResponderExcluir
  90. Olá Smareis, e que tudo esteja bem!

    Um texto repleto de verdades. O homem evoluiu tanto tecnologicamente, porém ao invés de encurtar as distâncias, só que, prefere usar a tecnologia para se distanciar dos que lhes estão próximos, que pena que somos tão inteligentes!

    Mas sempre que venho cá, eu encontro belos escritos e imagens, e assim antes de ir deixo cá meu agradecimento por tuas gentis visitas e comentários, pela tua amizade, e também meu desejo para que teu viver seja sempre deveras intenso e feliz, um grande abraço e, até mais!

    ResponderExcluir
  91. PARA BRASILEIROS
    Hoje trago um convite:
    No meu blog OLHAI OS LÍRIOS DO MACUÁ
    publiquei hoje, dia 28/07/13, um poema da minha querida amiga brasileira Maria Lúcia.
    Na qualidade de sua conterrânea gostaria de contar com a sua presença, homenageando-a.
    Desde já o meu “Bem haja!”

    Mariazita

    ResponderExcluir
  92. Ola Smareis,
    òtimo post. Eu as vezes me desligo sim,
    Soube que quem usa marcapasso é extremanete proibido
    se falar do lado ddo aparelho.

    Deixo um beijo e o desejo de uma semana
    cheia de luz

    ResponderExcluir
  93. Boa semana, Smareis! Aguardo o próximo post.

    ResponderExcluir
  94. Perfeita mensagem, especialmente para quem trabalha em telecomunicações há 14 anos como eu e precisa estar com o telefone ao lado 24hs pro dia.... dá até crise de abstinência!
    quando vou para fazenda, sítio, que fico sem cobertura....sem ouvir toque de celular.. é um vazio doentio....
    e percebo que crianças de 5 anos já estão dependentes de tecnologia! isso é um horror!
    perfeita abordagem
    bj Sandra
    www.projetandopessoas.com.br

    ResponderExcluir
  95. OLÁ, AMIGA SMAREIS! Como vai?
    VC conhece alguém que não usa celular?!!! Esta sou Eu!!! Rss...
    Depois que me aposentei (de vez), uns 5 anos atrás, pois já era aposentada,mas continuava lecionando, eu "aposentei o Celular,tb!!! Não uso mesmo!!! Rss... Acho que sou a única pessoa a não usar!!! Rss...Não vejo necessidade,pois qdo saio,Jairo vai comigo e leva o celular dele! E em casa ,estou conectada na internet!!!
    Vim ver as novidades e desejar uma linda semana! Pois,acho que o frio vai diminuir um pouco!!!
    Ando até mais animada pra postar!!!Rss... Fiz um post novo pro "Natureza Feminina" também!
    Passe lá depois se Vc puder,acho que irá recordar de sua adolescência! Rss...
    Ótima Semaninha!
    Bjinhosss, MARY.

    ResponderExcluir
  96. Ótimo texto, Smareis. Parece que a humanidade está cada vez mais viciada...A propósito, há tempos eu queria deixar comentário no seu blog, mas, não conseguia. Agora estou aqui e deixo-lhe um beijo!

    ResponderExcluir
  97. OI SMAREIS!
    ACHO O CELULAR UMA ÓTIMA FERRAMENTA PARA MELHORAR NOSSAS VIDAS, MAS O QUE SE VÊ SÃO OS EXAGEROS, VEJO CRIANÇAS CONECTADAS NA INTERNET VIA CELULAR, ENTÃO, A PRACINHA, AS BRINCADEIRAS COM AMIGOS ETC., DEIXOU DE TER ATRATIVOS PARA ELAS E ISTO NÃO É BOM.
    TODAS AS NOVIDADES SÃO BOAS, SE USADAS ADEQUADAMENTE.
    ABRÇS
    http://zilanicelia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  98. Oi Smareis!
    Grata pela visita,seja sempre bem vinda.
    Adorei o conteúdo do seu blog e o visual também.
    Que postagem oportuna...se não nos policiarmos,
    corremos o sério risco de viciar em celular e nas demais tecnologias né?!
    Esse vídeo é ótimo,já conhecia,mas foi bom revê-lo.
    bjs!

    ResponderExcluir
  99. Oieeee mocinha linda tudo bem com vc?
    Passando pra deixar meu carinho e um abraço apertado.
    Uma ótima noite pra vc !
    “Quem caminha sozinho pode até chegar mais rápido, mas aquele que vai acompanhado,
    com certeza vai mais longe”
    Beijinhus
    Magiagifs(Li)

    ResponderExcluir
:) :( ;) :D :-/ :P :-O X( :7 B-) :-S :(( :)) :| :-B ~X( L-) (:| =D7 @-) :-w 7:P \m/ :-q :-bd



Nunca existiu uma pessoa como você antes, não existe ninguém neste mundo como você agora e nem nunca existirá. Veja só o respeito que a vida tem por você.
Você é uma obra de arte — impossível de repetir,
incomparável, absolutamente única. (Osho)

Links de propagandas e comentários anônimos, serão excluídos automaticamente, a não ser que se identifique com seu nome e endereço do blog/site.

Obrigada pelo seu comentário!
Thanks for the comment!
Gracias por tu comentario!
Merci pour le commentaire!